COMENTÁRIOS SELECIONADOS

Comentário sobre a postagem CARMEM LÚCIA TELLES – FEIRA DE SANTANA-BA

Alfredo:

Esse Bozo é um desbocado, um imoral sem cultura.

Ele precisa é assistir algumas representações culturais para se ir aprimorando:

uma roda de nus engatinhando e cheirando os respectivos cus;

criança amolegando um “artista” deitado nu;

interpretações de Jesus gay, Nossa Senhora prostituta

e outras artes culturais.

14 pensou em “REPRESENTAÇÕES CULTURAIS DE ALTO NÍVEL

  1. Isso é a cara do ptralhismo e dos esquerdalhas do país.
    Mas, o que poderíamos esperar dessa camarilha? Na esquerda de Banânia, vulgo, Brasil, só tem maconheiro, feladaputa, fresco, veado, xibungo, queima rosca, jóquei de minhoca, defeca pra dentro, morde fronha, pulhas, pustulas, cretinos, imbecis, escroques… Não se poderia esperar nada que prestasse, onde essa raça desgraçada está presente.
    E se algum esquerdista que , por acaso, venha a ler isso aqui que eu postei, vou logo dizendo; FODA-SE!!!

    • Maurino, observo, em anos de convivência no Jornal da Besta Fubana, que apresentas um aprimoramento do antipetismo, ou antipetralhismo, aos esquerdistas, ou esquerdalhas, que imagino estar-se desenvolvendo com tanto vigor por encontrar no ambiente da direita extremada trazida por Jair Messias Bolsonaro e seus extremados filhos, os três detentores de mandatos públicos e de mentes tão negras e obtusas quanto à do seu deles pai, a seiva favorável ao desenvolvimento vigoroso do florescimento da flor do ódio.
      Antes, falávamos de política sem que esse abismo, essa guerra mesmo, aprofundasse nossas divergências ao ponto de acreditares que os esquerdistas são todos filhos da puta e, do meu lado, pensar eu que os da extrema-direita que seguem Jair Messias Bolsonaro são adoradores do capeta.
      Parece que, retratando essa nova postura o momento atual do Brasil, a divisão entre “nós” e “eles” finalmente tornou-se clara e completamente definida.
      Nada mais nos resta, portanto, que lutar para obter o “impeachment” de Jair Messias Bolsonaro e colocá-lo, a ele e aos seus filhos, no ostracismo da História.
      Talvez não chegue a tanto, quem sabe ele renuncia e para logo com essa maluquice geral, total e escabrosa que não passa um dia sem que o pirado apronte alguma e se ele não aprontar temos aí Dudu, Carluxo e – Flávio, que é o que menos põe as manguinhas de fora.
      Se o que adoras é isso que está aí, valha-me Deus, o mundo está mesmo perdido.
      Depois do que disseste hoje a meu respeito – sim, sou petralha e esquerdalha, logo um maconheiro, feladaputa, fresco, veado, xibungo, queima rosca, jóquei de minhoca, defecador pra dentro, mordedor de fronha, pulha, pústula, cretino, imbecil e escroque – não fosse mesmo o Euro a sete reais, mais se distancia a possibilidade de nos sentarmos pacificamente, um adorador do demo (tu) e um maconheiro (eu), na reduzida mesa de um bistrô de Paris para sorvermos um tinto da casa olhando a moda passar…
      Desolé.

  2. Я просто смотрю. E sou conservador demais para chamar isso de arte. Mas (bendito mas) há gosto e desgosto para tudo. Pasando página rápido y siguiente.

  3. turma de nojentos sem Deus , os malditos ainda dão risadas como se fosse a coisa mais normal no mundo.eu prefiro estar morto ,do que ver estas desgraças no poder novamente.

  4. Isso não é arte. É putaria explícita.
    O mundo ” artístico ” está contaminado quase cem por cento com viados , putas e
    grelos duros. Nunca foram artistas de verdade, são aproveitadores e se
    alimentam da burrice e falta de vergonha dos seus politicos patrocinadores.
    Reparem o ladrão Lula e a amante gleisy sorrindo de satisfação, como a dizer : Quanto mais putaria, escrotidão, sujeira, depravação e
    sacanagem é melhor, que fodam os que não aceitam as ” minhas artes “.
    Não sou católico mas fico indignado com esses fdp da porta dos fundos
    rotulando Jesus como Viado e N.Senhora como uma puta.
    Deviam ser fuzilados pelo desrespeito com a religião das pessoas.
    Na verdade eles estão se retratando nos personagens que interpretam.

  5. Alfredo, nestes Comentários Selecionados, queres tu e a editoria do JBF significar – com suas palavras, tornadas mais vívidas com as belas imagens – ao eleitorado de Jair Messias Bolsonaro que toda a imoralidade ocorrida na tal reunião ministerial do dia 22 de abril de 2020 não tem a menor importância, porque artistas de teatro em uma apresentação intitulada Macaquinhos no Cariri, financiada pelo SESC, também apresentaram imoralidade e se a esquerda pode enfiar o dedo no ânus dos outros o governo pode fuder com o País?
    Se for assim, tudo bem, as esquerdas fazem peças de teatro com crianças no mesmo espaço de homens adultos nus e a direita então pode fazer reuniões com o presidente da república e os ministros arrombando geral?

    • Goiano nao quer se entregar mas acjo que ele gostaria de estar ali entre os macaquinhos para expor toda sua verve artística esquerdista

      • A “imoralidade” na reunião ministerial não atingiu seu ápice em palavrões – isso foi o de menos e a revelação do vídeo não causaria tanto rebuliço. Estás evitando enxergar o que ali aconteceu, ou achas natural. É aí que a coisa pega: os adoradores do capeta gostam, aplaudem e desejam é aquilo mesmo.

        • Caro Goiano,
          Se tu gostas de queimar a rosca e sentar numa calabresa, eu não sei. Muito provavelmente, sentes uma certa simpatia para com a ideia!
          O que eu sei, e com certeza absoluta, é que tu és um grandessíssimo babaca. E perigoso!
          Na minha revolução, tu irias encarar um pelotão de fuzilamento rapidinho, e receber umas “Boas Balas”, como dizia aquele crápula da Universidade do Rio que tocou fogo no Museu Nacional, só para largares de ser idiota e babão de ladrão.
          Ninguém tem o direito de ser tão imbecil assim.
          Desolé!!!

          • Prezado Adônis, como tu e como Maurino, como Berto, como Joaquimfrancisco, como João Francisco e como muitos outros comentaristas e articulistas do Jornal da Besta Fubana, e como muitos direitistas, enfim, e como muita gente, todos os dias, há o que desenvolvem sua e tua intolerância, de um lado, e do outro lado, repito e friso, do outro lado abrem as pregas para o fascismo e a corrupção da direita que assola o País na pessoa de Jair Messias Bolsonaro.
            Dommage, véi.

Deixe uma resposta