DEU NO JORNAL

As profissionais do sexo em Minas Gerais decidiram suspender os atendimentos por tempo indeterminado após o agravamento da pandemia de coronavírus no estado, que registrou seu pior mês em março.

Além disso, elas pedem para o grupo ser incluído entre os prioritários na vacinação.

A presidente da Aprosmig (Associação das Prostitutas de Minas Gerais), Cida Vieira, confirmou a paralisação do expediente e informou que não há previsão de retorno.

“Nosso trabalho é de contato físico diário e com várias pessoas. Somos muito vulneráveis e tínhamos que ser incluídas em algum grupo de risco. Não queremos que nos passem na frente de ninguém, mas que nos vejam com olhos de humanidade”, afirmou.

* * *

Apoio integralmente a solicitação das quengas mineiras: elas devem ter prioridade na vacinação.

São profissionais que dão duro e levam duro pra ganhar a vida.

Os mineiros que gostam de raparigar vão ter que ficar de quarentena.

Quem quiser conhecer a página do feicibuqui das raparigas das alterosas, é só clicar na imagem abaixo.

3 pensou em “SUSPENSA FUDELANÇA PROFISSIONAL NAS ALTEROSAS

  1. Elas vendem um serviço essencial e de primeira necessidade nestes tempos de pandemia chinesa.

    Como a profissão mais antiga do mundo ficaria de fora da lista prioritária de vacinação?

  2. Caro editor no link que deixou na postagem tem um link para um ilvro escrito por 12 putas , A Voz das Putas , com download grátis para texto e áudio e como o JBF é um espaço feito por escritores acho que elas merecem um espaço por aqui .

  3. Pingback: O ASSUNTO É PUTARIA DE NOVO | JORNAL DA BESTA FUBANA

Deixe uma resposta para João Francisco Cancelar resposta