IMPRENSA CALUNIADORA

A mulher com quem o presidiário Lula diz pretender se casar após sair da prisão, Rosângela da Silva, a “Janja”, recebe R$ 16.769,57 por mês, para atuar na área de “responsabilidade social” da estatal Itaipu Binacional, onde a média salarial é de R$ 8.779,68.

Como prova de que o “padrinho” era forte, ela foi nomeada em 1º de janeiro de 2005 para trabalhar em Curitiba e não próxima à hidrelétrica, em Foz do Iguaçu.

A menos que a data tenha sido fraudada, Itaipu abriu as portas para formalizar o contrato de “Janja” em pleno feriado nacional.

Relacionando-se com Lula há anos, “Janja” ganhou a boquinha em Itaipu sem fazer concurso ou passar por qualquer processo seletivo.

“Janja” foi contratada por ordem do então presidente de Itaipu, Jorge Samek, petista do Paraná obediente a Lula, que o nomeou.

O ex-presidente ao lado de Jorge Samek, o militante petista que nomeou Janja para a Itaipu por ordem de Lula

* * *

Só mesmo uma imprensa reacionária e fascista como esta nossa poderia publicar uma mentira cabeluda desta magnitude.

Janja é uma moça gabaritada, preparada e competente.

Ela sabe enfrentar um duro da porra no seu serviço.

O amor entre estes dois pombinhos, Lula e Janja, é tocante e comovente.

A Editoria do JBF dedica aos apaixonados noivos uma linda música na voz de Nat King Cole, ao mesmo tempo que deseja ao casal muitas e muitas felicidades nos próximos 20 anos de visitas íntimas.

2 Comentários

POLODORO ESTÁ ÀS ORDENS

Deputados do PSL estão inclinados a representar contra Maria do Rosário, do PT, no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados.

O motivo, como o Brasil inteiro sabe, foi o evento em que Rosário esbarrou propositalmente no deputado Éder Mauro – após esbarrar em outros deputados do PSL – e então o acusou de agressão.

A grande questão, é que todo o ocorrido foi gravado nos celulares de parlamentares. Ou seja, existem provas concretas contra Maria do Rosário.

“Se não tivessem filmado, ela teria se feito de vítima, com certeza. Ela esbarrou em mim e depois ficou dizendo que eu a empurrei. Perguntei se ela era maluca. Graças a Deus, filmaram” disse Éder Mauro.

* * *

Acabei de enviar uma sugestão para o tal Conselho de Ética da Câmara dos Deputados.

É o seguinte:

Uma excelente punição para Maria da Novena seria ela levar uma pajaraca do tipo rasga-prega bem no meio do olho do furico.

Um tipo de punição que todo petista merece. Com ou sem mandato.

Se o Conselho de Ética quiser, informo que o jumento Polodoro, mascote desta gazeta escrota, está inteiramente às ordens.

“Num vou aguentar não! Fico apavorada só de olhar a pica deste jumento. Polodoro vai rebentar minhas pregas todinhas! Tô fudida!!”

4 Comentários

O PASTOR E OS PETISTAS

A piada que corre em Brasília:

“O pastor congolês disse que Bolsanaro foi escolhido por Deus.

Já os petistas acham que Lula É Deus.”

* * *

Ceguinho Teimoso é a comprovação na prática desta afirmação aí de cima.

Pra ele, Lula é Deus.

Na procissão abaixo retratada, Ceguinho é o que está à frente, do lado esquerdo, de óculos escuros, ajudando a carregar o andor do seu Deus.

1 Resposta

COMPANHEIROS DE CADEIA UNIDOS PELA LEITURA

* * *

Muito interessante esta informação publicada pela revista IstoÉ.

Quem quiser ler a matéria completa, basta clicar aqui.

Segundo apurou a Editoria do JBF, o também prisioneiro Lula, condenado por corrupção e lavagem de dinheiro, já se mostrou interessado em adquirir os livros que serão vendidos pelo seu companheiro de cadeia.

Conforme foi informado pelo serviço de Relações Públicas Carcerárias, um órgão subordinado ao Diretório Nacional do PT e que cuida da multidão de ilustres petistas presos, Lula tornou-se leitor voraz depois que foi enjaulado.

Até pra ir cagar ele só vai com um livro.

Segundo informou Gleisi Hoffmann, a gerenta do bando, só neste mês de maio Lula já devorou Cem Anos de Solidão, Em Busca do Tempo Perdido, O Processo, Crime e Castigo e A Peste.

Todos estes títulos foram por ele mesmo escolhidos, segundo Gleisi.

A Editoria do JBF apurou que atualmente Lapa de Corrupto está terminando de ler Memórias do Cárcere, de Graciliano Ramos.

Detalhe importante: lendo com o livro de cabeça pra cima.

5 Comentários

“ATÉ AQUI CHEGUEI”

O cantor e escritor brasileiro Chico Buarque é o vencedor do Prêmio Camões 2019, um dos maiores reconhecimentos da literatura em língua portuguesa. O anúncio foi feito nesta terça-feira (21) na sede da Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro, pela presidente da instituição, Helena Severo.

A 31ª edição do prêmio, organizado pelos governos de Portugal e do Brasil, dá ao vencedor 100 mil euros.

O júri responsável pela escolha, formado por representantes do Brasil, de Portugal e de países africanos de língua oficial portuguesa, anunciou o ganhador após reunião de quase duas horas.

* * *

Prêmio merecido. Muito merecido mesmo.

A excelência da obra musical de Chico Buarque, infinitamente superior à sua obra literária, é um fato incontestável, sem qualquer sombra de dúvida.

A genialidade de suas composições está acima, muito acima, da merda que é o seu posicionamento político-ideológico, retrogrado, arcaico, luleiro, petralha, paleolítico, fedorento.

Um artista que ainda acredita na inocência de Lula, já está dizendo que tipo de bosta vermêia-istrelada traz entre as duas orelhas.

Depois de ganhar este importante prêmio, agora só falta a Chico Buarque seguir o exemplo do ganhador do mais importante prêmio literário do mundo, o Prêmio Nobel de Literatura, concedido ao português José Saramago em 1998.

Saramago foi único escritor de língua portuguesa, até agora, a receber esta consagração planetária.

Um escritor cuja obra passei a admirar desde que li “Memorial do Convento“, nos anos 80 do século passado, pela sua peculiar e inovadora maneira de escrever ficção.

Sua obra até hoje tem um lugar especial aqui na minha biblioteca.

O esquerdista Saramago, no ano de 2003, ao enxergar o horror do comunismo na ilha escravizada por Fidel Castro, teve um gesto de honestidade e lucidez, reconhecendo a merda onda estava metido.

E rompeu com a tirania do regime castrista depois de uma onda de fuzilamentos e repressão a dissidentes pelo regime tirânico daquela ilha infeliz.

Clique aqui e leia uma das muitas matérias que foram feitas sobre o assunto.

Saramago abandonou o esgoto político onde estava metido escrevendo a célebre frase:

“Até aqui cheguei.”

Uma frase que estava contida numa carta publicada no jornal El Pais.

Ou seja, não dá mais pra aguentar. “Até aqui cheguei.”

Ele poderia ter acrescentado fubânicamente: “Não sou ceguinho“.

Saramago comportou-se bem ao contrário da postura atual de Chico Buarque, que poderia proclamar, em entrevista à Folha de S.Paulo e sem medo de errar, esta declaração:

“Até aqui continuo política e ideologicamente cego, surdo, radicalmente obtuso e totalmente desligado da realidade do mundo.”

José Saramago e Chico Buarque: o português curou-se de uma cegueira que até hoje é a doença mais grave na vida do brasileiro

11 Comentários

ULTRAJE

José Dirceu está dividindo a cela com Eduardo Cunha, segundo a Folha de S. Paulo.

E ainda há quem acuse a Lava Jato de ser partidária.

* * *

Segundo apurou a Editoria do JBF, Eduardo Cunhão se sentiu tremendamente ultrajado pelo fato de ter a Polícia Federal colocado na sua cela o corrupto que é conhecido pela alcunha de Roubalheiro do Povo Brasileiro, o grande ideólogo do Mensalão.

A direção nacional do PMDB vai expedir nota afirmando que o partido está profundamente ofendido pelo fato de ter um seu filiado ilustre encarcerado ao lado de um petista.

Segundo os dirigentes pmdebista, isto é uma tremenda sacanagem da Polícia Federal que, ao colocar os dois corruptos juntos, maculou indelevelmente a já profundamente maculada imagem do PMDB, uma imagem muito mais suja do que pau de galinheiro.

O pmdebista Eduardo Cunhão de cara amarrada e puto com a presença ultrajante do petralha cumpanhero de cela

1 Resposta