CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Mãe Dináh

A retórica é sempre a mesma: a urna não está conectada portanto, não pode ser kackeada!

Pergunto: e se ela já vier programada?

Possível resposta de Barroso: Impossível!

Embora sempre tem gente desonesta, em todo lugar, aqui não tem e nunca terá!

1 pensou em “HEBER – JABOATÃO DOS GUARARAPES-PE

  1. Pois é, a violação do voto se dá ou na hora da programação da urna ou na contabilização dos votos. É muito fácil de fazer e difícil de detectar.

    Quais as notícias reais que a gente tem de eleições anteriores? O cara digitava 17 e aparecia a foto do Haddad.

    Outra, na hora da contabilização do 1º ou no 2º turno dá um apagão que pode variar de 1 a 2 horas, no retorno há uma mudança dsa tendências.

    Daí o desespero do Sistema em manter o que está aí.

Deixe uma resposta