CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Sobre as manifestações em Washington (EUA) e a invasão do congresso americano

Prezado Berto,

Observando as imagens dos protestos que ocorreram ontem (06/01/2021), nos EUA, com a invasão do Capitólio, não tive como deixar de lembrar de um exemplo caseiro, que gostaria de compartilhar com os nossos leitores.

Aconteceu na universidade para a qual que eu prestei concurso público para professor e, infelizmente, tenho que dizer que é onde trabalho.

Chama-se Universidade Federal da Pá Virada, também conhecida como UFPA.

Era o final do ano de 2016, governo Temer, e acabava de tomar posse o atual reitor, que no ano passado iniciou o seu segundo mandato.

Em pouco menos de um mês do início da gestão, a reitoria da UFPA foi invadida, e o reitor despejado do seu gabinete pelos, digamos, “manifestantes”.

Vejam bem, o que aconteceu foi exatamente isso:

O reitor recém empossado no cargo foi DESPEJADO, ENXOTADO do seu gabinete, e o prédio da reitoria foi ocupado por cerca de 45 dias. Ninguém podia entrar no prédio sem a autorização dos “manifestantes”.

Em um grupo de whatsapp, o reitor anterior, já falecido, postou uma foto do alto do prédio da reitoria (infelizmente não consegui recuperar essa foto), mostrando a multidão que se aglomerava no seu entorno, um pouco antes da invasão, e escreveu a seguinte frase que nunca mais sairá da minha memória:

– “Esses meninos estão fazendo história!”

Impressionante. A sua casa está sendo invadida e você se retira e ainda aplaude os invasores.

E agora, a pergunta que não quer calar:

Quer dizer que aqueles “manifestantes” puderam invadir prédios públicos, expulsar os seus gestores, responsáveis pelos bens públicos e ainda serem enaltecidos por isso ?

E os de ontem, nos EUA, não podem ?

Qual é a diferença entre os dois tipos de manifestantes ?

Será que é essa estória de manifestante do bem e manifestante do mal ?

Deixo com vocês algumas imagens e notícias da ocupação da UFPA, da época, facilmente extraídas da internet.

Esse vídeo é impagável !

Clique aqui para ver o vídeo completo.

Não deixem de ver pelo menos o início, quando um dos militontos grita.

– “E viva o socialismo!”

E logo em seguida uma outra militante estabelece a sequência de ocupação dos andares e retirada dos servidores.

A seguir, fotos publicadas na página G1 e no blog Gerson Nogueira:

7 pensou em “RÔMULO SIMÕES ANGÉLICA – BELÉM-PA

  1. Caro Rômulo, tudo é uma questão de narrativa, de quem faz a narrativa.

    Há exemplos recentes claros disso postados inclusive aqui no JBF, veja:

    https://luizberto.com/imprenca-bananica/

    Rômulo, Trump teve um tuite barrado, em que pedia para que a população voltasse para casa em paz, antes mesmo da invasão ao Capitólio ocorrer.

    A narrativa agora é a de que ele incentivou a invasão ao Capitólio.

    Agora tudo volta a ser como antes. O Deep State volta a ter a narrativa.

    Será que conseguirão?

  2. Veja bem, qualquer invasão é um ato bárbaro, seja de direita ou de esquerda.

    No caso da UFPA (eu acho) que o reitor despejado não teve nenhum controle sobre a situação.

    Já houve vários casos aqui no Brasil.

    O fato do reitor anterior ter dito que “estavam fazendo história” foi lamentável.

    Já nos EUA, a situação foi diferente. O Trump incentivou antes da invasão, os seus adeptos a invadir. Há videos a respeito. E ele, como presidente, tinha o controle total da situação, logo era o responsável.

    O problema do Twitter é de seus donos e das regras que eles impõem.

    É a minha opinião (e não faço parte do suposto Deep State, não votei no Dória e não gosto do PT)

    • Francisco, Nos EUA os americanos estavam defendendo sua democracia.

      Trump os incentivou a ir a Washington e protestar em frente ao Capitólio. Não há um único incentivo seu a invadir o Congresso. Isso é crime lá.

      Ah, lá também não há esta história de foro privilegiado para Presidente da República, lembra do Clinton com a tal estagiária Mônica? Pois é, foi um promotor de justiça que o investigou. Clínton cometeu perjúrio, que é mentir sob juramento. Não deu em nada. E Por quê? Porque era o Clinton.

      O Twitter tem suas regras, mas não pode censurar qualquer um a seu bel prazer, ainda que o faça somente a quem é de direita.

      Lá nos EUA ele, assim como as demais redes têm incentivos de redução de impostos, justamente por terem que ser neutros politicamente.

      O Zuka já foi várias vezes ao senado americano ter que dar explicações quanto a isso.

      Ah, é evidente que v. não faz parte do Deep State, pois sequer sabe o que é isso. Não votou no Dória, pois não é de SP (não sabe a diferença entre Praia Grande e Guarujá).

      V. é apenas um cara que tem crise de identidade e serve a um propósito.

    • PÔ, PAJÉ CHIQUINHO!!!

      Não envergonhes mais a cidade – e o nosso Estado!!! – que te viu ser parido!!!

      ONDE tem e/ou há e/ou se acha e/ou se encontra – um só dos tais vídeos que tu alardeias existirem???

      Com os meus 77 anos, tenho tempo de sobra, para ser um autêntico “rato” dessa maravilhosa biblioteca que é a internet.

      Leio, diariamente, todos os principais jornais estrangeiros, e, mesmo os de linha democrata americanos – e outros de inimigos do Trump – não mostram nenhum dos teus citados vídeos.

      Ou tu andas lendo (ou seja, sofrendo “lavagem cerebral”) com os da mesma linha, isto é, G1, Folha de São Paulo, etc., que também, não mostram nada dos ditos?

      E, para justificar as tuas opiniões(?) – não vem mais com essas “estórias manjadas” (comuns entre os lulopetistas enrustidos e outros da “canhota” envergonhada – se é que isso é possível) do tipo:

      “não votei no Dória e não gosto do PT”;

      ou de MADALENA ARREPENDIDA, por ter votado no Bolsonaro;

      ou de chamar (ofender!!!) os apoiadores do dito de “cachorrinhos do cercadinho do Planalto”.

      Neste caso – pediu, levou!! – só se for para eles não caírem na”tentação” de se misturarem com as cadelas vira-latas do canil público e pesteado em que vocês vivem, oh, guaipeca sarnento!!!

      E tu ainda te intitulas “engenheiro(?)”?

      Só se tu tens um diploma do tipo “diploma-que-não-encurta-as-orelhas-de-ninguém” de uma faculdade(?) de esquina, das muitas que proliferam pelo Brasil inteiro, onde é dado a quem pagar por ele.

      Pois, para ser engenheiro, o mínimo dos mínimos que se exige é ter – sempre!!! – premissas certas (firmemente insofismáveis) aliadas a um raciocínio – sempre!!! – lógico.

      E o que se lê, nos teus comentários – sobre a tua neurótica fixação (que já está chegando às raias da sexual), o teu”Jair Saliva” – são justamente, “ad nauseam”, o contrário.

      Se tu quiseres sair deste teu mundo, diuturnamente, imaginário e te munires de dados (premissas), verdadeiramente, reais é simples:

      Entra no portal da SECOM (Secretaria Especial de Comunicação Social),

      https://www.gov.br/secom/pt-br

      onde estão, (diariamente, transparentes e ao alcance de qualquer um!!!), todos os atos e fatos, realmente, produzidos em toda a área governamental federal.

      E podes pesquisar à vontade, pois (estão em .pdf, e, também, à disposição, gratuitamente, para quem quiser os “salvar”), e, onde, tu encontrarás, data por data, tudo o que foi decidido e/ou feito desde o primeiro dia do governo Bolsonaro.

      Mas se, ainda, insistires em que o teu “Jair Saliva” é real (“bueno”!!!) – e não tens soluções viáveis, aí no teu Bagé e adjacências, há, para ti, duas soluções – que são apresentada aqui no JBF:

      1º – os serviços Psicológicos da Clinica Terapêutica Crer&Ser, que está disponível aos leitores do JBF,

      https://luizberto.com/para-os-leitores-do-recife-e-regiao-clinica-terapeutica/

      É claro que tu terás de ir à Recife.

      Porém quem sabe se a Dra. Juliana Pinheiro (fones: (81) 9-9187-4786 e (81) 9-9929-1297) – com tantos avanços internéticos – pode, ou não, te atender online???

      Não custa tentar!!!

      2º – Se não der certo, ainda, há uma última esperança, no JBF:

      Jornada Terapêutica e de Autoconhecimento Online – A Força da Unidade.

      Autoconhecimento, alfabetização e harmonização emocional, resgate das relações e outros assuntos dessa área.

      https://festasquecuram.com.br/

      BUENO, FIZ O QUE PUDE PARA TE AJUDAR.

      AGORA, É CONTIGO!!!

      OU TU QUERES, ULTRAMASOQUISTAMENTE, CONTINUARES A SER MOTIVO DE RISOS PIEDOSOS, IRONIAS PESADAS E/OU (ATÉ!!!) AGRESSÕES VERBAIS DE ALGUNS QUE JÁ NÃO SUPORTAM MAIS O TEU “BESTEIROL” – DEDUZIDO NÃO SE SABE DO QUÊ (TALVEZ FRUTO DE UM TEU DOENTIO IMAGINÁRIO, E/OU, TAMBÉM – QUEM SABE??? – RESULTANTE DA TUA CRIAÇÃO MENTAL ENFERMIÇA – ISTO É, O TEU CONTRA, PERMANENTE, AO TEU FICTÍCIO E ONIPRESENTE “JAIR SALIVA”)???

  3. Aqui também houve invasão. Estudantes subiram no teto da reitoria e alguns tinha sotaque carioca. Acreditamos ser importados para fazer a movimentação e havia uma suspeita de que reitor seria mantido na reitoria contra sua vontade. Não foi porque algumas pessoas que estão próximo dele o alertaram desse risco. Depredaram tudo.

  4. Meus caros,

    Eu só não entendi o que é que esses imbecis queriam. Além de bagunçar e depravar, é claro!

    Essas merdas dessas universidades federais gastam mais que todo o orçamento da prefeitura das cidades onde se encontram e, no final, saem montes de jumentos diplomados e altamente ideologizados.

    Que belo papel de imbecil estamos fazendo, ao manter essas multidões de bezerrões mamando nas tetas estatais.

    FECHA ESSA PORRA TODA! JÁ! AGORA! Cria uma fundação autônoma e deixa se virarem para sobreviver.

Deixe uma resposta