2 pensou em “GADO VERDE-AMARELO: MAIOR QUE O REBANHO DE GADO ZEBU

  1. 1.000 advogados e 10.000 médicos entraram com um processo contra o CDC, a OMS e o Grupo de Davos por crimes contra a humanidade

    Uma grande equipe de mais de 1.000 advogados e mais de 10.000 especialistas médicos, liderada pelo advogado alemão Reiner Fuellmich, iniciou procedimentos legais contra o CDC, a OMS e o Grupo de Davos por crimes contra a humanidade. Fuellmich e sua equipe apresentam o teste de PCR incorreto e a ordem para os médicos descreverem qualquer morte como uma morte de Covid, como fraude.

    O teste de PCR nunca foi projetado para detectar patógenos e é 100% impreciso em 35 ciclos. Todos os testes de PCR monitorados pelo CDC são fixados em 37 a 45 ciclos. O CDC reconhece que testes acima de 28 ciclos não são permitidos para um resultado positivo confiável.

    Isso invalida mais de 90% dos casos / “infecções” alegados da Covid detectados pelo uso desse teste incorreto. Além dos testes incorretos e certidões de óbito fraudulentas, a própria vacina “experimental” viola o Artigo 32 da Convenção de Genebra. De acordo com o Artigo 32 da Convenção de Genebra de 1949, “mutilação e experimentos médicos ou científicos não exigidos para o tratamento médico de uma pessoa protegida” são proibidos.

    De acordo com o artigo 147, a realização de experimentos biológicos em pessoas protegidas é uma violação grave da Convenção. A vacina “experimental” viola todos os 10 códigos de Nuremberg – que acarretam pena de morte para aqueles que tentarem infringir essas leis internacionais.

    https://www.stylourbano.com.br/1-000-advogados-e-10-000-medicos-entraram-com-um-processo-contra-o-cdc-a-oms-e-o-grupo-de-davos-por-crimes-contra-a-humanidade/

    • Caro José, excelente comentário.

      Ainda acho que em pouco tempo teremos muitas novidades sobre estes tempos pandêmicos que vivemos e muito do que é visto como científico, difundido pela OMS e CDC será esclarecido como a maior mentida do século e que mudou o rumo da humanidade.

      Daí a necessidade de controle sobre as informações que o Sistema já projeta no tal restart global.

Deixe uma resposta