COMENTÁRIOS SELECIONADOS

Comentário sobre a postagem CONFIRMAÇÃO

Goiano:

Em geral, as pessoas que falam a respeito de comunismo não têm a menor noção do que seja essa ideologia. Seu conhecimento a respeito da doutrina vem de preconceitos difundidos pelo capitalismo e da noção que todos temos a respeito de barbáries cometidas pelos governantes dos paìses comunistas de nossos tempos, a começar pela URRS, passando por China e Coreia do Norte, dentro outros, e chegando aqui pertinho de nós, em Cuba.

Comunismo não é a prática do comunismo como tem sido feita no mundo, assim como cristianismo não é a prática que dele tem sido feita (sem embargo das boas realizações do cristianismo e também do comunismo).

Sim, pode ser que comunismo não seja a melhor forma de organização política, social e principalmente econômica de um país, mas convém, ao adotar esse convencimento, conhecer a doutrina e a filosofia, não aderir a ideias desconhecidas como gado que segue na manada.

Ocorre que capitalismo e comunismo não se bicam, porque enquanto o capitalismo é o regime da livre iniciativa e do direito da propriedade privada dos meios de produção, pode-se resumir que o comunismo é o sistema pelo qual todos os meios de produção pertencem igualmente a todos os membros da população, que não os detêm privativamente, mas por meio do Estado, que os gere.

Quando o Papa falou o que disse (que “comunistas pensam como os cristãos”) ele se referia à ideia, não às experiências feitas, ele se referia à filosofia de que “tudo é de todos”, de modo que todos são iguais em direitos, não “iguais perante a lei”, mas detentores, mesmo, dos exatos e iguais direitos à vida, à saùde, à alimentação, à educação e a todos os bens disponíveis.

Quem conhece a doutrina comunista, que se resume a essas ideias gerais, sabe que violência, perseguições, tortura, mortes não fazem parte dela, mas da prática que a imperfeição moral dos homens tem conduzido.

* * *

“Essa idiota não sabe mesmo o que é comunismo. Vai rir lá no Gulag, fela-da-puta”

9 pensou em “NUM É NADA DISSO QUE VOCÊS DIZEM

  1. O que eu acho arretado e incompreensível é que os nossos comunas tiram férias e vão gastar o dinheiro conquistado com um ano de trabalho lá nos países capitalistas. Não vejo ninguém ir para Venezuela, por exemplo.

  2. Difícil mesmo , é esta cambada cumprir um ano de trabalho produtivo, já que sempre procuram onde encostar. Podem até ficar anos , mas trabalhar , só nos cretinos de seus planos.

  3. Pela primeira vez vou tem que concordar com o goiano e o papa-comuna. Comunista e igual a cristão….a única diferença é que falta colocar os comunas no coliseu com os leões….

  4. não li e nem quero ler nada sobre a filosofia comunista,mas concordo com o colunista,na teoria o comunismo pode até ser bom como organização politica, social e econômica de um pais,porem, o filósofo não levou em conta os defeitos do homem quando escreveu a obra,esqueceu-se ele da ganancia, do orgulho, da vaidade etc….
    acontece a mesma coisa com as religiões, e digo religiões no plural porque nenhuma escapa dos mesmos males, ou os senhores acham que Jesus compactuaria com o que vemos hoje.
    e tem mais, na minha juventude achava eu que o PT seria uma boa solução para o Brasil, apoiando o PT, tinha eu a esperança de arrancar do congresso e do senado as velhas raposas e colocar o Brasil no rumo certo, mas fui iludido na minha inexperiência no trato humano e o que vi foi uma ganancia nunca vista de um grupo que se acha acima do bem e do mal, pegando tudo o que vê pela frente e colocando no próprio bolso e distribuindo ao povo as migalhas que caem da mesa do dono do partido,perto desse bandido nojento,as velhas raposas parecem batedores de carteira ou ladrões de galinha.
    o que mais me entristece é ver gente boa e cega apoiar o bandido nojento e sua corja a troco de uma filosofia fadada ao fracasso, onde as riquezas vão para o cofre do bandido, o troco vai para seus asseclas que lhe lambem as botas e as misérias são distribuídas ao povo.

    abraços a todos

  5. Esse tal de comunismo e muito bom, ate acabar o dinheiro e propriedades alheias, por que ele nao gera nada de valor. So consomem. deveriam serem chamados de consumistas e nao comunistas.

Deixe uma resposta