A RELIGIÃO NOS VERSOS DE GERALDO AMÂNCIO

Voltando o Cristo querido,
O profeta mais profundo,
Ele vai para a montanha
Fazer o sermão segundo,
Na oficina da vida
Vai ver se conserta do mundo.

Num pantanal de terror
A juventude se joga,
Só escapa se usar
Conversão em vez de droga.
Sem o socorro de Deus
Num mar de lama se afoga.

Ou o mundo dialoga
Com Jesus de Nazaré,
Ou marcha para um abismo
Sem ver o fim onde é.
Cantando o hino do medo
Na procissão dos sem fé.

Por Deus esse mundo é
Feito, pensado e regido.
O edifício do bem
Só pode ser construído,
Quando o código do bem
Por nós for obedecido.

Serão novas Canaãs
Com painéis de nova cor.
Em vez de presídios, templos,
Em vez do ódio o amor.
A construção do caminho
Da volta do Salvador.

Geraldo Amâncio Pereira é poeta, repentista, trovador, cordelista e contador de causos. Nascido no sítio Malhada da Areia, município do Cedro, Ceará, em 29 de abril de 1946. Cursou faculdade de História em Fortaleza. Começou com acompanhamento de viola em 1966. Participou de centenas de festivais em todo o país, e classificou-se mais de 150 vezes em primeiro lugar. Organizou festivais internacionais de repentistas e trovadores, além do festival Patativa do Assaré. É autor das três antologias sobre cantoria em parceria com o poeta Vanderley Pereira. Gravou 15 CDs ao longo da carreira, além de ter publicado cordéis em livros. Apresentou o programa dominical “Ao Som da Viola”, na TV Diário em Fortaleza.

7 Comentários!

ENVELHECER COM SABEDORIA

O envelhecimento é um processo que traz diversas modificações no corpo como diminuição da mobilidade, da força e da agilidade, o que interfere na autonomia da vida diária. Muitas dessas alterações moderam a capacidade de locomoção do idoso, entretanto é possível amenizar os efeitos com atividades físicas.

Uma das grandes preocupações em relação à velhice é ser dependente de outras pessoas. Todavia, existem diferenças entre independência e autonomia. Independência refere-se à capacidade de realizar atividades cotidianas sem auxílio. Autonomia é a competência de gerir a própria vida e de tomar decisões.

Devemo focar nos ganhos que surgirão com a idade: amadurecimento, experiência, capacidade de perceber detalhes que os mais jovens não conseguem, e a liberdade que vem com o envelhecer. Aproveitar o tempo, vivendo sem a angústia do futuro, constitui uma qualidade de vida de quem investiu no autoconhecimento.

Durante toda a vida, não devemos ter receio de continuar a amar, desenvolver a gratidão e respeitar quem está ao nosso lado. O poeta pernambucano Bastos Tigre (1982-1957) nos ensina em sábios versos a importância de envelhecer bem:

ENVELHECER

Entra pela velhice com cuidado,
Pé ante pé, sem provocar rumores
Que despertem lembranças do passado,
Sonhos de glória, ilusões de amores.

Do que tiveres no pomar plantado,
Apanha os frutos e recolhe as flores
Mas lavra ainda e planta o teu eirado
Que outros irão colher quando te fores.

Não te seja a velhice enfermidade!
Alimenta no espírito a saúde!
Luta contra as tibiezas da vontade!

Que a neve caia! o teu ardor não mude!
Mantem-te jovem, pouca importa a idade!
Tem cada idade a sua juventude.

9 Comentários!

A MULHER NOS VERSOS DOS REPENTISTAS

Eu tendo a mulher de lado
Vivo feliz na guarida
Ela forra a minha cama
Bota o prato de comida
Homem que perde a mulher
Perde a metade da vida.

Valdir Teles

Se a mulher não existisse,
Era preciso fazê-la,
Que uma casa sem mulher
Não há quem deseje vê-la;
É como um dia sem sol
E uma noite sem estrela.

Bem-te-vi Neto (1922 – 1959)

Quando a mulher é jogada
Na mais detestável lama,
Recebendo humilhações
Da pessoa que mais ama,
A terra bebe tremendo
As lágrimas que ela derrama.

Rogério Menezes

Mulher é um quadro lindo
E o homem machista quer
Que a mulher seja uma escrava
E faça o que ele quiser
Quando é ele que devia
Ser escravo da mulher.

Geraldo Amâncio

A mulher é rosa viva
Onde o sentimento exala
O seu olhar é pacífico
Escuta o que a alma fala
E os lábios murmuram sonhos
Depois que a alma se cala.

Rubens do Valle

6 Comentários!

FRASES ANÔNIMAS BEM-HUMORADAS

“Descobri que o segredo para não falar coisas das quais possa vir a me arrepender é estar sempre calmo. Agora só falta descobrir o segredo para estar sempre calmo.”

“Dizem que ninguém é feliz sozinho. Não sei se é verdade. Só sei que ninguém é feliz mal acompanhado.”

“A maioria dos problemas do mundo acabaria se conversássemos mais uns com os outros ao invés uns dos outros.”

“Fundo do poço? Desço, bebo água, subo e ainda trago água para matar a sede de quem achou que eu iria ficar por lá.”

“Os distraídos são os mais verdadeiros, pois a falsidade exige muita concentração.”

“Não se preocupe se não gostarem de você. A maioria das pessoas está lutando para gostar de si mesma.”

“Na vida não tem como evitar, quando você não estiver ensinando… Estará aprendendo.”

“Eu concordo com as pessoas porque discordar faz com que elas continuem falando.”

“Não se lamente por viver com a corda no pescoço. Tiradentes também esteve assim e hoje é herói nacional.”

“Em tempo de dieta, melhor engolir sapo, que é proteína, do que comer o pão que o diabo amassou que é carboidrato.”

“Ninguém conhece as suas lutas, portanto, você não precisa provar nada, a não ser roupa, sapato e vinho.”

“Certas pessoas são como nuvens quando elas somem, o dia fica mais lindo!”

“Amor à primeira vista é possível, mas é sempre bom limpar os óculos e dar um segundo olhar.”

“Não tenho medo de fantasmas. Só invejo mesmo, por eles terem cargos públicos bem remunerados.”

“Aproveite cada minuto, porque o tempo não volta. O que volta é a vontade de voltar no tempo…”

“Existem por aí mentirosos tão bons, mas tão bons, que no fim conseguem convencer os outros de que as vítimas são eles.”

“Chegamos naquela idade, que não precisamos mais ficar sarados. Se ficarmos curados, já estamos no lucro.”

“É impossível viver sem ter falhado em alguma coisa. A menos que você viva tão cuidadosamente que não tenha vivido nada.”

“As pessoas que se acham a última bolacha do pacote, esquecem existirem pessoas que preferem pão com manteiga.”

“Inteligente é aquele que sabe aonde quer ir, e mais inteligente ainda é aquele que sabe onde não deve voltar.”

11 Comentários!

ENCANTOU-SE UMA LENDA DO REPENTE

O poeta repentista João Batista Bernado, mais conhecido por João Furiba, que faria 101 anos em julho, morreu de causas naturais, no dia 31 de janeiro do corrente ano, em Cajazeiras/PB, onde estava internado em hospital da cidade.

João Furiba

João Furiba nasceu em Taquaritinga do Norte/PE e viveu boa parte de sua existência em Sumé, no Cariri Paraibano. Recentemente residia com a terceira esposa na cidade de Triunfo/PB.

Foi discípulo de Pinto do Monteiro, com quem viajou por mais de 15 anos e pertence à galeria dos maiores repentistas do Brasil, brilhando na mesma constelação de Geraldo Amâncio, Ivanildo Vila Nova, Os Batistas, Os Bandeiras, Moacir Laurentino, Valdir Teles, Oliveira de Panelas, João Paraibano e Sebastião Dias.

Vamos homenagear João Furiba descrevendo episódio de sua longa, profícua e exitosa vida profissional no admirável mundo do repente. Em Campina Grande, no 149° aniversário da Independência do Brasil , ele cantava com os repentistas Antônio Barbosa e João Marinho, no auditório da Borborema. O animador pediu um mote alusivo à data. Orlando Tejo escreveu num papel de cigarro:

Já faz cento e quarenta e nove anos
Que o Brasil se tornou independente

Furiba glosou com seu talento de mestre do improviso:

O Brasil já viveu no cativeiro
Suportando o regime imperial
Mas, depois, se tornou colonial
Não quis mais sujeitar-se ao estrangeiro
Veio um rei que se tornou brasileiro
Dedicou seu amor à nossa gente
Depois veio a trindade consciente
Deodoro Fonseca com seu manos
Já faz cento e quarenta e nove anos
Que o Brasil se tornou independente.

12 Comentários!

A TECNOLOGIA DO ABRAÇO POR UM MATUTO MINEIRO

O matuto falava tão calmamente, que parecia medir, analisar e meditar sobre cada palavra que dizia…

– É… Das invenções dos homens, a que mais tem sentido é o abraço. O abraço não tem jeito de um só aproveitar! Tudo quanto é gente, no abraço, participa uma beradinha…

Quando você tá danado de saudade, o abraço de alguém te alivia…

Quando você tá com muita raiva, vem um, te abraça e você fica até sem graça de continuar com raiva…

Se você tá feliz e abraça alguém, esse alguém pega um pouquinho da sua alegria…

Se alguém tá doente, quando você abraça ele, ele começa a melhorar, e você melhora junto também…

Muita gente importante já tentou dar um jeito de saber por que é que o abraço tem tanta tecnologia…

Mas eu sei!

O abraço é bom por causa do coração…

Quando você abraça alguém, faz massagem no coração!…

O coração do outro é massageado também! Mas não é só isso, não…

Aqui tá a chave do maior segredo de tudo:

É que, quando abraçamos alguém, nós ficamos com dois corações no peito!… Juntos… Dá até pra ouvir o coração do outro.

INTONCE… UM ABRAÇO PRÔ CÊ!!!

PS.: Não fique triste se alguém lhe virar as costas…

Isso significa, apenas, que essa pessoa não pode aguentar a firmeza de seu olhar.

O destino decide quem entra em nossas vidas…

As atitudes decidem quem permanece.

Fonte: Este texto foi encontrado na internet com autoria desconhecida. As pessoas começaram a enviar para os e-mails dos amigos, então, pelo bom humor do assunto resolvi publicar no JBF.

7 Comentários!

O BOM HUMOR NOS VERSOS DOS REPENTISTAS

Oliveira de Panelas, grande cantador repentista nordestino

* * *

Cristo foi crucificado
Em meio mil agressões
Porém por sorte morreu
Somente entre dois ladrões,
Se fosse hoje, na certa,
Seriam muitos milhões.

Oliveira de Panelas

O que eu tenho é esta casa
Que eu herdei do meu pai
É a chuva vem não vem,
É a casa vai não vai;
Todo dia eu boto barro,
Toda noite o barro cai!

Luiz de Campos (1939 – 2013)

Eu sou feliz porque vivo
Cantar verso sem quebranto
Sou feliz por ser poeta
Isso aí eu lhe garanto
Sílvio Santos tem dinheiro
E não canta o tanto que eu canto.

Geraldo Amâncio

Coisa ruim de fazer
É dirigir sem para-brisa
Entrar no xote com os filhos
Levando a carteira lisa
Amansar mulher valente
Que achou batom na camisa.

Rogério Menezes

Eu sou tão analfabeto,
Que nem sei dizer o tanto;
Vendo um lápis, tenho medo;
Vendo um caderno, me espanto,
Mas, quando um jumento rincha,
Eu penso um poema e canto.

Onésimo Maia (1951 – 2001)

6 Comentários!

FRASES DE MÁRIO QUINTANA

Aristeu Bezerra

“A saudade que dói mais fundo e irremediavelmente é a saudade que temos de nós.”

“Confesso que até hoje só conheci dois sinônimos perfeitos: ‘nunca e sempre’.”

“O que mata um jardim não é o abandono. O que mata um jardim é esse olhar de quem por ele passa indiferente. E assim é com a vida, você mata os sonhos que finge não ver. “

“No fundo, não há bons nem maus. Há apenas os que sentem prazer em fazer o bem e os que sentem prazer em fazer o mal. Tudo é volúpia.”

“Dizes que a beleza não é nada? Imagina um hipopótamo com alma de anjo… Sim, ele poderá convencer os outros de sua angelitude – mas que trabalheira!”

“A preguiça é a mãe do progresso. Se o homem não tivesse preguiça de caminhar, não teria inventado a roda.”

“Há 2 espécies de chato: os chatos propriamente ditos e os amigos, que são os nossos chatos prediletos .”

“Não tem porque interpretar um poema. O poema já é uma interpretação. “

“Só se deve beber por gosto: beber por desgosto é uma cretinice.”

“A resposta certa, não importa nada: o essencial é que as perguntas estejam certas.”

“Quero sempre poder ter um sorriso estampado em meu rosto, mesmo quando a situação não for muito alegre. E que esse meu sorriso consiga transmitir paz para os que estiverem ao meu redor.”

“O amor é isso. Não prende, não aperta, não sufoca. Porque quando vira nó, já deixou de ser laço. “

“A arte de viver é simplesmente a arte de conviver.. simplesmente, disse eu? Mas como é difícil!”

“O tempo não para! Só a saudade é que faz as coisas pararem no tempo.”

“Maravilhas nunca faltaram ao mundo; o que sempre falta é a capacidade de senti-las e admirá-las”

“Viver é acalentar sonhos e esperanças, fazendo da fé a nossa inspiração maior. É buscar nas pequenas coisas, um grande motivo de ser feliz!”

“Se eu acredito em Deus? Mas que valor poderia ter minha resposta, afirmativa ou não? O que importa é saber se Deus acredita em mim.”

“A indulgência é a maneira mais polida de desprezar alguém.”

“O passado não reconhece o seu lugar: está sempre presente…”

“Um bom poema é aquele que nos dá a impressão de que está lendo a gente… e não a gente a ele!”

Mário Quintana (1906 – 1994) nasceu na cidade de Alegrete, no Rio Grande do Sul. Ele foi poeta, tradutor e jornalista. É considerado um dos maiores poetas do século XX. Mestre da palavra, do humor e da síntese poética, em 1980 recebeu o Prêmio Machado de Assis da ABL e em 1981 foi agraciado com o prêmio Jabuti. Mário Quintana não se casou nem teve filhos. Viveu de 1968 até 1980 no Hotel Majestic, no centro histórico de Porto Alegre. Nesta cidade, veio a falecer no no dia 5 de maio de 1994.

9 Comentários!