COMENTÁRIOS SELECIONADOS

Comentário sobre a postagem E VAMOS FALAR DE FLAUTULÊNCIA

Marcos Mairton:

Lá no cabaré do Berto
O peido virou assunto
No dia, eu não tava junto,
Nada acompanhei de perto.
Mas me deram como certo
Que muita gente peidou,
Teve peido que estrondou
E peido silencioso
Agora, peido cheiroso,
Garanto, ninguém soltou.

Deixe uma resposta