SERGIO RIEFFEL – CÁCERES-MT

Amigo Berto,

Lendo a Carta Capital (sim, tem que ler todos os lados) achei uma matéria que me deixou pasmo:

Um transexual lésbico!!!

O sujeito (ou como queiram, a sujeita) nasceu homem, mandou cirurgiar e virou mulher, e agora só transa com … mulheres!

Não é que ele tenha se arrependido! Ele sempre gostou de mulheres!

Tá aí uma coisa que eu nunca tinha visto! Virou anarquia!

Vão chamar esse sujeito de quê? Seria um “reversexual”? Um homossexual reverso?

Dona Maria, minha saudosa mãe que nunca ouviu falar do tal politicamente correto diria que é muita da sem-vergonhice.

Agora só falta começar a implantar caralho nas sapatonas para elas enrabarem os baitolas!

R. Meu caro, implantar caralho nas sapatonas era um item do programa científico do PT, ardorosamente defendido por Maria do Rosário.

Mas, infelizmente, o partido foi dizimado nas urnas e este projeto não pode ir pra frente.

De modo que machos baitolas, com furicos vaselinados, sendo enrabados por fêmeas lésbicas, com picas de aço implantadas, é um sonho do mundo científico esquerdista que foi pro espaço.

Sumiu nos ares assim feito peido de aviador.

Deixe uma resposta