A PALAVRA DO EDITOR

Amanheceu uma quarta-feira ensolarada e bonita aqui no Recife.

Chupicleide, secretária de redação do JBF, acordou risonha que só a peste, com os dentes arreganhados para o mundo.

Ela está relinchando de felicidade com as doações feitas esta semana pelos leitores Armando Soares, Eurico Schwind e Áurea Regina para esta gazeta escrota, editada e espalhada pelo mundo sem qualquer verba ou pixuleco governamental. (Bolsonaro cortou tudo…)

A inxirida da Chupicleide já está planejando encher a cara no próximo final de semana – o primeiro deste mês de São João -,  na Toca de Laura, um aprazível e acolhedor boteco localizado no Alto do Mandu, no bairro de Casa Amarela.

Num tem lei nem loquidaum que consiga fechar esse animado recanto e de lá afastar a ordeira e solidária ruma de cachacistas, todos imunizados contra a covid por uma vacina pernambucana chamada Pitu.

As doações dos leitores vão ajudar enormemente a pagar a nossa despesa mensal de hospedagem e assistência técnica da empresa Bartolomeu Silva, além de propiciar o pagamento das cachaçadas de Chupicleide e a compra de ração pro jumento Polodo e pra cachorra Xolinha, os nossos dois simpáticos mascotes.

Gratíssimo a todos que nos ajudam a manter esta gazeta escrota nos ares.

Vai voltar tudo em dobro pra vocês na forma de paz, saúde, alegria, otimismo, amor, felicidade e uma longa vida!!!

Polodoro e Chupicleide relinchando de alegria com a generosidade dos fubânicos

Deixe uma resposta