DEU NO JORNAL

A doze dias de acabar sua presidência na Câmara, o deputado Rodrigo Maia tenta criar fatos políticos para mostrar que ainda lhe resta poder e utilidade.

O factoide do dia, nesta terça (19), foi solicitar uma “reunião virtual” com o embaixador da China “para entender” criação de supostas dificuldades do governo chinês para fornecer o principal insumo para produção de vacina.

O bate-papo não terá efeito prático.

Serão apenas duas pessoas falando mal de quem mais detestam: Jair Bolsonaro.

* * *

Bolsonaro deve rezar aos céus.

Ser detestado por Maia e pelo embaixador da ditadura chinesa é uma honra inexcedível.

Um ponto de destaque na história de vida de qualquer cidadão.

3 pensou em “UMA GRANDE HONRA

  1. Isso é um canalha da pior espécie.
    Cara mesquinho, traiçoeiro, vingativo, rasteiro, ganancioso… e um arrombado fela da puta.
    E ainda tem mais dois anos pra ficar enchendo o saco. Graças a um pouco mais de 70 mil idiotas que votaram nesse pulha.

  2. Esse canalha, esse vagabundo por nome Botafogo, na lista de propinas da Odebrecht, e que atende pela alcunha de Maia, criticou o pt, a dilmanta, o luladrão; Agora, está unido ao pt para defender a candidatura do outro filho da puta, por nome de baleia rossi… É foda.
    Escroque até à medula; pulha e pustula e com a alma cheia, invadida, por corrupção.

Deixe uma resposta