DEU NO JORNAL

Associações da magistratura, do Ministério Público federal e estaduais e das polícias estão organizando para protestos para pressionar o presidente Jair Bolsonaro a vetar o projeto de lei que criminaliza o abuso de autoridade, aprovado pelo Congresso na quarta-feira 15.

Os atos estão previstos para ocorrer no próximo dia 19 em Belém, Natal, Campo Grande e Curitiba.

No dia 20, a manifestação será em Brasília, e no dia 23 em Belo Horizonte.

* * *

“A sanção do Projeto de Lei 7.596/2017 não coíbe abusos de autoridade, não corrige equívocos dos agentes públicos. Ao contrário, transforma-os em burocratas acuados, incapazes de cumprir seus deveres e contrapor interesses ilícitos em nome da democracia e da probidade”.

Este é um trecho de uma petição pública que circula na internet e já conta com mais de 30.000 assinaturas.

Eles fazem muito bem.

Parado é que ninguém pode ficar.

Um abuso dessa ordem precisa ser contestado.

Quem quiser assinar a petição, é só clicar aqui.

Deixe uma resposta