XICO COM X, BIZERRA COM I

 

Sou de um tempo em que se comemorava o período junino com música, festa e comidas típicas. O mês de Junho era todo de festejos, de homenagens aos Santos Pedro, João e Antônio. Quadrilhas, hoje, só de políticos que roubam a população. Onde estão as fogueiras, os fogos e os balões? Olhei pro céu, que ontem foi lindo, e nada disso pude ver mais. Sequer estrelas tinha. Meu junho parece mais um outubro de tão triste e outonal. Por mais que apure as ‘oiças’ nenhum som de sanfona, nenhuma dança, nenhum baião. Já não se brinca de esconder anéis e as adivinhações são meros aplicativos dos telefones nas mãos de cada ‘matutinho.’ Mas nem com a ajuda tecnológica eles conseguem adivinhar onde estão as canjicas e as pamonhas. Nos palcos, bandas e bundas, sob o cúmplice olhar e escusos interesses dos ‘donos’ do poder público, seus asseclas, sequazes ‘empresários da cultura’. Morreu o São João ou morri eu e esqueceram de me avisar? Não olhem pro céu: pouquíssimas estrelas há. Nem carneirinhos há mais.

Toda a série FORROBOXOTE, Livros e Discos, disponível para compra no site Forroboxote. – Link BODEGA. Entregas para todo o Brasil.

Deixe uma resposta