CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

R. Meu caro amigo João Veiga, eu recebi via e-mail a mensagem contendo suas recomendações para uso de Ivermectina como prevenção para o Covid-19.

Botei aqui na fila pra fazer hoje a postagem.

Lamento demais não ter editado de imediato, pois quando voltei lá na sua mensagem no Facebook apareceu só isto aqui:

Ou seja, você está enquadrado na última frase desta ilustração aí de cima: “foi excluído”.

Lamento demais, lamento muito, esta estupidez, esta babaquice, esta censura absurda.

E, tenho certeza, feita por motivos político-ideológicos.

O que piora mais ainda o absurdo desta medida assassina, que impede a divulgação de um protocolo capaz de salvar vidas.

Você, meu caro amigo, como um médico de grande competência, um nome que honra a medicina pernambucana, já salvou muitas vidas no sertão do nosso estado aplicando este tratamento. Imagino a sua chateação com essa arbitrariedade.

Mas, ao mesmo tempo, sei muito bem da sua dedicação e da sua garra.

Você é um sertanejo que honra as suas origens e enfrenta essa canalha com coragem e de peito aberto.

Conte sempre com o espaço aberto e democrático desta gazeta escrota, meu querido amigo.

Aproveito a oportunidade para repetir uma postagem feita aqui no JBF, no mês de junho passado, contendo uma mensagem que você nos mandou:

Abraços e muito sucesso!!!

E, pra fechar com chave de ouro esta postagem, recomendo aos nossos leitores que leiam uma matéria publicada na imprensa daqui do Recife em junho de 2017.

Basta clicar no título abaixo:

Médico pernambucano é convidado para casamento de israelense salva por ele há 13 anos

9 pensou em “JOÃO VEIGA – RECIFE-PE

  1. Deixei de usar essa bosta de Facebook por caso semelhante a esse, eles censuram coisas boas e grande parte das porcarias postadas por um monte de imbecis não são censuradas. É lamentável o critério que eles usam para excluir coisas de utilidade pública.

  2. Meu Caro Doutor João Veiga,

    Prazer em reencontrá-lo. Conheci-o pessoalmente na casa de Luiz Berto, quando fui ao Recife para tomar posse na Cadeira nº 10 da Academia Passa Disco da Música Nordestina, isso em 2009.

    Vamos ao que interessa!

    Orientado por um irmão, médico de interior, venho tomando Ivermectina. Inicialmente, dois comprimidos diários, por dois dias. Depois, um a cada 10 de cada mês, por minha conta. Estou certo?

    Obrigado!

  3. O Firefox ,que é um navegador famoso e que deveria ser utilizado por todos que querem uma internet limpa , está fazendo uma campanha contra o Facebook por motivos iguais a esse e porque ele dissemina discurso de ódio .
    Para o Facebook discurso de ódio é ótimo e informações corretas é uma merda e deve ser banida . E no caso do Brasil , não teria o dedinho do careca do STF , o censor mundial ?

  4. Prezado Dr. João Veiga,
    Esperamos chegue o dia em que se esclareça, através de pesquisas controladas, realizadas seguindo os devidos protocolos, se certos remédios funcionam para profilaxia e cura da Covid 19, ou se se tratava, em certos casos, como de Ivermectina, Cloroquina e Hidroxicloroquina, de uma espécie de “viés de confirmação” transposto para a medicina, decorrente de observações sujeitas a desvios.
    Segundo parte dos cientistas, esses medicamentos têm sido receitados ou aconselhados por médicos e auto-cobaias que fizeram uso e entenderam que a prevenção ou cura se deram pelo uso dos respectivos princípios ativos, mas, afirmam, o fenômeno da profilaxia e do tratamento não levam em conta o fato de ser possível que os resultados positivos não decorreram do uso dos medicamentos, mas de outros fatores, como a “cura natural” (aquele indivíduo se curaria sem o uso do medicamento), a ocorrência do efeito placebo, a imunidade pré-existente.
    Esses profissionais que têm essa opinião e nos informam sobre ela se apoiam em pesquisas que, dizem, foram realizadas segundo métodos adequados e os quais concluíram pela ineficácia daquelas drogas.
    Seria o que justificaria a censura de determinados veículos de comunicação: o cuidado com a divulgação de processos terapêuticos inválidos, duvidosos e, até, capazes de causar certos danos à saúde (podendo até ocorrer óbito).
    Estou me referindo a isso para justificar o receio de nós, leigos, com o uso de fármacos que profissionais da área da saúde dizem não funcionar e até prejudicar-nos – pois há, inclusive, o alerta de que poderíamos tomar tais medicamentos e, apesar de serem eles ineficientes, descuidar-nos das medidas gerais (uso de máscara, afastamento social, levagem das mãos e outros) e sermos surpreendidos pela contaminação.
    Por outro lado, profissionais competentes e conceituados, como você, vêm também pelos meios de comunicação afirmar que têm tido resultados eficazes com os mesmos medicamentos, sendo que tem sido mesmo feito referências a Porto Feliz (SP), que se dizia não ter infecções e óbitos pelo Covid 19, informação que foi desmentida em junho, quando havia na cidade 354 positivados e 8 óbitos pela doença.
    Ficamos assim, nós, o público em geral, entre a cruz e a espada, indecisos sobre o que fazer e quais orientações devemos seguir.

  5. Caro Berto. É extremamente lamentável que um Médico renomado como o Dr. João Veiga.
    Seja censurado e tolhido, em sua atitude denodada, de orientação e de ajuda ao próximo. Função precípua de sua profissão. Por qualquer que seja a plataforma das redes sociais.

    Estas, obrigatoriamente, deveriam estar coesas e uníssonas. Em divulgarem todas as informações necessárias para direcionarem e nortearem a população, ávida e ansiosa por esclarecimentos verdadeiros.

    Antes disso, eles primam e se aprimoram em alardearem e propagarem o lixo, o chorume, o dejeto propagandístico de tudo que represente a esquerda maléfica e a psicopatia comunista.

    Não lembro onde eu li. Mas, essa plataforma em questão. Tinha como responsável uma ex-assessora da presid’anta do partido quadrilha. Mais conhecida como “amante” ou “coxa” na tal planilha daquela tal “construtora”. Que pavimentava o roubo e a propina entre os privilegiados e impolutos senhores da “república de banânia”.

    Um forte abraço para você e para o Dr. João Veiga. Que tenha restabelecido o quanto antes seu canal de rede social.

  6. Prezado Dr. João Veiga
    Eu e toda a minha família estamos tomando a IVERMECTINA, desde a segunda quinzena do mês de março de 2020. Da mesma forma que o senhor vem orientando os seus pacientes. Nós fomos orientados por uma médica bem próxima a nossa família, que trabalha em hospital de São Paulo e num grande Convênio médico, que atende muitos idosos.
    Também frequento um Bar muito tradicional de São Paulo onde vários dos meus amigos tomam a IVERMECTINA. Estamos todos nos protegendo. Como tenho deficiência de G6PD, anemia, já fui orientado no caso do uso de Hidroxicloroquina, pela minha médica hematologista.
    Parabéns pelo dia dos médicos, que foi no domingo, dia 18 de outubro, bem como por sua dedicação e profissionalismo.
    (Salvar uma vida, te faz herói… salvar várias, te faz MÉDICO)
    Neurologista alerta para danos neurológicos permanentes causados pelo uso de máscara, especialmente em crianças – Qualquer um com capacidade para pensar por si mesmo iria perceber isto.
    https://despertarportugal.pt/neurologista-alerta-para-danos-neurologicos-permanentes-causados-pelo-uso-de-mascara-especialmente-em-criancas-qualquer-um-com-capacidade-para-pensar-por-si-mesmo-iria-perceber-isto/?fbclid=IwAR3RsPExx8KuvkJepTTrAX6ETuZhLVSX3LbamkhKdOD0kKPKUVR6khgT8ho

  7. Belo trabalho, Dr. João Veiga!

    É evidente e ficou bem claro que o Sr. Zuckerberg, junto com a dominada mídia de esquerda, estão unidas contra governos consevadores (Ex. Trump e Bolsonaro). Toda semana meu facebbok sofre bloqueios.

    Os cadáveres do corona vírus servem como moeda de troca como apostas macabras para desgastar os governos conservadores.

    A OMS (desorganização Mundial de Saude) se perde a cada declaração (ao gosto do freguês chinês)… logo, espetacularizar os óbitos, faz parte do torcida pelo caos nestes governos aqui exemplificados.

    Argumentos OMS : Máscaras não resolvem (hoje é obrigatório), isolamento social (hoje, não é aconselhado por ela), etc, etc…
    A economia fica pra depois (argumentos para quebrar economias)

    “ARGUMENTOS RIDÍCULOS, USADOS PELOS QUE SE LOCUPLETAM DO COVIDÃO :

    “NÃO HÁ REMÉDIO CONTRA O COVID 19”
    “NÃO TEM COMPROVAÇÃO CIENTÍFICA, TAL REMÉDIO”
    A campanha é forte e dirigida no sentido de matar um maior numero de pessoas possíveis visando responsabilizar governos conservadores.

    Se pelo último levantamento forma contabilizados 5.274.817 de Casos;

    houve 154.888 ÓBITOS

    Recuperados = 4.721.593
    LOGO…QUASE 5 MILHÕES CURADOS COM USO DE REMÉDIOS CUJA EFICÁCIA NÃO TEM COMPROVAÇÃO CIENTÍFICA…

    Enquanto a comprovação cientifica não chega, a PF já fez, no pais, 52 operações contra desvios de verbas para combate à pandemia.

Deixe uma resposta