DEU NO JORNAL

A deputada petista Maria do Rosário, que teve o carro roubado no centro de Porto Alegre, divulgou uma nota confirmando o episódio e fazendo o seguinte comentário:

“É lamentável que situações como essa sejam vivenciadas todos os dias por brasileiras e brasileiros. Num momento como esse mais uma vez nos solidarizamos com todas e todos que são vítimas de violência com perdas maiores ainda, como a vida.”

* * *

Ao invés de emitir nota lamentando “vítimas de violência e perdas de vida”, o melhor que a senhora deve fazer, Dona Maria, é soltar um documento apoiando o pacote anti-crime do Ministro Sérgio Sério Moro.

Agora, aqui entre nós: os pobres excluídos e explorados pela sociedade burguesa não fizeram mais que sua obrigação ao expropriar o bem da babaca petralha.

Ela não devia nem ter prestado queixa à polícia repressora.

Eu só lamento, sinceramente, é que Dona Maria Peidona não estava no carro na hora roubo.

E o serviço ficou incompleto.

Um tabefe no pé-de-ouvido da tabacuda, fazendo-a se mijar-se nas calçolas vermêias, seria um excelente corretivo pra quem fala tanta merda.

Senhores ladrões, vocês ficam nos devendo esta!!!

“Se fudi-me: roubaram minha BMW blindada. Xiuf, xiuf, snif, snif”

Deixe uma resposta