DEU NO JORNAL

O número de doses aplicadas das vacinas contra o coronavírus ultrapassou ontem a marca de 12 milhões.

São cerca de 9 milhões que receberam uma dose e 3,2 milhões que receberam também a segunda.

* * *

Esta nota foi publicada ontem, dia 11, na página do jornalista Cláudio Humberto.

Pesquisei na mídia funerária e não encontrei nada sobre o assunto.

Vou mandar daqui a pouco pra Globo.

Pra ver se sai hoje de noite no Jornal Nacional.

2 pensou em “MILHÕES E MILHÕES

  1. Prezado Berto,
    pois pode ter certeza que não vai sair.
    E se sair alguma notícia, será como nesta matéria da revista eletrônica da FAPESP, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de São Paulo.

    https://agencia.fapesp.br/morosidade-da-vacinacao-pode-comprometer-a-eficacia-da-campanha-na-reducao-das-mortes-por-covid-19/35386/

    Neste artigo, os “cientistas ideológicos” conseguem a proeza de mostrar um dado, e interpretar o contrário do que os números estão mostrando.

    O gráfico, ao final, mostra a situação da vacinação no mundo, e como o Brasil está muito bem posicionado, principalmente em função da sua grande população.

    E essa gente maldita tem a cara-de-pau de escrever o seguinte, no título da reportagem:
    “Morosidade da vacinação pode comprometer a eficácia da campanha na redução das mortes por COVID-19”

Deixe uma resposta