DEU NO JORNAL

O Senado alegou a necessidade de “manutenção” para suprimir a enquete em seu site eCidadania quando quase 99% dos quase 9 mil participantes rejeitavam a proposta de emenda (PEC 33) para autorizar a reeleição de Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre, proibida pela Constituição.

Apesar da desculpa do Senado, outras seções do mesmo site, incluindo enquetes de “Ideias Legislativas”, continuaram a funcionar normalmente.

A assessoria do Senado nega “ordens superiores” para excluir a enquete desfavorável a Alcolumbre, e cita “manutenção no sistema Legis”.

É no “sistema Legis” onde processo têm numeração e acompanhamento.

Mas na “manutenção”, curiosamente, só enquetes ficaram fora do ar.

Em poucas horas, a enquete sobre mudar a Constituição em benefício da dupla Maia-Alcolumbre recebeu o repúdio de 8.584 pessoas, num total 8.700 votantes.

* * *

Pois eu acredito piamento no que disse a direção do Senado.

A pesquisa foi tirada do ar não por conta do número acachapante de “Não”.

Foi tirada apenas por questões técnicas de “manutenção”.

Uma casa presidida por um homem público do quilate de Alcolumbre, companheiro da Rodrigo Maia nas presidências do Legislativo, não fala inverdades de modo algum.

Só fala a mais pura realidade.

Eu acredito.

Tanto quanto acredito que Lula só fala verdade e é um homem honesto e inocente. 

3 pensou em “UMA CASA QUE SÓ FALA A VERDADE

  1. “Prezado Airton,

    Agradecemos seu interesse no Programa e-Cidadania e pedimos desculpas pelo transtorno.

    Informamos que a página da Consulta Pública está temporariamente em manutenção para a inclusão da ementa, ou seja, a descrição do projeto de lei e da autoria em todas as proposições em tramitação e não somente na PEC 33/2020, visando facilitar a compreensão do usuário na hora de votar.

    O setor de tecnologia da informação do Senado está trabalhando intensamente para resolver a situação, o mais rápido possível, e, em breve, a página voltará a funcionar acrescida de novas informações.

    Pedimos que continue fiscalizando o funcionamento do portal e-Cidadania e nos avise caso encontre algum problema. Os usuários são os nossos melhores auditores.

    Ressaltamos que as proposições permanecem abertas à votação popular durante todo o período de sua tramitação no Senado e que, assim que seja finalizada a presente manutenção no portal, você poderá registrar seu voto normalmente.

    Estamos à disposição para mais informações.

    Acompanhe nossas atividades nas páginas do Facebook, Twitter e Instagram.

    Coordenação de Apoio ao Programa e-Cidadania”

Deixe uma resposta para Airton Cancelar resposta