A PALAVRA DO EDITOR

Recebi ontem, via zap, uma mensagem do meu amigo-irmão Rubão, um conterrâneo muito especial de Palmares.

Ele me encaminhou um pensamento do nosso amigo comum Esmeraldo Boca-de-Fossa, peruador filosofofista e grande analista de sociologia putárica em nossa terra de nascença.

Uma frase que Esmeraldo pronunciou durante conversa no bar de Edileuza Priquito-de-Alicate, localizado no Beco do Esconde-Nêgo.

Vejam que coisa sublime e antológica:

“Mulher de amigo meu é igual a muro alto: sei que é perigoso, mas eu trepo.”

1 pensou em “PENSAMENTO

Deixe uma resposta