CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Amigo Papa Berto.

Estou de volta para nossa terrinha.

Não deixei de ler e acompanhar a nossa gazeta e os gazeteiros que dela fazem parte.

Apenas para seu conhecimento, combustíveis na Califórnia estão custando caro, nunca tinha visto esses preços antes.

Próximo a San Francisco, mais caro ainda do que no sul de Los Angeles.

Estes são os preços no final de agosto:

Agora já estão mais altos variando de $ 4.39 a $ 4.59 o galão.

Em alguns postos os preços são maiores, inflação pegando feio

Algumas coisas faltando nos supermercados, preço absurdo da carne.

Não tem obrigatoriedade de uso de máscaras. Alguns lugares exigem. Outros não.

Restaurantes lotados porque o preço dos pratos, para eles, é bem baixo.

Dá para levar a família.

Abraço do assíduo fã.

R. Meu caro amigo fubânico, a última mensagem que você mandou pra gente foi em agosto passado.

Você estava em Santa Clara, na Califórnia.

Ótimo saber que está de volta à nossa pátria mãe gentil e encontra-se perto aqui da gente.

Quanto à inflação, à alta da gasolina e a subida de preços lá nos Zistados Zunidos, todos nós sabemos que isso tem um culpado.

Chama-se Jair Messias Bolsonaro, o Presidente do Brasil.

É só você ver o Jornal Nacional e ler a Folha de S.Paulo que se convencerá de que o culpado por todo esse desmantelo lá na terra do Tio Sam, e também no resto do mundo, é o genocida e homofóbico dirigente brasileiro.

Uma desgraça que se repete aqui na nossa terrinha.

Paulo Guedes e Bolsonaro são os dois responsáveis pelo declínio vertiginoso da economia do país.

Isso sem falar na terrível inflação que assola o Brasil.

A charge abaixo, publicada na página oficial do PT, resume tudo:

10 pensou em “TARCÍSIO MARTINS – LONDRINA-PR

  1. Sendo um galão igual a 3,8 litros (aproximado) significa que 1 litro sai por U$1,20 (arredondei também).

    Com o Dólar ontem fechando a R$5,45 dá um preço da gasolina a R$ 6,50 o litro na Califórnia.

    Preço médio atual aqui em Ribeirão Preto para a gasolina: R$ 6,00.

    Alguém poderia dizer que a gasolina de lá é melhor do que a daqui, que o padrão de vida é melhor, etc, etc.

    Mas esta é a realidade. Não fosse os escorchantes impostos de ICMS, poderíamos pagar mais barato pela gasolina.

    • Francisco lá nos states os postos oferecem três tipos de octanagem e consequente três valores distintos, a pior gasolina deles é melhor que a nossa que além de ter baixa octanagem ainda recebe um percentual de alcool

      • Caro Tarcísio, como eu disse, as realidades são diferentes. Lá também eles misturam etanol na gasolina, só que em quantidades menores que as daqui. Aqui também tem gasolina premium em alguns postos, com octanagem maior, que talvez dê para competir com a deles..

        A real é que, não fossem os impostos de ICMS atingindo toda a cadeia de preços, teríamos uma gasolina mais barata que a americana. Não se esqueça também que eles são praticamente auto suficientes em produção e refino de petróleo. Aqui nós exportamos petróleo e importamos derivados.

  2. Pingback: OSNALDO PEREIRA DE ARAUJO – BRASÍLIA-DF | JORNAL DA BESTA FUBANA

Deixe uma resposta para João Francisco Cancelar resposta