DEU NO JORNAL

Playboy divulga capa com homem gay vestido de ‘coelhinho’ e firma compromisso com movimento LGBT.

Coletivo de esquerda elogiou decisão da revista.

* * *

O cabra que inventou esse palavra “coletivo” pra designar um ajuntamento de idiotas, é baitola.

E, claro, tinha que ser mesmo de esquerda.

Tudo coerente com essa notícia nojenta aí de cima.

Quando a gente pensa que esses porras já chegaram ao fundo do poço, aí eles conseguem afundar mais ainda.

E aparece uma merda horrível e fedorenta feito essa.

Jamais eu poderia imaginar que a saudosa revista Playboy dos velhos tempos, com fotos de magníficos pés-de-rabo e aveludadas tabacas, agora viesse com um xibungo, um frango, um viado, um doador de furico na sua capa.

É pra arrombar a tabaca de Xolinha!!!

Tive que sair correndo atrás do meu pinico, pois a ânsia de vômito foi muito grande.

11 pensou em “OS PORRAS CONSEGUIRAM DESCER MAIS AINDA!

  1. Como escreve bonito esse cabra: “magníficos pés-de-rabo e aveludadas tabacas”.

    Inspirador por demais… A gente até sonha…

  2. Mas já existia uma revista específica para os Gays. Teve até um jogador do Corinthians que foi capa nela. Salvo engano, foi o Vampeta.

  3. Cu linária .
    Como preparar um coelho .
    Coloque um pouco de silicone ali onde precisa . Passe um pouco de vaselina lá embaixo .
    Leve ao sol para dourar . Sirva- o fresco …….para o Polodoro .

  4. Pois é…..
    Considerando que a viadagem é a menor parcela, com certeza vão perder o resto de “leitores” nao viados…..
    Vão fechar….. óbvio….
    Estupidez nao tem limites

  5. ESTA E O RESTO DA VELHA MÍDIA – ISTO É, A MÍDIA CADUCA!!! – QUEREM PORQUE QUEREM SE SUICIDAR.

    NÃO TEM OUTRA EXPLICAÇÃO.

    FAZEM, PROPOSITALMENTE, TUDO – MAS TUDO MESMO!!! – PARA PERDER O QUE LHES RESTA DE LEITORES E LEITORAS.

  6. Só falta, agora, reescreverem as estórias em quadrinhos de Zéfiro – sucesso nos meus tempos de adolescente – com a temática LGBT!

    Vôte!…

  7. Berto meu caro.

    Peço licença para dar também uma vomitada grossa no seu pinico de protesto.

    Eu achava que tudo tinha um limite, Né não ?

  8. E deu tempo de chegar no pinico?
    Acho que ficou um rastro pelo meio da casa, fedendo mais que suvaco de aleijado.
    Agora…
    Imaginemos o êxtase a que o mundo LGBTY… (eita, vai faltar letra no alfabeto) chegará, com ca edição natalina dessa funérea revista, que, segundo uma estagiária bem colocada, trará a famosa Gazela, como garoto da capa.

Deixe uma resposta