CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

#DESTRAVA BRASIL!

Pode invadir e clonar telefone de um cidadão?

Sempre ouvi dizer que a polícia precisava de autorização para grampear um telefone, não sabia que qualquer um pode invadir ou clonar sem autorização!

Sou de um tempo em que era crime abrir uma simples carta que não lhe pertencia.

E-mail é um correio eletrônico, quando envio uma mensagem pode ser aberta por qualquer pessoa desde que atenda seus interesses? Não é crime? Ou seja, carta é crime, mas, se for via eletrônica, não é?

Também não entendo bem porque chamam de hacker alguém que invade minha propriedade, aquele espaço me foi cedido, se foi de graça ou cobrando aluguel não importa, tal-qual a casa onde resido, pra invadir tem que ter um mandato judicial, se não tem é “ladrão”.

Passou da hora de voltarem a escrever e falar em português no BRASIL, é mais fácil de entender, não deseduca e principalmente não desnorteia aqueles não estudaram línguas estrangeiras. Será que é tão difícil falar: invasor ao invés de “hacker”, notícia falsa ao invés de “fake news”, etc…?

Tenho impressão que ao utilizarem essas frases para coisas importantes, douram a pílula e nessa toada vai-se diminuindo a importância de algo que é nefasto para uma sociedade.

Tenho muito respeito pelo Ministro Moro e pelo procurador Deltan, não tenho por eles idolatria, são seres humanos e não Divindades. Quanto às conversas que foram roubadas e divulgadas, como cidadã, não vejo qualquer problema e aqueles que invocam a Constituição Brasileira somente quando lhes agradam, poderiam explicar porque nem sempre são unanimes os votos dos 11 Ministros da Corte Suprema? Ora, lá os entendimentos diferem e nós cidadãos, temos a obrigação de aplicar ao pé da letra?

Será que se processarem os “mocinhos” e soltarem os “bandidos”, sonho que acalentam os despejados e desesperados, vamos conseguir resolver um dos mais graves problemas do Brasil e que ironicamente é uma herança que eles deixaram? É preciso nos livrarmos das amarras engendradas por governantes, políticos e empresários que corroeram nossa economia com a corrupção desenfreada e seguir em frente, com bases mais sólidas e principalmente respeitando o cidadão, é ele que sustenta o País e precisa de emprego para também ter seu sustento com dignidade.

A foto é de cidadãos no Vale do Anhangabaú, cidade de São Paulo em busca de senha para conseguir um trabalho.

Deixe uma resposta