DEU NO JORNAL

No afã de criticar a medida do governo em fechar as fronteiras, a jornalista Vera Magalhães, editora do BR Político e apresentadora do programa Roda Vida da Tv Cultura, errou ao reclamar que Brasil não havia fechado fronteiras com Chile.

Contudo, é impossível o fechamento, já que o País não possui fronteira com o Chile.

Em sua tradicional live realizada nesta quinta-feira (19), ao comunicar o fechamento das fronteiras, Bolsonaro ironizou o erro cometido pela jornalista.

“Não fechamos com o Chile, procuramos a maneira de fechar com o Chile, mas não foi possível! Tá certo? Não achamos a fronteira com o Chile!”, disse o presidente da República.

* * *

Cuida-se aqui da jornalisteira Vera Cagalhães, expoente da grande mídia oposicionista da atualidade.

Aquela grande mídia capitaneada pela Rede Globosta que perdeu toda isenção, imparcialidade e, sobretudo, perdeu totalmente o respeito.

A cagada que Vera Cagalhães deu deste vez, na sua média de duas por dia, é de um simbolismo fantástico (êpa!): representa a merda em que se transformou a nossa imprensa desde que as fartas torneiras de dinheiro público que abasteciam redações foram fechadas.

É cacete no lombo do presidente o dia todo!!!

Só que eles não contavam que Bolsonaro tem o couro grosso e resiste muito bem às cacetadas jornalisteiras.

Aliás, como costuma dizer o petista Ceguinho Teimoso, Bolsonaro é todo grosso.  Da cabeça aos pés.

Ele resiste incólume à patifaria e à burrice geográfica da mídia militante zisquerdóide.

* * *

“Botaram no meu furico; sem cuspe e sem vaselina… também, depois da cagada geográfica que eu dei…”

7 pensou em “VERA CAGALHÃES CAGOU MAIS UMA

  1. Deve-se mesmo fechar as fronteiras , mas porque acionam o Itamaraty para resgatar pessoa de área de risco , que deveriam ter abandonado o local por conta própria , já que muitos foram por sua conta e risco. Também deveriam fechar a boca de pragas com o esta que alem de propagar notícias infundadas ou alarmantes , ainda ajudam na formação incorreta de jovens que estão em fase escolar. Ou talvez ela esteja veladamente sugerindo uma invasão para termos a tal fronteira.

  2. Ela esqueceu do Peru! Tá certo que a comentarista da CNN lembrou que os dois (chile e Peru) não fazem parte da América do Sul. Com comentaristas/jornalistas desse calibre não se precisa de mais nada para ser desinformado! Já disse que não assisto TV, mas fico sabendo das asneiras desses desinformadores pela JBF. E já não me admiro mais, pois toda semana temos uma idiotice dos desinformadores noticiada e desancada aqui.

  3. Oh! Vera, que humilhação. Julgava-a mais inteligente e imparcial, como deveriam ser todos os jornalistas. É uma lástima,triste mesmo presenciar a degradação intelectual na mídia.

  4. Bem feita foi a lei que permite que – pessoas sem diploma de jornalismo – exerçam a dita profissão.

    Aliás, deveriam fechar todas as supostas faculdades de jornalismo(?), pois, freireanamente emburrecidos e ideologizados, aqueles que saem de lá são, somente, esses jumentos diplomados em esquerdopatetice.

Deixe uma resposta