A PALAVRA DO EDITOR

Está uma sexta-feira bonita nesta amada Recife.

Hoje de manhã fiz a minha caminhada diária, nu da cintura pra riba, bucho banhado de sol e costas charmosamente amorenadas.

Uma injeção de vitamina D no couro e um fortalecimento da disposição de atleta olímpico.

Depois do almoço, devidamente assessorado por minha amada cuidadora Aline, tomei os meus comprimidos preventivos de Ivermectina e dei um cochilo arretado.

Cheguei até a sonhar com os números da Mega Sena de amanhã!

Agora de tarde vou sair pra dar um passeio pela minha cidade, brutalmente trancada por um tiranete babaca que governa o nosso estado.

Vou dar uma passeada na beira da praia e respirar o ar do Atlântico.

Na volta, vou aproveitar pra passar em frente ao Palácio do Campo das Princesas, o histórico edifício que é sede do governo estadual.

Em frente ao palácio, de dentro do carro, vou aproveitar pra dar meia dúzia de bananas bem estraladas.

Bananas dirigidas ao babaca que lá está instalado, um ditadorzinho zisquerdóide que decretou o fechamento de todo o estado de Pernambuco.

Um tiranete que, com esta medida absurda, vai matar de fome milhares de trabalhadores impedidos de ganhar honestamente o pão de cada dia da família.

Abaixo a onda terror do “fique em casa” que os tabacudos estão espalhando por todo este país amado e colorido de verde-amarelo!!!

Um excelente final de semana pros estimados amigos da comunidade fubânica.

1 pensou em “SEXTOU ! ! !

  1. Comunidades, empregos, hobbies e vidas cotidianas das pessoas são essenciais para sua sobrevivência e prosperidade. É antiético e imoral para os políticos e funcionários da saúde pública TENTAREM controlar a propagação de um vírus – por mais mortal que seja para certos grupos demográficos – às custas dos direitos naturais, saúde física, saúde mental e bem-estar metafísico dos indivíduos, sendo que tudo isso, não deixa de ser aquela coisa extraordinária e preciosa chamada “felicidade”.
    Jack Nicastro do AIER – Instituto Americano de Pesquisa Econômica

Deixe uma resposta