WELLINGTON VICENTE - GLOSAS AO VENTO

Altinho-PE – Foto de Osman Ferreira

Eu vim rever o lugar
Que fui nascido e criado,
O tempo estava estiado,
Logo começou nublar.
Ouvi trovão ribombar
Lá no Letreiro de Lano,
Um velho paroquiano
Agradecia, sorrindo,
Uma garoa caindo
No agreste pernambucano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *