CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

R. Minha linda e querida amiga:

É um privilégio ter você aqui nas páginas do JBF.

Lugar de gente talentosa tem que ser mesmo nesta gazeta escrota.

Sua presença já era brilhante nas reuniões semanais da comunidade fubânica, realizadas nas quintas-feiras à noite.

Agora, você vai brilhar mais ainda nas postagens do nosso jornal.

Um xêro, grande Poeta!

Que você continue nos maravilhando com suas declamações neste ano que hoje se inicia.

36 pensou em “CONSTÂNCIA UCHÔA – CAICÓ-RN

  1. Meu Papa!
    Sua bênção.
    Constância emprestará ainda mais graça ao nosso JBF.
    Sugiro que ela seja colunista, semanal, para deleite dos leitores.
    Quem concordar com Jesus, diga amém.

      • ” Dizem que antes de um rio entrar no mar, ele treme de medo. Olha para trás, para toda jornada que percorreu, para os cumes, as montanhas, para o longo caminho sinuoso que trilhou através de florestas e povoados e vê a sua frente um oceano tão vasto que entrar nele nada mais é do que desaparecer para sempre. Mas não há outra maneira. O rio não pode voltar. Ninguém pode voltar. Voltar é impossível na existência. O rio precisa se arriscar e entrar no oceano. Somente ao entrar no oceano o medo irá desaparecer, porque apenas então o rio saberá que não se trata de desaparecer no oceano, mas de tornar-se oceano. ” (Khalil Gilbran).

  2. Amém, amém, amém, meu bom Jesus (bom Jesus? O cara é ótimo, Sancho)… Que a “pajadora” (payada é uma forma de poesia improvisada vigente na Argentina, no Uruguai) señora Uchôa (com casinha acima do o) se eternize nas páginas fubânicas, pois beleza e talento sempre terão acolhimento no admirável mundo novo fubãnico (não tão novo assim).

    Certamente, como iniciante nesta gazeta,sugiro que receba o novo salário mínimo, que está em vigor hoje (um milhão de reas mensais). é só continuar dando calote na Chupicleide, señor Berto, que sobra um dinheirinho para mais uma contrataçao.

    E contratato logo, pois soube Sancho que a turma do Niu Inhoque Times está de olho na rapariga.

  3. Jesus Ritinha,

    Constância Uchôa de Caicó já disse a que veio: trazer talento e poesia a essa Gazeta Escrota, e embeleza o ambiente com sua pele de pêssego.

    Por isso também sigo o relator da íntegra.

  4. Parabéns, poeta Constância Uchoa, pelo belíssimo vídeo.

    Seja bem-vinda ao nosso convívio fubânico!

    Você já chegou arrasando!!!

    Aplausos!!!

    Grande abraço!

  5. Pingback: LEITOR GAÚCHO PEDE BIS | JORNAL DA BESTA FUBANA

  6. Que me perdoe os nobres e diletos Fubânicos. Tudo que se falar constante e constantemente com essa Constância.
    Terá que se inventar uma palavra para descrevê-la.
    Com certeza, posso dizer que me apaixonei por ela.
    Que ninguém fale o mesmo, porque eu falei primeiro.

  7. Obrigado! Pelo reconhecimento. Sinto-me, lisonjeado.
    Já procurei seu site e até me inscrevi. Vou grudar que nem carrapato, para acompanhar todos seus vídeos.

    O significado do seu nome é bem literal. Né? Parece que foi talhado para você. Firme, verdadeiro, permanente, fenômeno constante. Simplesmente uma raiz forte, profunda. Resultou numa árvore de copa superior e divinos frutos.

    Queira-me bem. Estou apenas externando um sentimento. Não sei ser diferente quando isso acontece. Não é com tanta constância, Constância.

  8. Ô Maurinojunior. Aí é apelação, irmão. Logo em alemão.
    Tomara! Que ela tenha um único defeito: não fale essa língua da peste. Que você resolveu boquejar. Sujeito Fubânico!

  9. Ô Maurinojunior. Não se faça de desentendido e destrambelhado.
    Seu cabadapeste. KKKKKKKKK!!!
    Ri por último, ri melhor. Ou, ri melhor quem ri por último?
    Diga aí, alemão!

Deixe uma resposta