CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Para ajudar no 13° salário da Chupicleide

E rações natalinas do Polodoro e da Xolinha.

Um abraço.

R. Vossa doação já está na conta desta gazeta escrota, meu caro amigo e leitor.

O 13º salário de Chupicleide está mesmo garantido, graças à generosidade de vocês que ajudam a manter este jornaleco nos ares.

Isso sem falar nas rações natalinas de Polodoro e Xolinha, conforme você citou.

O trio está aqui na maior alegria!

Minha gratidão aos leitores Arnaldo Portela, Márcia Maria, Eurico Schwind, A.M.C, Ronald Carvalho e Manoel F. Feitosa que também fizeram suas doações.

Vocês são a força que mantém esta gazeta escrota nos ares e que cobrem as despesas com hospedagem e manutenção técnica feita pela empresa Bartolomeu Silva.

Vai voltar tudo em dobro na forma de paz, saúde, tranquilidade, harmonia, longa vida e um 2022 arretado de bom.

Que todos os queridos amigos da comunidade fubânica tenham um feliz dia de hoje e que sejam felizes em todos os dias do próximo ano.

E, daqui na nossa querida Recife, desejo um Natal arretado pros leitores de todos os outros recantos deste imenso Brasil.

Um Natal nordestinado, com chapéu de couro de vaqueiro, triângulo, zabumba e sanfona de um trio de forró pé-de-serra.

E cantando pra vocês, aqui está o meu querido e talentoso amigo alagoano Eliezer Setton:

Deixe uma resposta