CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

SALA DE VISITAS

Sempre gostei da leitura em Jornais e vez por outra sempre acesso alguns sites para não ficar desatualizada à exceção do JBF que faz parte de minha leitura diária e lá se vão alguns anos. Respeito as preferências do outro, mas, pequenos trechos de notícias de qualquer espécie que hoje são utilizadas em redes sociais, com ou sem sensacionalismo, não podem ser consideradas matérias jornalísticas.

As redes sociais são muito importantes, substituíram a antiga sala de visitas onde se discutia vários temas e até pelo espaço ficavam restritas a poucas pessoas. Aliás, ironicamente, a sala de visitas hoje é utilizada pelos donos da casa para se esticarem no sofá e assistir televisão ou gastar os dedos no celular.

A internet tem a grande vantagem de exibir o número de seguidores e neste ponto, faço outro paralelo quando em épocas passadas, participando de uma reunião que normalmente dividiam-se em grupos, de forma até mansinha nos aproximávamos apenas para ouvir a conversa mesmo que o grupo não fosse de nossa intimidade ou pior, considerávamos a maioria antipáticos mas, a curiosidade em ter assunto para uma futura fofoca era irresistível.

Bem, as coisas mudaram, mas, verdades e mentiras não podem ser confundidas elas fazem parte da construção do caráter do cidadão que forma uma grande Nação.

Na matéria com duração de 35 min. o jornalista Felipe Moura Brasil discorre sobre os fatos acontecidos na última sexta-feira com datas, fotos, etc.

Clique aqui para ver o vídeo.

* * *

Verdades e Mentiras – Sá e Guarabira

2 pensou em “SONIA REGINA – SANTOS-SP

  1. Prezada Sônia, que bom ver uma nova contribuição. Ainda ontem falei com Berto pedindo notícias suas. Um forte abraço.

  2. Sr. Maurício, suas palavras são sempre bem-vindas e saiba que sempre leio seus textos que fornecem elementos para nossa reflexão.

    Agradeço sua lembrança e peço desculpas na demora da resposta. Inúmeras tarefas que tenho não permitem que ligue meu computador durante o dia.

    Forte abraço a toda família Assuero com muita Paz para podermos passar por essa fase.

Deixe uma resposta