DEU NO JORNAL

* * *

Esta manchete aí de cima saiu na insuspeita revista Veja.

Na edição que está nas bancas e circula neste final de semana.

Podes crer, amizade.

Num tô inventando não.

Saiu mesmo desse jeito que está aí em cima.

Se tiver dúvida, clique aqui e comprove.

A imprensa oposicionista e funerária inventa cada uma da porra.

Semana passada a Folha publicou uma chamada dizendo que Bolsonaro “despiorou” a situação do Brasil.

Quando é agora, a Veja diz que Bolsonaro fez o poder eleitoral de Lula “sumir”.

Sumir especificamente na cidade de Maceió, a bela capital alagoana, onde mora o cabra mais feio do Brasil, o Bernardo, fubânico viciado e renitente.

Pois é, minha gente.

O que os redatores da revista classificam como “poder eleitoral de Lula”, escafedeu-se.

Despareceu no espaço.

Sumiu nos ares feito peido de aviador.

8 pensou em “UM SUMIÇO DIGNO DE REGISTRO

  1. Bom dia, Papa Berto!!! Olha, só confirmando essa matéria, pois estou aqui em Maceió, e por onde eu passei, do Aeroporto, até aqui, no Condomínio Angra de Ipioca, Litoral Norte, só vi outdoors e propagando referentes ao Presidente Bolsonaro!!!
    O pessoal do Agro-negócio e outros setores da economia alagoana estão fechados com o Capitão.
    E não fica só por aqui em Maceió: no interior também!! Em Santana do Ipanema, em Palmeira dos Índios, em Maribondo, Atalaia, Satuba, Rio Largo e outras plagas, estão fechados com o Presidente e deram uma banana e mandaram uma pajaraca de grosso calibre, pra ser enfiada no furico do ladrão lularapista. Simples assim!!!

    • Vou mais longe: os caminhoneiros amigos de Sancho e ainda na ativa, levando progresso por este mundão de nosso Deus, informam que por onde passam, neste Nordeste maravilhoso, só se ouve falar do capitão. Cantemos: (“yo no soy marinero soy capitan soy capitan soy capitan”).

      • Esqueci de deixar meu abraço ao irmão caminhoneiro Zé do Grelo, um capixaba que enche de orgulho as estradas do Brasil. Vai que é sua, Zé!!!

  2. Depois que Bolsonaro mandou “afogar” os nordestinos nas águas do São Francisco,o cara tá bobando em todos estados da região.

  3. Isto é só o começo, o Capitão é igual a massa de pão, quanto mais batem, mais ele cresce e isto é considerado pecado mortal por esta cambada de fiduma égua.

  4. O poder eleitoral do multi-réu duplamente condenado está “des”aparecendo…

    Ops, realmente, diferente daquele aleijão linguístico do bunda-mole da “Falha”, essa palavra existe. Pois bem, O poder eleitoral do multi-réu duplamente condenado está DESAPARECENDO mais do que coisa emprestada (vai ver a popularidade também era de um amigo dele).

Deixe uma resposta