COMENTÁRIOS SELECIONADOS

Comentário sobre a postagem COMEÇOU A DESTRUIÇÃO DO CHILE

C Eduardo:

Os ratos, como era esperado, já estão abandonando o naufrágio.

Olavo de Carvalho, o astrólogo, filósofo, charlatão e fujão:

– Bolsonaro me usou como “poster boy” para se promover e para se eleger. E depois disso, não só esqueceu tudo o que dizia como até os meus amigos que estavam no Governo ele tirou. O Brasil vai se dar muito mal gente. Não venham com esperanças tolas, porque a briga está perdida. (errou no tempo do verbo, não é futuro, é presente, o Brasil está se dando muito mal, com esses incompetentes, mentirosos e desonestos no poder)

Existem duas boias de salvação Moro ou Dória.

* * *

Doria e Moro: duas lindas e sorridentes boias para salvar este país afundado

11 pensou em “DUAS BOIAS PRA NOS DAR ESPERANÇAS

  1. Servidores da Receita Federal pedem exoneração após aprovação do Orçamento 2022
    Eles alegam que o Fisco sofreu corte de verbas para garantir reajuste a policias e que governo Bolsonaro descumpriu acordo de pagamento de bônus. Ministério da Economia disse que não vai se manifestar. Na carta de exoneração, os delegados dizem que a Receita teve seu orçamento reduzido em 51,4%. Os cortes, segundo documento, afetam principalmente a administração das unidades e a gestão de soluções informatizadas e que há risco de não haver recurso para pagamento de contas de água e energia elétrica.

    Pegou mal, muito mal, entre as lideranças evangélicas no Congresso o vídeo em que Jair Bolsonaro aparece dançando um funk num passeio de lancha no litoral paulista.

    Esse é Jair Bolsonaro o traíra, vai acabar falando sozinho.

    “O sábio pode mudar de opinião. O idiota nunca” atribuído a Immmanuel Kant

    Em 22 nenhum dos 2

  2. Ahhh… Bem logo vi que a CU Eduarda, está de amores por Moro e Doriana Calcinha Apertada!!! Hummm!!! Bicholêta com bicholêta se entende perfeitamente.
    Eu acho que essa xibunga Eduarda tem um fetiche do cão no Presidente. E para compensar a vontade de queimar o aro, ele/ela (sei lá o que porra é), fica arrotando as besteiras aqui.

  3. Caro e inestimável editor, este é o tipo de comentário tão imbecil, tão disparatado, que deveria ser devolvido ao autor ou autora embrulhado num saquinho de merda.

  4. O ódio é o derivado do medo, do desespero, da inveja, da ira, da incapacidade de argumentação. Só isso para justificar tanto ódio do C. Eduardo contra os conservadores, que neste momento são representados por Jair Bolsonaro.

    Ele está livrando o país da tirania da esquerda e das oligarquias que mandam desde o golpe militar de 1889.

    Olhar Dória como uma possível solução do país é o mesmo que olhar a mulher ou marido adúltero e dar razão a estes pelo fato do marido traído ter merecido a traição. Dória é um traidor mau caráter, Moro tem mostrado a mesma índole.

    O povo brasileiro não gosta de traidores.

  5. Estou contigo João, essas duas figuras são farinhas do mesmo saco, depois que tomei conhecimento como esse juizeco (que a principio pensei que fosse honesto) fez com o caso Banestado, sinto ânsia de vômito. Quanto a essa figura que aparece por aqui como C. Eduardo, anda usando algo estragado, seria bom ele pedir ao Berto o esterco do polodoro, usar e não gastar atoa com porcaria que só o deixa doidão.

    • Caro Luiz, C. Eduardo eu entendo que deve ser tratado com civilidade, pois demonstra sinais de doença patológica contra os conservadores e seu atual representante na política, Jair Bolsonaro. Não é caso raro, infelizmente, porém retira toda a capacidade de raciocínio da pessoa assemelhando-a a alguém que fumou erva estragada, daí a sua análise.

      Precisamos ter paciência e piedade para com os enfermos.

  6. Acho o Lula o melhor presidente que o país já teve e vai ganhar no primeiro turno com certeza!
    Frase atribuída a C.Eduardo. Legal esse negócio de atribuir, gostei. Tem aquelas coisas da imprensa, que é: Especialistas dizem…., Ou essa outra: Segundo fontes….Tem também aquela: Cientistas garantem que o……Ou a melhor: Pesquisa DataFolha libera nova pesquisa: Bolsonaro é reprovado por 100% da população e perde para Yoshiro pasteleiro no segundo turno….Olha pessoal, esse negócio de TRUE NEWS é legal demais!!

    • Caro Sérgio, este negócio de desmerecer adversários, de atribuir frases ou tirá-las de contexto é próprio da esquerda.

      Olavo de Carvalho mora nos EUA há 25 anos. É fujão? Fugiu de que? Dia destes ele deu um depoimento à PF, isso é próprio de quem está fugindo? Ele pratica charlatanice? É um impostor, embusteiro, engana aos outros? Há processos neste sentido contra ele?

      Veja bem, caso Sérgio, dos argumentos do C. Eduardo, se espremer, não sai nada. É pior que aluno de humanas que está há 10 anos estudando numa federal, vive de mesada dos país e pertence ao PSOL ou coisa parecida.

      • ” É pior que aluno de humanas que está há 10 anos estudando numa federal, vive de mesada dos país e pertence ao PSOL ou coisa parecida.”
        Pois é, e deve ser isso mesmo. Quanto ao método de criticas, que você remete a esquerda, bem, percebo que você gosta de argumentar com essas pessoas. Eu prefiro a exposição pura e simples, usando das ferramentas que eles mesmos usam. É feio? Da forma que eles usam é, por acharem que estão convencendo alguém do que o que eles afirmando trata-se da verdade. Da forma que uso, ironizando e ridicularizando essas porcarias que publicam, acho que não. Mas, ok, continue no debate que ele não responde com a verdade, por não conseguir, e eu continuo desabafando com minha ironia.
        TMJ

        • Eu entendo perfeitamente seu ponto de vista, caro Sérgio.

          Muitos aqui já me falaram em outras oportunidades que não vale a pena manter um debate contra quem não tem argumentos objetivos.

          Minha resposta nestes casos (vem desde o “falecido” Goiano) é que não penso em acabar com a doença do debatedor. É que centenas ou milhares de pessoas vêm o JBF e é para estes que coloco meus argumentos.

          Se ao menos eu conseguir que uma pessoa veja e concorde, eu já me dou por satisfeito.

          Eu não me canso.

          Abraço

Deixe uma resposta