CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Grande Berto, boa noite.

Sugestão para “sua equipe” de pesquisa analisar, convocando inúmeros Ispecialista.

Hoje, só vejo Ispecialistas na TV! Onde a gente sintoniza, só tem Ispecialista.

Os institutos de pesquisa políticas do nosso Brasil sempre nos enchem o saco com números sobre a preferência eleitoreira de cada um dos cidadãos.

Normalmente com um número que beira os 2.500 infelizes que respondem as tais pesquisas (representantes dos 200 milhões de Brasileiros!!).

Pois bem.

Que tal se eles saíssem “aleatoriamente” pelas ruas, com testes do Covid-19, para testar esta mesma quantidade de cidadãos?

Daí, eles nos anunciariam, com uma margem de precisão de “4 pontos percentuais para mais e para menos”, quem teria o Covid-19 e o CoVida-20?

Um amigo meu dizia que, estatística, é uma das formas de mentira que o homem inventou!

Saudações

Deixe uma resposta