CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Sr. Luiz Berto,

Tenho estado de todo afastado de meus comentários nessa calorosa gazeta. Mas informo que todos os dias, sem perda de nenhum, venho acessando-a, às vezes até em repetição.

Quero manifestar minha grande satisfação pelo acolhimento dado à sra. Ana Lúcia Justino, com sua mensagem sobre o Apostolado da Oração, na data de ontem.

Digo-lhe o que já é de seu saber:

A Bondade de DEUS É infinita. Como DEUS É bom!

O amigo mesmo – não duvide – já foi agraciado com Suas Bênçãos: seu “catiripapo”, meses passados, que nos deixou a todos preocupados; o BOM DEUS esteve a seu lado e o trouxe de volta a nosso convívio.

Nós todos – EU também – não merecemos, mas Ele caminha na nossa frente. Não duvide.

Minha satisfação, minha alegria..

2 pensou em “A. LUÍS – FORTALEZA-CE

  1. Sancho muito se entristece quando alguém de grande potencial se afasta da área de comentários.
    Crê Sancho que um ambiente tão democrático (o JBF é o único veículo de comunicação onde podemos realmente expressar o que pensamos e sentimos, sem filtros ou moderação).
    Veja o senhor a importância de seu comentário acima, que certamente irá atingir em cheio o coração da senhora Ana Lúcia, alegrando o dia dela e dos que lhe são caros.
    Faz mais isso não senhor A.Luís. Comentaristas são patrimônio de um jornal. Comentaristas dão aos colunistas afagos que acariciam a alma e cutucadas que nos fazem corrigir a rota.
    Sem a área de comentários ativa e participativa, fica o sentimento de que bradamos no deserto.

    Releia este trecho de sua lavra e observe como são duras as palavras: “Tenho estado de TODO afastado de meus comentários nessa calorosa gazeta.”

    Observe que o senhor usa apropriadamente o pronome possessivo “MEUS” e Sancho concorda. Realmente possuis posse e poder neste gazeta de tantos brasileiros e de tantos estrangeiros que encontram AQUI um pouco de alegria, entretenimento e cultura, pois o elenco fubânico é múltiplo e qualificado, fazendo comer poeira antigos grandes veículos de comunicação da mídia tradicional.

    A Bondade de DEUS É infinita. Como DEUS É bom! Tão bom que o trouxe de volta aos comentários, tocado pela fé da senhora Ana Lúcia.

    Quem disse que a fé não move montannhas?

    Forte abraço

    • Belo comentário, Sancho. E que legal o André Luís ter voltado para ficar na área de comentários. Queremos mais comentaristas e mais colunistas… Vamos encher o Berto de serviço, gente!!!!!

Deixe uma resposta