CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Boa Noite Berto.

Mais um caso da Escola Agronômica da Universidade Federal da Bahia.

* * *

REFUGO X GERALDÃO

Professor Geraldo Carlos – o Geraldão -, sempre foi um dos fitotecnistas mais renomados do Brasil.

De compleição forte, assemelhava-se a um europeu. Era de disciplina espartana.

Só andava de roupa caqui e fazia questão de não saber o nome dos estudantes. Ou fazia que não sabia.

Quando ministrava a disciplina Pastagens e Forrageiras, numa das aulas orientou aos estudantes visitarem o campo agrostológico que ele conduzia, para adquirirem mais conhecimentos sobre as forrageiras ali existentes.

O campo ficava na área central da Escola, próximo ao prédio de Zootecnia, ficando na passagem do percurso que o professor fazia, diariamente, de casa para o trabalho.

Era cercado com cinco ou seis fios de arames farpados e a entrada era tipo passador onde animais não podiam acessar.

Era praxe a presença de estudantes no campo, examinando as gramíneas e leguminosas ali implantadas.

Francisco, desde a juventude, adotava práticas esportivas, inclusive tendo frequentado em Salvador, as academias dos mestres Bimba e Pastinha. Por algum tempo, treinou colegas da Escola na arte da capoeira, formando bons pupilos.

Numa certa tarde, Xico, nosso Refugo, aproveitando uma folga das aulas, foi ao citado campo, aprimorar seus conhecimentos práticos.

Não se sabe por que cargas d’água, Geraldão, ao que tudo indica, estava puto com alguma coisa, ao passar pelo seu caminho habitual, avistou Refugo dentro do campo e o chamou, pelo lado de fora da cerca, perguntando com sua voz fanhosa.

– Estudante você está pensando que isso aí é porta de igreja, onde entra gatos e cachorros?

Ao que Refugo respondeu;

– Eu entrei porque vejo o senhor aí todo dia.

Geraldão virou um veneno, só não agarrando Refugo por causa da cerca, que os separava.

Quando ameaçou dar a volta para adentrar no campo, Refugo assustado deu um rabo de arraia e dois saltos mortais para trás, correu em direção a cerca oposta, transpondo-a com um triplo salto mortal. Ao cair, de pé, do outro lado, saiu em desembalada carreira para o alojamento.

Passou vários dias sem ir na aula de Geraldão, com medo de ser reconhecido.

Deixe uma resposta