A PALAVRA DO EDITOR

A atriz globeira Maria Flor, uma brava militante zisquerdista revolucionária, botou pra lascar no governo federal.

Bolsonaro foi arrasadoramente desmascarado, num pronunciamento de alto nível político.

Uma cacetada lógica, racional, civilizada e irrespondível.

Segundo apurou a Editoria do JBF junto a fontes do Palácio do Planalto, o Presidente da República ficou tão abatido e triste que está pensando em ir embora.

Ele planeja não demorar muito tempo na cadeira da presidência e vai deixar o cargo em 2026.

Impreterivelmente.

12 pensou em “UM DESABAFO ARRASADOR E DE ALTO NÍVEL

  1. Isso é tática. Coisa orquestrada.
    Todos os dias a psicopatia da seita maldita, puxadinhos, afiliados, cúmplices, seguidores, lobitizados… Colocam em prática esses planos macabros do terrorista mor e do partido quadrilha.

    Tem que processar cada um desses homens e mulheres bombas de bostas e merdas cagadas pelas bocas de esgôto.

    Todo esse lixo vai para as redes sociais e fica-se falando à respeito, discutindo, replicando, repassando, etc. Vira a geléia geral do dia. Depois vira fofoca, galhofa. Alguns, ensaiam desculpas esfarrapadas. No dia seguinte não se fala mais nada à respeito. Porque já surgiu outra obrada pra se limpar.

    Enquanto isso, desvia-se o foco real e verdadeiro, que todos tinham que ter, como principal objetivo. Que o crescimento e o progresso do País. A melhoria de vida e saúde da população. Combater esses políticos desonestos.
    Exercer a cidadania, exigindo-se a melhoria dos serviços públicos em contrapartida à carga altíssima e excessiva dos impostos que são pagos.

    Fazer valer os preceitos judaicos cristãos. Nunca se afastar do conservadorismo. Deus, Pátria e Família. São esses os lemas e as bandeiras à serem defendidas.
    O resto, é, essa tuia de drogados, cheirados, mamados, surubados, endemoniados, comunistiados… Que tiveram mais de três décadas para falarem ou fazerem alguma coisa que prestasse. E tudo está paz e amor. Não tinha nem oposição política. Era tudo “farinha do mesmo bisaco” como diz o Berto.

    Pôrra! Eu nem ia escrever. Mas, a indignação fala mais alto.
    Espero não ter sido inconveniente e chato à todos os senhores da Gazeta Escrota.
    Aos antipatriotas e detratores
    que pululam essas plagas, vão dar meia hora de bunda, de buceta ou a puta que o pariu.
    Caralho, já deu no saco.
    Berto, foi mal, não queria dizer tanto palavrão. Desculpa aí.

    • COITADA! SE PRESTAR A ESSE TIPO DE ORQUESTRAÇÃO É DESCER NO MAIS LUGAR PROFUNDO DO LAMAÇAL, É PERDER A DIGNIDADE, A ÉTICA , A MORAL. TUDO ISSO POR UMA IDEOLOGIA? O QUE RESTARÁ DE EXEMPLO PARA FILHOS? O MARIDO DEVE SER UM ZÉ MERDA PARA PERMITIR ESSA BAIXARIA DA MULHER.

      • SAIU ATÉ ERRADO DEVIDO AO ESPANTO POR TAMANHA BAIXARIA. É DESCER NO LUGAR MAIS PROFUNDO DO LAMAÇAL.O VOCABULARIO DESSA MULHER NÃO DEVE SER OUVIDO NEM EM BORDEL.

  2. As mina pira com o bolso (nero, ringa,rongo). kkkkkkkkkk
    E eu daqui de meu apartamento vendo as girafas amazônicas desfilando.
    Pega na fulô!!!!!!!

  3. ESTÁ DESESPERADA , FICOU SEM ROUANET E ENLOUQUECEU DE VEZ.ELA DEVE SEGUIR O EXEMPLO DA ANGÉLICA : QUANDO O MARIDO É BORRACHA FRACA É SÓ COMPRAR UM VIBRADOR PARA ACALMAR E PARAR DE DAR ATAQUES DE PERERECA HISTÉRICA.

  4. Lucia Oliva.
    Obrigado por reagir ao que eu comentei. Essa gente, de fato, não tem dignidade nenhuma.

    Se você quiser aprofundar mais sobre essa figura decadente e irracional. Consulte sites de busca de biografias de pessoas, etc.
    Como fiz há pouco, pelo wikipedia. Para poder, dar um retorno à você com alguma informação sôbre essa biltre.

    Pra começar e terminar, essa figura estreou naquela porcaria de programa: malhação.

    A mãe, é a Márcia Leite, roteirista.
    Tem um historicozinho medíocre e como sempre é comum nesses lacradores, ter o viés deturpador das coisas normais.
    Além da ideologização cretina e maldosa. Para transformar lixo em arte e vice versa.

    A Regina Vilella, jornalista, tem um canal no Youtube. Transmite de Fortaleza, onde mora. Fez um comentário sôbre essa coisa. Menciona, logo no início do vídeo, que chegou a conhecer a mãe dela, em uma emissora de TV no Rio de Janeiro, onde trabalhou. Confira, por favor, caso interesse a você. Ela, simplesmente diz, que a filha só pode ser o que é, graças a mãe que tem. Ou algo parecido.

    São mais de três décadas massificando, idiotizando, imbecilizando. Uma população, principalmente, que não tem recursos financeiros e intelectuais, para entender as mensagens subliminares que são incutidas e jogadas nos seus lares diuturnamente.

    Nesses dois anos, com um Governo que não consegue realizar as pautas pretendidas por seus eleitores conservadores e cristãos.
    Não ter um caso de roubo no nível federal. Com as tetas do dinheiro do público, fechadas, para as farras incontáveis, que eram comuns para tudo e para todos. Pronto, todos eles surtaram. Só tem dois caminhos para seguirem: ou se internam em algum manicômio ou vão ter que sumir do País. É simples assim.

    Felicidades e sucesso sempre, para você Lúcia Oliva.

Deixe uma resposta