CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Caro Berto

Tenho mandado uns caraminguás muito salteado, mas me comprometo que esses reais que depositei hoje vão se repetir todo o mês.

Fui jornalista muitos anos.

Rasguei a carteirinha lá pelos anos 90.

Hoje tenho orgulho de me ressuscitar como seu colega.

É muito bom.

É bom demais.

R. Meu caro leitor, fiquei ancho que só a peste com a sua apreciação.

Ganhei o dia e meu astral foi lá pras alturas!

Gratíssimo pela sua doação, que já está na conta desta gazeta escrota.

Chupicleide está aqui relinchando de felicidade: o salário dela e o capim de Polodoro estão garantidos agora neste mês maio que está se iniciando.

Assim como também está garantido o pagamento da nossa despesa mensal com a firma que nos hospeda e nos dá assistência técnica, a Bartolomeu Silva.

Tudo isto graças a vocês que nos dão força e audiência.

Tenha certeza, meu caro Russel, que você receberá tudo de volta em dobro, na forma de paz, saúde, tranquilidade, alegria, felicidade e prosperidade.

Um grande abraço para a imensa colônia fubânica aí de Brasília!!!

Polodoro e Chupicleide com os dentes arreganhados de agradecimento e alegria

Deixe uma resposta