COMENTÁRIOS SELECIONADOS

Comentário sobre a postagem BRASIL NÃO PODE CARREGAR A CULPA DO MUNDO PELOS PROBLEMAS AMBIENTAIS

C Eduardo:

Existe um conluio global contra o desenvolvimento do Brasil. Desde que Cabral chegou aqui os ingleses, franceses, holandeses, principalmente combinaram de não deixar esse país ter ordem e progresso.

Se não fossem essas nações, somadas com a China, Índia, Argentina, Venezuela, Cuba, Corei da Norte, o Brasil de Bolsonaro seria uma potência incomparável.

Já teríamos lançados uma expedição para colonizar Marte e muito mais.

Infelizmente as Forças Ocultas Mundiais não deixam educar os brasileiros, influenciam nas eleições para serem eleitos os piores políticos, sabotam os programas bem-acabados do Governo Bolsonaro.

Só tem uma solução e Bolsonaro está adotando esse método: isolar o Brasil do resto do mundo.

Mas, não se iludam, Bolsonaro tem razão – O que está ruim vai piorar muito.

JBF é um oásis no meio do caos.

Aqui tudo é muito bom, não tem inflação, não se fala em desemprego, o crescimento do PIB é sempre superestimado, a covid continua sendo uma gripezinha.

Aqui o Brasil continua emergente.

Até a gasolina aqui deve ser bem mais barata.

Onde fica a bomba de gasolina no JBF? Quero abastecer nesse posto.

* * *

Ceguinho Eduardo de camisa vermêia, puto de raiva com a realidade, amaldiçoando o otimismo e com bengala GPS procurando o posto de gasolina do JBF

15 pensou em “CEGUINHO TEIMOSO CAÇANDO GASOLINA

  1. Ah, C Goiano Eduardo,
    Deves ter passado os últimos dias na mansão dos infelizes; imagino-te, juntamente com dezenas de outros, todos sentados à volta de uma tv plim-plim, chorando em sobressaltos pelas notícias que falam do sucesso do atual governo lá em Roma. «Vou ali beber café colombiano coado em calcinha de quenga mineira e já volto. Com licença.»

    Tire o fel da boca e lance um olhar otimista sobre o futuro, Goiano II.

    Ser otimista não paga contas, mas (felicíssimo mas), não causa úlceras.

    Este JBF é uma reunião de oismistas, de gente feliz, de conservadores, de pessoas que temem o Senhor nosso Deus, que ama o Brasil e suas cores em verde-amarelo.

    Sorria, Goiano II…

  2. O C Eduardo poderia me dizer quem e o porque que acabaram com o Pau Brasil ?
    Se as capitanias hereditárias acabaram ?
    O que fizeram com a riqueza contida no solo mineiro ?

  3. Engraçado que ele não sabe o que fiz. Semana passada ele deu vivas ao meu texto dizendo que o JBF tinha salvação. Agora ironiza….parece que é do PSDB

    • É Mauricio, você que diz que gosta dos números eu deixei um comentário no seu texto que ficou sem resposta. Vou repetir aqui parte:
      Mauricio – “C Eduardo, eu sou um cara que gosta de falar baseado em números. Um mês depois da pandemia eu comecei a analisar os dados”

      C Eduardo – O médico e deputado e guru de Bolsonaro, Osmar Terra (MDB-SC) comparou as cidades de Araraquara-SP e Chapecó-SC, que adotaram medidas diferentes para conter a COVID-19… Usando a comparação do assessor do Presidente, devidamente atualizada, encontramos esses números:
      Fonte: dados tabulados pelo pesquisador Wesley Cota, da UFV, com base em números das secretarias estaduais da Saúde coletados pelo Brasil.IO. O projeto ‘Modelagem matemática da disseminação geográfica da Covid-19’ faz parte do Programa de Combate a Epidemias da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). A base também é usada pela universidade Johns Hopkins, referência mundial no acompanhamento dos dados da pandemia Dados atualizados às 21h15 de 23/10/2021
      Araraquara – 222,41mortes por 100 mil habitantes
      Chapecó – 340,09 mortes por 100 mil habitantes
      Os números não deixam dúvida em Chapecó morreu 53% mais gente do que em Araraquara.
      1 – Você acha que deveria haver uma coordenação nacional para enfrentar a pandemia?
      2 – Você acha que o General Pazuello seria a pessoa indicada para essa tarefa?
      3 – Você acha que quem tomou o esquema completo da vacina contra covid tem maior propensão a contrair AIDS? Ou mesmo, acha que a AIDS seria um efeito colateral da vacina?
      4 – Você que gosta de números, comparando a população, o número de casos e de óbitos por milhão, entre EUA e Brasil, dá pra dizer que o Brasil se saiu bem?
      5 – Você acha que se tivéssemos um governo comprometido com a saúde do povo, que não ficasse brincando de cloroquina, teríamos evitado centenas de milhares de mortes? Se o nosso número de mortos por milhão de habitantes fosse igual ao dos EUA, que não conduziu tão bem a crise, teríamos evitado 120.000 óbitos.
      Também gosto de números, deixo esses para você analisar.

      Eu sei que vocês gostam de mangar com meus comentários, mas não vi aqui nenhum argumento dizendo que o que escrevo está errado, só vejo zombaria sem sentido, o que é típico do bolsonarismo. Vocês são felizes porque vivem na Bolsolândia, não vão na feira, no posto de gasolina, felizmente ninguém sofreu com a perda de amigos com covid, todos estão bem empregados ou vivem as custas dos impostos, como a família Bolsonaro. Quem apoia Bolsonaro só pode estar feliz com a situação no Brasil.

      Não se iludam em 22 nenhum dos 2

        • Não precisa pesquisar muito, basta responder:
          Você acha que quem tomou o esquema completo da vacina contra covid tem maior propensão a contrair AIDS? Ou mesmo, acha que a AIDS seria um efeito colateral da vacina?
          Você acha correto proibir o empresário de demitir quem não se vacinou? O cidadão tem liberdade para tomar ou não a vacina, o patrão não tem para demitir?

          Só na cabeça de um governo imbecil como esse pode passar tanta asneira.
          Bolsonaro volta da reunião do G20 com?
          – a mala cheia de acordos bilaterais
          – promessas de muitos investimentos
          – a barriga cheia de pizza
          Por que foi viajar, fazer turismo com nossos impostos?

    • Por isso que ele só pega no “tranco”. kkkk. Tem o CGE que parar de usar combustível adulterado, deve ser por isso que está em busca do posto de combustível do JBF, onde, no máximo, irá encontrar mistura de coco verde das empresas sanchianas na gasolina ou etanol

  4. Realmente, a dissonância cognitiva não tem discriminação. E quando é da safra da “pátria educadora”, o casamento é perfeito, abençoados que ficam, pela graça da igreja da santa bolha.
    Assim, seja.

  5. Como a agenda ambientalista e a imposição do ESG estão causando uma crise energética global
    por Gustavo Guimarães, sábado, 30 de outubro de 2021

    Eletricidade racionada na China. Desabastecimento de carvão na Índia. Preço da eletricidade disparando em toda a Europa. Uma busca desesperada por postos que ainda têm gasolina no Reino Unido. Apagões e explosões no Líbano.

    A revista The Economist, em uma ótima reportagem, relata os eventos acima e mostra que os sintomas de uma profunda disrupção nos mercados de energia são globais.

    Segundo a reportagem, na Ásia, os apagões são diários, em vários países. E o inverno, que gera um aumento na demanda por energia, ainda está para chegar no hemisfério norte.

    Alguns anos atrás, os produtores de combustíveis fósseis teriam respondido a estes sinais enviados pelo sistema de preços aumentando o investimento e a produção. Em 2014, com o barril de petróleo em torno de US$ 100, a petrolífera europeia Royal Dutch Shell fez um investimento de US$ 30 bilhões em projetos de exploração e produção de petróleo e gás. Em seguida, gastou US$ 70 bilhões para adquirir a BG Group, uma rival britânica, para se tornar a maior produtora mundial de gás natural liquefeito.

    Mas não desta vez.

    Seu investimento em exploração, neste ano de 2021, caiu para irrisórios US$ 8 bilhões. No mês passado, a petrolífera vendeu todos os seus ativos de xisto na Bacia do Permiano, no Texas, para uma rival americana, a ConocoPhillips, por US$ 9,5 bilhões.

    A Shell também está se retirando da Nigéria, país em que ela estava desde 1936.

    Mais ainda: avisou que irá reduzir sua produção de petróleo de 1 a 2% ao ano até 2030.

    Recentemente, os preços do petróleo — que chegaram a cair para US$ 20 em abril de 2020, no auge das incertezas quanto aos efeitos da Covid-19 — superaram US$ 80, o valor mais alto desde 2014.

    Continue lendo em: https://www.mises.org.br/article/3383/como-a-agenda-ambientalista-e-a-imposicao-do-esg-estao-causando-uma-crise-energetica-global

    Em tempo: Biden disse no ano passado que a mudança climática era “o problema número um que a humanidade enfrenta”. “A mudança climática é a ameaça existencial para a humanidade”, disse ele em um episódio de outubro de 2020 do “Pod Save America”. Se isto não for tratado, vai realmente assar este planeta. Isso não é um exagero. A julgar pelas próprias ações de Biden na sexta-feira passada, ele não acha que essa obrigação se aplica a ele mesmo. Enquanto observava a paisagem em Roma, Biden foi escoltado em uma enorme carreata. De acordo com o New York Post, incluiu 85 veículos. Para um presidente que anda por aí pregando às pessoas sobre como temos uma “obrigação moral” de lidar com a mudança climática, fazer um passeio em uma carreata de 85 carros não é uma aparência particularmente boa.

  6. Comparar C Eduardo com o Goiano é um sacrilégio, Goiano, pelo menos tinha QI para expor e defender suas ideias. C Eduardo não chega nem perto do que o Goiano representou par o JBF. Goiano, com sua verve conseguiu até amaciar as respostas que o professor Adônis lhes dava. C Eduardo é apenas um misto de jumento com cobra D’agua.

  7. Diante da montanha de asneiras defecadas verbalmente por este senhor, comecei a sentir uma saudade desgramada das extensas argumentações do Goiano.

    É difícil encontrar uma alimária disfarçada de humano que fale tanta besteira de uma só vez.

    Se ele quer números mostrando que essa estória do COVID é uma tremenda embromação, dê uma olhada no meu artigo da semana retrasada e pare de encher o saco e babar os ovos do tarado conhecido como Edinho Silva, prefeito da malsinada Araraquara.

  8. Outro dia (nem me lembro mais quando foi), dei uma resposta para essa “múmia paralítica” do tal de “C Eduardo”.

    Elogiei a cidade que o abriga e disponibilizei a expectativa da população para 2021.

    Disse que a população efetiva era sua expectativa menos um, pois esse um não passava de um “jumento”.

    A partir de agora, vendo que o “salafra” só tem interesse em nos aporrinhar, passo a não ler mais suas “conjecturas” e por conseguinte também, não dar-lhe não dar-lhe espaço para discussão.

    Fui

Deixe uma resposta