A PALAVRA DO EDITOR

No dia 17 de maio, mês passado, foi feita aqui uma postagem na seção “Correspondência Recebida”.

Era um mensagem de um leitor de Maceió, o Edivaldo Souza, que continha um vídeo.

Esta vídeo aqui:

Vocês viram aí em cima e se lembram, num é?

Pois bem.

Quando foi ontem, dia 1º de maio, no Jornal Band News, um noticioso que tem enorme audiência em todo o Brasil, vejam só o que falou o sarcástico linguarudo José Simão:

Ou seja, esta gazeta escrota está sendo acessada e lida por destacados peruadores da grande mídia banânica.

É muita falta do que fazer desse povo!

Ele só errou quando disse que “o jornal é de Alagoas“.

O jornal é do Recife, Pernambuco.

Agora, vejam só:

Com  tantas páginas seletas, importantes, impolutas e cheirosas na imprensa do país, e esses caras inventam logo de acessar o Jornal da Besta Fubana.

Vão caçar o que fazer seus desocupados midiáticos!!!

12 pensou em “ESTA GAZETA ESCROTA NA GRANDE MÍDIA

  1. Berto, quem é esse radialista tão inocente, que não conhecia o JBF nem sabia o que é gaia?
    Uma coisa é certa, o Simão há de melhorar a qualidade das piadas dele, se entrar para o rol dos frequentadores frequentes deste profícuo informativo.

  2. Muito lindo! Deveriam levar o vídeo para o Presidente. Não saber onde começa o cavalo e onde termina o Bolsonaro ?. e o outro responde : um cavalo em pé !. Diante disto a risada .
    Ou estão loucos para a volta da corrupção ou estão querendo que o homem que chamam de cavalo mostre o pau!.

  3. Chiiiiiii …. !!!!

    Se estes sujeitos, muito “engraçados (eu quase que me mijo me de tanto rir) e “famosos” tiverem audiência, estamos fudidos ….

    Corremos o risco, porque naturalmente ficaremos mais famosos, daquele “elemento” do STF, mandar a PF para busca e apreensão dos equipamentos e celulares de Berto e Chupicleide nas dependências do JBF,

    Acrescente-se dois outros defeitos imperdoáveis, ou seja, um jornal altamente democrático e sem financiamento público, é quase certeza que algum “vagabundo” vai solicitar uma ação violenta contra nossa Gazeta …….

    Chiiiii ……

    Fico preocupado, pois assim como tantos cronistas e leitores do JBF, fazemos, diuturnamente, “inclusive todo dia, pela manhã, tarde e noite”, eloquentes elogios aos “vagabundos” daquele lugar, aos “canalhas” daquele outro lugar e principalmente aos parasitas do funcionalismo público, que poderemos ser acordados as 6 da manhã, com armas apontadas pra nossa cabeça, ou pior, sendo levado para depoimento sob vara ……

    Qui qué isso minha gente ??!! ….. Deus me livre……!!!!! … Afasta de mim este cale-se ……

    Eles não entendem que a opinião sobre privilégios, imorais e inaceitáveis, são apenas opiniões sobre fatos reais e portanto não são “faiqui neus” ……

    De resto é aguardar …….

  4. este é o único jornal que leio ultimamente, porque é o melhor que existe em toda imprensa brasileira.
    a jornalista não saber o que é gaia não é nada,os zisquerdistas até agora não entenderam que o lula é um ladrão vagabundo.

  5. Caro Luis Berto Filho , gostaria que você espalhasse no teu jornal o novo logotipo do partido do Maia , Alcolumbre , Kataguiri e outras porqueiras mais e que seria assim : panDEMia . Nada mais sugestivo nos dias atuais . espero contar com sua colaboração . Agradeço antecipadamente

  6. E se perguntam agora esses que pensavam que eram os tais, os bambambãs em culinária jornalística: Ô Cumpadi Luiz Berto, cumé qui faiz algo parecido ao JBF? Cumé qui faiz ocê tal belezura? Qual o segredo de tanto sucesso e gostosura?

    Responde Berto: “Quem faz é a Aline, eu só levo a fama. Ela mistura pitadas de especiarias oriundas de todos os cafundós deste Brasil, que são as ervas Assuero, Adônis, Goiano, Sancho, Aristeu, Violante, Cícero, Maurino, Dalinha, João Francisco, Joaquimfrancisco, Jessier, Peninha, Jesus, Bertoluci, Malta, León, Roque e Severino. Esqueci algum ingrediente? Esqueci nada. Não citei alguns que é para a receita não ser copiada. Depois de misturar bem, leva ao forno e serve diária e gratuitamente a guloseima a quem chegar para uma “boquinha”. Sirvam-se á vontade e bom apetite!!!! “

  7. Oba!!!! Vou tomar minha cloroquina alucinógena, tomar coragem, bater com força na mesa do chefe e pedir aumento de salário!!!!!!! Se o Bonner ganhou, a gente também merece!!!!
    Parafraseando a gênia brasileira, a mente mais brilhante da esquerda brasileira: “Não vamos colocar meta. Vamos deixar a meta aberta, mas, quando atingirmos a meta, vamos dobrar a meta”.
    Depois de dobrar a meta e deixarmos comendo poeirai esses pasquins de quinta do Brasil, vamos superar o Times e o Le Monde; Avante, camaradas!!!!

  8. E lá vai a nave fubânica cumprir o seu destino nesse mar de estrelas e ilusões. Se a estrela da BloBlo está se apagando, surge no firmamento o JBF. Quem vai sentir falta do Dronner, se temos Berto? Quem vai sentir saudade da Beata Vaicombelos se temos a Violante e a Dalinha? Avante, camaradas, que agora é nossa vez de brilhar no firmamento midiático interplanetário!!!!

    • Sancho , overdose pose matar !. Sabemos o valor deste jornal , mas vamos com calma. Vamos brilhar só no firmamento midiático nacional por enquanto……Quem sabe depois , no planetário , depois no interplanetário, depois no galático , depois no intergalático , se o Goiano não tentar atrapalhar com uma nebulosa corruptícia.

Deixe uma resposta