CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Editor Berto e amigos fubânicos:

Agora está tudo detalhado e explicado.

Quem ainda não entendeu vai entender agora.

Um abraço para todos.

1 pensou em “NEUZA MATTOSO – LIMEIRA-SP

  1. Tem outra forma de ilustrar essa sequência.

    Eu: Propineiro Pedreiro.

    Meu pai: Propineiro Mestre-de-Obras.

    O amigo do meu pai: Lapa de Corrupto Demiurgo de Caetés Sapo Barbudo Seboso Multi-Réu Duplamente Condenado Triplamente Instanciado (nome fazendo jus a sua condição de principado do reino da cleptocracia).

    Amigo do amigo de meu pai: V. Urubuscência Bireprovada, Tofinho Amigo-do-Amigo-do-Meu-Pai.

Deixe uma resposta