CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Prezado editor do JBF,

dá pra confiar no G1 da Globo??

Tirem suas conclusões…

R. Caro leitor, a grande mídia oposicionista ao governo federal não dá tréguas em sua campanha terrorista.

Aliadas aos descerebrados zisquerdóide, as redações deste país estão abarrotadas de canalhas torcendo pela vitória do Coronavírus.

Vão ser fragorosamente desmentidos e irão todos tomar no olho do furico de maneira avassaladora.

O dia deles está chegando.

Não vai sobrar uma única prega no orifício corrugado destes imbecis.

5 pensou em “LUIZ PEIXOTO – FORTALEZA-CE

  1. Sabem aquela história do médico assassino de idosos com overdose de cloroquina no AM?

    Veja esta notícia do G1 AM de hoje:

    “Polícia investiga ameaças de morte contra pesquisador do AM que estuda uso da cloroquina em pacientes com Covid-19”.

    Não é fantástico? O assassino virou “pesquisador” e agora é vítima.

    A polícia que deveria prendê-lo o protege das ameaças.

    O fato de ele ser militante do PT? Esquece, jamais foi mencionado.

  2. Caro anônimo, Leia de novo (se puder) a manchete do G1:

    “Ceará ocupa 100% dos leitos de UTI para Coronavírus e a fila de espera chega já chega a 48 pacientes”.

    O que se entende desta manchete?

    Os leitos de UTI “para coronavírus” estão lotados e 48 pessoas aguardam vagas de UTI para coronavírus.

    Será que eu terei que desenhar?

    • A Secretaria Estadual de Saúde do Ceará informa que 100% das vagas de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Estado estão ocupadas.

      Mas, como diria o Chapolim Colorado, não priemos cânico: As carreatas para o próximo domingo estão confirmadas.

      No Ceará e também em Ribeirão Preto.

      Sem máscaras e sem álcool em gel, taoquei?

  3. O que eu acho é:

    – UTI do SUS sempre trabalhou com 100% de ocupação em praticamente todo o país. Desde sempre se ouvem notícias de gente que morreu por falta de vaga.

    – Parece que por alguma razão o SUS decidiu que paciente com COVID é mais importante que paciente com problema cardíaco, neurológico, câncer ou seja lá o que for, e portanto tem preferência na UTI.

    – Que a informação da Secretaria Estadual seja confusa ou errada, eu acho provável, porque provavelmente foi elaborada por um analfabeto funcional que passou toda sua vida escolar pensando apenas em “passar no concurso”,

    – Que o jornalista não entendeu direito ou não se expressou direito, acho provável também, porque provavelmente trata-se de outro alafabeto funcional que passou sua vida escolar participando de passeatas e decorando clichês contra o capitalismo.

    Esse é o país em que vivemos.

Deixe uma resposta