A PALAVRA DO EDITOR

Hoje pela manhã amanheceu tudo fora do ar.

Tanto a página de edição, onde trabalho as postagens, quanto a página desta gazeta escrota, acessada por nossos leitores.

Quando tentei abrir, apareceu um aviso na minha tela explicando porque estava tudo travado:

Invasores tentando roubar até o deficitário cartão de crédito do Complexo Midiático Besta Fubana.

Vôte!!!

Desconfiei logo de 11 urubus que andam rondando o telhado da nossa redação.

Chupicleide passa o dia todo espantando-os com uma vassoura e gritando “Xô, xô, xô”.

Bartolomeu, nosso eficiente técnico e hospedeiro, que cuida deste espaço com muito competência e dedicação, resolveu tudo e, felizmente, as coisas voltaram ao normal.

Prometo a vocês que, antes do ano acabar, a edição de hoje estará nos ares, saciando o desejo dos nossos viciados.

Teve gente que surtou e o volume de mensagens que recebi com reclamações e apelos foi bem acima do normal.

Chega fiquei com pena da choradeira.

Fecho a postagem com este áudio que foi colocado no zap, no grupo “Cabaré do Berto” (essa turma é de lascar…), gravado pelo nosso estimado colunista Jesus de Miúdo.

Vejam só o tipo de desmantelo que pode ser causado pela abstinência fubânica:

4 pensou em “ATAQUES AÉREOS URUBULÍSTICOS

  1. Caro Berto! Hoje de manhã, como sempre faço ao acordar, foi dar uma olhada no JBF e me deparei com a mensagem colocada acima.

    Como tinha outros afazeres, esperei fui tratar de me preparar para a virada, quando voltei estava normal.

    Ainda bem, depois de tantas desgraças em 2020 só faltava esta, virar o ano sem o JBF.

    Portanto desta feita não cheguei a ficar em estado de ansiedade, graças a Deus.

    Um abraço.

  2. Sei lá , mas o meu computador mostrava a mesma mensagem e ao usar o cartão de débito de manhã em dois estabelecimentos comercias a maquina mostrava 3 tentativas de erradas e mandava contatar o emissor do cartão. 2 maquinas da Cielo e 1 da Passaí. Foram 3 maquinas que não aceitaram a senha . Portanto para mim não era brincadeira , pois alguém tentou por três vezes usar aquela conta . Era o que anunciava a máquina.

  3. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!
    Ô, raça ruim!!!kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!

Deixe uma resposta