DEU NO JORNAL

Laerte A. Ferraz

Acredito que nenhum eleitor de Bolsonaro ficou feliz com a saída de Moro do Ministério da Justiça. Para mim está sendo razão de tristeza e de decepção. Estou triste porque Moro vinha fazendo um indiscutível bom trabalho na pasta. E fiquei decepcionado pela forma que ele escolheu para comunicar sua renúncia ao cargo para a população, especialmente aos eleitores de Bolsonaro.

Imagino que essa forma deselegante e bem pouco ética de notificação tenha sido uma espécie de prospecção de eleitores para uma possível candidatura em 2022, lançada na manhã deste dia 24 de Abril de 2019. Se não foi isso, foi uma demonstração cabal de um ego de insuspeitadas proporções. Lastimável.

Na minha forma de ver, apesar do respeito que tenho pela carreira e trabalho como Juiz e Ministro, o gigante Moro se apequenou, pois com seu discurso eivado de ressentimentos – reais ou não, não temos como saber – ele deu amplo estoque de munição para os verdadeiros inimigos do Brasil, nessa guerra suja e golpista que travam nas coxias do Congresso e dos gabinetes de togados. Com um único discurso, Moro desfez o enorme trabalho realizado no combate a corrupção, pois com ele abriu novas portas de acesso dos corruptos ao poder, facilitando a esses a consumação dos objetivos de derrubar o atual governo e trazer de volta tudo aquilo que tanto lutamos para mudar. Sim, fiquei decepcionado. Muito decepcionado.

Não quero entrar no mérito das razões dele para agir dessa forma, não tenho como avaliar o desgaste que sofreu a relação dele com o Presidente. Tudo parece indicar que o ato administrativo presidencial de exonerar o Diretor Geral da Polícia Federal, após este haver expressamente declarado que desde há muito estava cansado e desejoso de deixar a função, foi apenas o final de um drama que se desenrolava nos bastidores do primeiro escalão governamental. Deve ter sido a gota d’água que fez transbordar o cálice das divergências entre as expectativas pessoais e a realidade funcional.

Há quem diga que Maurício Valeixo desfrutava da total confiança de Moro. Mas também se diz que Bolsonaro não partilhava, com razão, desse sentimento. É evidente, óbvio mesmo, que para um cargo dessa importância, é requisito essencial que o escolhido seja, além de qualificado, merecedor da estrita confiança de seus superiores, especialmente do Presidente. Trocar o comando deveria ser algo normal, nessas circunstâncias. Só que disso Moro não quis arredar pé sinalizando que deixaria o cargo, caso Valeixo fosse exonerado, ainda que este estivesse cansado e insatisfeito. Muito estranha tal atitude.

Sem dúvida, a exoneração de Valeixo foi apenas uma espécie de “ponto de honra”, um pretexto, para Moro deixar o cargo e poder sair esfaqueando Bolsonaro que, em posterior pronunciamento, afirmou que o Moro havia condicionado a troca de Valeixo a um cargo de Ministro no STF. Chantagem, eu diria. E, talvez por ter sido um compromisso negado, já que anti-ético, tanto ressentimento.

Ainda assim, se Moro estivesse alinhado com o espírito de patriotismo que o mote de campanha de Bolsonaro revela, teria sido comedido em seu discurso de despedida que mais gerou dúvidas e ansiedade do que esclareceu razões. E isso, numa hora em que o país atravessa uma grave crise na saúde, com severos reflexos na economia, sem esquecer os conchavos golpistas dos opositores. Os reflexos serão terríveis, especialmente para o país.

O agora ex-ministro é um homem preparado e certamente não é ingênuo. Ele sabia perfeitamente os estragos que sua açodada fala iria causar na imagem do governo e na do Presidente. Sem dúvida ele sabe do prestígio que desfruta, assim como sabe do peso de suas insinuações e explícitas acusações. Foi o que bastou para que o PGR Aras pedisse ao STF investigações.

Enfim, caros leitores, Moro agiu com premeditação, sabendo exatamente quais seriam as graves consequências. Por lamentável que seja a saída de um dos nomes fortes do governo, mais lastimável ainda foi o ato de traição.

54 pensou em “SAIU E TRAIU

  1. Há que se ter cuidado para não fazer exatamente o que mais criticávamos nos petistas: defender o presidente com unhas e dentes em qualquer situação tenha ele ou não razão! Infelizmente o próprio Bolsonaro (e filhos) vem detorando dia após dia sua reeleição! Não precisa oposição! O que eu considero uma traição já que após tirar o PT do poder, há o risco desse poder cair de novo no colo do PT, graças a essas cagadas!

    • Oi pensem no lado positivo. Moro ajudou o Brasil pois o Tosco JB sofre impeachement e a presidencia vai pro Mourão. Com um pouco de inteligencia e posicoes firmes talvez consiga apaziguar o País pois, do jeito que está esta putaria no Congresso, STF, OAB, governadores e prefeitos nao vai acaber bem….

  2. Laerte só escorrega num ponto. Se vc diz que Moro sabia de seu prestigio burro foi o presidente não saber disto. Se ele nao for burrro os filhos com certeza sao. O mito virou mico

  3. Laerte expressou todo o meu sentimento de ontem.

    Vamos aos fatos e algumas questões:

    Bolsonaro não precisou do Moro para se eleger.

    Quem procurou quem para ocupar o cargo de ministro da Justiça?

    Bolsonaro procuraria Moro sem que este desse um mínimo sinal de que aceitaria?

    Moro aceitou e largou sua carrera de 22 anos da magistratura por patriotismo, por aceitar a plataforma conservadora que elegeu JB? Ou viu uma oportunidade de alavancar sua corrida ao STF ou mesmo à candidatura 2022?

    Moro foi a cereja do bolo do grupo de ministros formados e logo a mídia criou a pecha de que Guedes e Moro eram os pilares do governo. Será?

    Moro fez acusações seríssimas contra JB, nenhuma de corrupção nem contra a interferência dos zeros. Ele terá que provar em juízo estas acusações. Uma troca de email com uma deputada afilhada de casamento não é prova.

    A vida segue, a Globo já abraçou o Moro e vice versa, isso é um fato.

    Outros oportunistas que estavam em baixa á estão de braços abertos para abraçá-lo, serão bem recebidos? Veremos a qualidade dos que se juntarão ao Moro para verificar sua postura contra as coisas erradas.

    • Bem , vamos as duas versões do Bolsonaro ao encontro com Moro .
      Antes , não conhecia Moro pessoalmente e quem os apresentou foi Paulo Guedes
      Ontem , Moro o ignorou quando ele tentou falar com ele numa lanchonete e ele Bolsonaro ficou triste . Porquê ?
      Moro quis visitá-lo no Albert Einstein e ele não aceitou porque Moro não fez parte da campanha que o elegeu (?) . Ele já estava eleito ?
      Se Moro propôs em troca da cabeça do superintende da PF o cargo no STF , em novembro , porquê Bolsonaro não o demitiu em novembro ?
      Se só se conhece alguém vivendo com ele , o que concordo , porque em mais de uma oportunidade foi a eventos populares acompanhado de Moro ?
      Segundo Bolsonaro , Moro fez um bom trabalho em Curitiba , mas a Lava Jato já existia , então porque não convidou qualquer outro componente da operação ?
      Quando o autor escreve ” Na minha forma de ver, apesar do respeito que tenho pela carreira e trabalho como Juiz e Ministro, o gigante Moro se apequenou, pois com seu discurso eivado de ressentimentos – reais ou não, não temos como saber – ele deu amplo estoque de munição para os verdadeiros inimigos do Brasil, ” , ele não ignora a fala de Bolsonaro que diz claramente que Moro é um corrupto , que visava um cargo no STF e que esta fala é que dá arma aos #LulaLivre ?
      E finalizando , só para entender , qual seria a mente de uma pessoa que julga corruptos pensando numa posição dentro do STF ou em concorrer ao cargo de presidente – coisa que ele cansou de dizer que não fará -? E que o corrupto mór só chegou ao seu julgamento , por se julgar acima de todos e pediu no STF que os casos do triplex e do sitio , saíssem da jurisdição do MPE de São Paulo e fosse para o Federal ?

      • Airton, vou transcrever um comentário que fiz na coluna do Assuero, que vem a calhar:

        Eu acho que superestimamos o papel do Moro no combate à corrupção.

        Ele é um herói? Sim, pois colocou na cadeia o responsável pelo maior assalto feito ao país, o que não é pouco.

        Mas não é um super heróis, como chegou a ser retratado em bonecos infláveis. Ninguém o é.

        Ele condenou Lula, porém o colocou em uma cela especial que mais parecia um quarto de hotel. Lula nunca foi um preso comum.

        Moro, apesar de aceitar e pertencer a um governo eleito para ser de direita conservadora, nunca aceitou estas premissas, sendo que uma das suas primeiras indicações foi uma senhora progressista defensora do aborto, do desarmamentismo e da ideologia de gênero, temas opostos ao que os conservadores defendem.

        Então moro estava no lugar errado e precisava de uma saída honrosa (para ele).

        Valeixo já queria sair há muito tempo e ele segurou até a ocasião de ontem, quando disse dentre outras acusações graves, que o PR o exonerou contra a vontade dos dois. Acusou-o também de querer interferir nas investigações da PF.

        Bolsonaro sempre quis saber quem foi o responsável pelo atentado a faca que quase o matou (só sendo muito ingênuo para acreditar que foi obra de um lobo solitário). Seria interferência chamar seu Diretor da PF para cobrar o andamento das investigações?

        Seria interferência cobrar o que de fato aconteceu com o porteiro do seu condomínio que cometeu um falso testemunho que quase o coloca na cena do crime da Marielle?

        E quando a PF RJ quase colocou o seu irmão Hélio Negão como um miliciano, o que se revelou uma grosseira armação? Seria interferência pedir que o diretor RJ punisse os responsáveis e uma vez que fosse negado, que o exonerasse da função?

        Há muito mais em jogo nesta história do que um caso de ciúme do JB ou de tentativa do mesmo de proteger os seus zeros.

        • Caso Adélio : qual a parte de segredo de justiça que o Bolsonaro não entende ?
          Moro prendeu Lula ? Só foi isso ?
          Ele chegou ao Lula de graça , sem nenhum outro investigado preso ?
          Você está validando a tese lulista de perseguição com fins eleitorais .
          Moro não se ofereceu ao governo Bolsonaro , e se tivesse feito , caberia ao presidente analisar os prós e contra . Se Palloci se oferecesse ao cargo de ministro da fazenda , ele , e vai ter , Bolsonaro o empossaria .
          Quem falou em carta branca foi Bolsonaro .
          Quem falou em que o STF deveria ter e vai ter , um membro evangélico foi Bolsonaro , que será indicação do Tófolli ,e que eu saiba Moro nunca disse se tem e qual é a sua religião .
          Quando o povo , no impedimento da Dilma , ia as ruas falava o nome de quem ?
          Bolsonaro trocou Moro pelo apoio do centrão , desta forma talvez não tenha que dar cargos a ele . É só ver quem pretendia o cargo do Moro e lhe fez criticas abertas .

          • Airton, deixa eu te explicar uma coisa:

            No caso Adélio, Bolsonaro é uma das partes envolvidas, a da vítima, portanto para ele não tem sigilo.

            Depois ele tem o direito de saber porque estão demorando tanto tempo para desvendar um caso simples, aparentemente.

            V. não acha estranho que até agora não tenham dado uma resposta sequer para tantas coisas estranhas que aconteceram neste caso?

            • Se , pra ele não tem sigilo , porquê ele não pede para o advogado dele saber o que tem no processo ?
              Fora isso , ele ,, presidente nada pode fazer e se fizer estará interferindo numa decisão judicial .
              Esse é primeiro caso estranho que aconteceu envolvendo pessoas públicas ?

              • É o primeiro caso de atentado envolvendo um futuro PR no BR. No processo está que foi obra de um louco.

                No entanto há várias perguntas que carece de esclarecimentos.

                Se ele exige respostas de seu diretor da PF, este tem que responder ao seu superior hierárquico.

          • O caso Adélio já foi investigado. O cara era um maluco e decidiu assassinar um candidato à presidência. Isso quem diz não sou eu, mas é a própria PF. Essa história de que ele teve suas contas pagas é fake news, e ter advogados defendendo ele não é tão estranho assim. As pessoas que perguntam quem mandou matar Bolsonaro deveriam responder porque o mandante do crime mandaria um pé rápado com uma faca, ao invés de pistoleiro profissional. Essa história de que bolsonaro queria interferir na PF pra mandar eles investigarem o caso direito é balela das brabas. Só idiota cai nessa.

            • Só sendo muito inocente para acreditar que o cara agiu sozinho.

              Advogados caros aparecem, no mesmo dia a mando de ninguém sabe quem.

              No mesmo dia o nome do cara aparece no sistema da câmara federal e o Maia diz que foi um erro de digitação.

              Várias testemunhas e pessoas ligadas ao caso morrem misteriosamente.

              O Adélio, evidentemente não é um assassino profissional, porém um fanático ex pertencente ao PSOL, que evidentemente foi manipulado. A facada não matou JB por milagre. Foi pior que um tiro, se dado na mesma região.

              Um profissional saberia que seria grande a possibilidade de ser morto em seguida e que não seria viável um ataque à distância.

              E a grande pergunta que não quer calar: Porque a PF foi apressada em “desvendar este caso” e no da Marielle, a coisa ainda rola até hoje para tentar incriminar o JB e seus parentes?

        • Quem colocou Lula numa cela especial foram as leis que por exemplo , permitiram que Lula mantivesse toda a mordomia mesmo preso . Mordomia = assessores + SEGURANÇA + motorista ,

        • Tua tentativa de passar pano para a cagada que o Palhaço no planalto fez é patética e manjada, e, curiosamente, vai de encontro a narrativa dos desinformardores de opinião do governo. Por que será?
          https://mobile.twitter.com/cotore/status/1253707271885991936

          “Ele condenou Lula, porém o colocou em uma cela especial que mais parecia um quarto de hotel. Lula nunca foi um preso comum”.

          Patético. Não é da competência do juiz decidir isso.

          “Moro, apesar de aceitar e pertencer a um governo eleito para ser de direita conservadora, nunca aceitou estas premissas, sendo que uma das suas primeiras indicações foi uma senhora progressista defensora do aborto, do desarmamentismo e da ideologia de gênero, temas opostos ao que os conservadores defendem”.

          Bolsonaro não se elegeu por se apresentar como um candidato “conservador” (que belo conservador que tem orgulho de dizer que o filhinho passou o rodo no condomínio inteiro). Ele se elegeu por se apresentar como o candidato “anti-sistema”, anti-PT e anti-corrupção. Hoje dá a bunda pro centrão, virou até amigão do Marcos Valério, mas isso é só um detalhe. Moro não entrou por afinidade ideológica com o governo, mas foi à pedido de Bolsonaro, que disse se comprometer ao combate à corrupção e que também disse que daria carta branca ao Juiz, coisa que ele não fez. Se Moro tem um virtude, é que seu caráter está acima de qualquer ideologia, seja ela “conservadora” ou não.

          “Então moro estava no lugar errado e precisava de uma saída honrosa (para ele)”.

          Sem dúvida. E foi isso que ele fez.

          “Valeixo já queria sair há muito tempo e ele segurou até a ocasião de ontem, quando disse dentre outras acusações graves, que o PR o exonerou contra a vontade dos dois”.

          Isso é um fato, ou será que Sergio Moro assinou o documento e logo se esqueceu? Bolsonaro é um canalha, fez a exoneração na calada da noite, desafiando o juiz e AINDA FORJOU A ASSINATURA.

          “Acusou-o também de querer interferir nas investigações da PF”.
          “Seria interferência chamar seu Diretor da PF para cobrar o andamento das investigações?”
          Aham, essa é exatamente a razão dele querer interferir na PF:
          https://www.oantagonista.com/brasil/jn-exibe-troca-de-mensagens-entre-moro-e-bolsonaro/?desk

          Bolsonaro acabou. Vai ter que dar a bunda pro centrão pra fugir do impeachment.

          • André, só me responda uma coisa:

            Como é que o Antagonista sabia em detalhes todo o que iria acontecer desde quinta feira.?

            Foi o primeiro órgão de imprensa a dar a notícia da saída do Moro e quando a assessoria do mesmo desmentiu sua saída, manteve a informação, e mais ainda, disse que iria ser bombástica.

            Moro informava O Antagonista (órgão mantido pela Empirucus, que lucra com o mercado) de tudo ou eles adivinharam?

            Responda isso de modo convincente que eu mudo meu modo de pensar.

  4. Alguém viu ou leu alguma manifestação de Moro, como Ministro da Justiça, sobre as terríveis
    arbitrariedades cometidas contra cidadãos por certos governadores, durante a pandemia?

    • Moro é um civil, juiz retirado e sem foro privilegiado ,e deve saber muito bem qual é a extensão dos atos do STF .
      Você não deveria estar perguntando porque o STF não se manifestou ?
      O que a AGU faz no organograma do governo ?
      Não seria função dela fazer essa pergunta ao STF ?
      Você viu , fora naquelas entrevistas diárias a apoiadores e nas lives das quinta feira , algum órgão de imprensa mostrar as manifestações do presidente a respeito do tema ?
      Ah , e existe uma manifestação dele no twitter a respeito do tema .

      • Desculpe mas é OBRIGAÇÃO do ministro da justiça se pronunciar se a justiça não está sendo feita..
        Eu perguntei se alguém viu um pronunciamento dele a respeito, como fez no caso sobre a soltura de presos perigosos.
        Quanto a ser um civil…????

        • O caso da soltura de presos perigosos é feita por juízes e não pelo STF .
          Onde está a OBRIGAÇÂO ? Qual seria a OBRIGAÇÂO ? O que ele deveria dizer ? Que é contra a determinação do prefeito que tem autonomia do STF para fazer o que quiser ?

    • Tem um expressão muito boa em inglês para o que o Tarciso fez aqui: Whataboutism

      É o “e o Aécio” dos Bolsopetistas, a tentativa de rebaixar seus detratores ao mesmo nível deles. Quando a ética e moral se esfarelam, isso é que resta para eles.

  5. A seita bolsonarista pode trocar de #FORAMAIA para #LULALIVRE , depois da fala do Bolsonaro a respeito do Moro . Afinal ele só agiu pensando num cargo no STF , e esta é a tese lulista .

  6. Com um Congresso canalha, corrupto, carcomido pela podridão de vermes como Renan Calheiros, Rodrigo Maia, Humberto Costa, Davi Alcolumbre et caterva, não existe Presidente ideal. Jair Bolsonaro está longe de ser o tão sonhado e inalcançável “Salvador da Pátria”, ele foi uma resposta do povo à corrupção e roubalheira desenfreada patrocinada e institucionalizada pela quadrilha chamada PT e seu chefe Lula.
    Mas lutar contra
    Congresso
    STF
    Grupo Globo
    Grupo UOL/Folha
    Grupo Abril
    Grupo Band
    Grupo Estadão
    Etc etc etc
    É “Missão Impossível 1, 2, 3 e 4”.

    • Alfredo, JB nunca se arvorou em ser o “Salvador da Pátria”.

      Apenas quis se eleger, sem a bênção do Sistema e com a ajuda do povo para quebrar a aliança que sempre existiu entre os poderosos, os políticos, empresários, empreiteiros, imprensa, academia, institutos de pesquisa ; enfim, o mecanismo que condena o Brasil ao atraso há 500 anos.

      Foi eleito em segundo turno contra tudo e contra todos, sem quase nenhum dinheiro, com um partido corrupto e depois de quase ser morto na campanha.

      Óbvio que não o deixariam em paz.

      Foram plantados cavalos de troia em seu Governo, como o Bebiano, General
      Santos Cruz, Joyce, Frota, Mandetta e outros.

      Dia e noite tentam tirar dele a única coisa que o mantém na PR, que é o apoio popular.

      Agora, com a saída do Moro, pode ter certeza que na próxima semana sairá uma pesquisa de opinião dando a queda da popularidade do PR, quer apostar?

      Porém, eu aposto que, passada esta tempestade, Bolsonaro continuará saindo entre os populares e continuará sendo chamado de Mito por estes, quer apostar também?

      Sua vida nunca correu tanto risco, mas ele sairá.

      • Foram plantados ????
        Por acaso você viu imagens da casa do Bolsonaro depois da vitória ?
        Porquê ,por exemplo , ele não aceitou a ida do Dória , que buscava o seu apoio ?
        Um deputado com 30 anos de mandato aceita cavalo de Tróia ?
        Daqui a pouco vai escrever que Lula não sabia de nada e que a Galega foi um cavalo de Tróia colocado na vida dele

        • Bem, o caso do dória, só o trouxa aqui acreditou que ele seria uma solução para o Estado de SP. Bolsonaro já devia saber que ali tinha um traíra de mão cheia.

          Quando se está em campanha v. não pode checar a vida de cada um que o apoia.

          Porém eu vi o Frota na casa do JB depois da vitória como um insistente papagaio de pirata. Depois soube-se que ele queria indicar o ocupante da pasta da Cultura (porteira fechada). JB disse não e a partir daí Frota procurou Maia e Dória aos prantos.

          • Não discutop se Dória seria ou não uma boa solução para o governo de SP . O que discuto é o porque de não aceitar este encontro e agora a seita bolsonarista dizer que os que saíram foram cavol de Tróia .
            Ele com 30 anos de parlamentar não sabia o que aconteceria ?
            Não se pode mostrar as incoerências dele ?

            • Airton, não sei se v. acompanha meus comentários.

              Como um conservador de direita eu sou cético, não acredito em pessoas perfeitas, acho que podemos nos enganar e questiono tudo e todos a todo momento, antes de uma conclusão, que dificilmente é definitiva.

              tenho muita experiência e aprendo a cada dia coisas novas.

      • Nem disse ou sequer insinuei que JB tenha se arvorado em salvador da pátria, mas ante as circunstâncias era o que povoava o imaginário de grande parte, ou quase todo seu eleitorado. Na verdade o JB quebrou tantos paradigmas enraizados e solidificados na vida da Nação que o “sistema” não iria engolir facilmente. Daí a citação a “missão impossível”. Mas o povo, o elo mais forte da corrente está com o capitão.
        E foda-se a esquerdalha!

  7. Eu nunca vi, nem tive conhecimento, de um homem que tivesse sido tão atraiçoado e por tanta gente.
    Teremos que instituir o troféu e a medalha “Iron Balls” para dar a Bolsonaro. Só tendo os ovos de ferro para aguentar tanta canalhice.
    O tanto de traições torpes que esse homem já sofreu só se compara à virada da galera em Jerusalém, entre o domingo de Ramos e a sexta feira da paixão. Que eu me lembre, e bem rapidamente, foram: Joice, Dória, Mandetta, Alexandre Frota, Ronaldo Caiado, agora Moro, e tantos e tantos outros oportunistas que se elegeram pendurados nos ovos de Bolsonaro e, depois, lhes pagaram com uma facada nas costas.
    Qualquer pessoa, com a personalidade medianamente forte, já teria pedido o boné e mandado esse país à puta que os pariu, entregando a porra toda aos canalhas das esquerdas.
    Eu, que não tenho nada a ver com isso, já que vou embora dessa merda de país assim que abrirem os portões, já estou absolutamente de saco cheio de ver tanta conversa imbecil e baseada em suposições maldosas que foram cientificamente plantadas pelas víboras da esquerda canalha.
    Nisso, tenho que reconhecer, as hienas e os chacais das esquerdas são EXTREMAMENTE COMPETENTES: Plantar a cizânia, a dúvida, a desconfiança, o desentendimento, o ódio, o desencanto, e por aí vai, é a maior de todas as competências desses abutres
    Chega!!!!! FUI!!!!!

    • Boa Adônis,

      Tenho a mesma visão.

      Eu, no lugar de JB não teria nem entrado nesta. Poderia se reeleger para o resto da vida. Caso não quisesse mais, aposentadoria de 30 paus até morrer, com pensão para a mulher e a filha após sua morte.

      Casa na beira da praia, mulher nova, bonita e inteligente. Filha nova para criar. Os demais filhos já criados e com vida política garantida.

      Ele está uns 10 anos mais velho em 1 ano, dá para perceber, quase morreu e deixou a filha órfã. A mulher e a filha agora vivem fechadas no Alvorada.

      Só tem realmente duas alternativas: ou o cara é louco ou é patriota. Com qual v. fica?

  8. Moro deu mostra de sua ética ao expor conversas particulares que manteve com a dep. Zambelli, sua afilhada de casamento, sem pedir autorização. A pendenga é com Bolsonaro, mas se não tiver outro jeito use-se o que estiver à mão.

    • Bolsonaro falou que ele só queria a vaga no STF; Moro,por outro lado, provou que isso era mentira. Desmacarou o Palhaço no ato.

  9. Caro Editor Berto, boa tarde.
    Para quem conhece o perfil e personalidades dos Fubânicos fiéis e frequentadores do seu Blog, eu me divirto quando entra uns “parquedistas” nas discussões. Os caras me fazem se-rir-se todo, com os argumentos toscos e intempestivos. Crentes que estão abafando. Por sinal, já está na hora de você interferir nesta discussão e lembrar-lhes de algumas “cositas” básicas do Universo Fubânico. Saia do seu Descanço Sabático (de sábado mesmo!) e Bote pra Lascar. Sds

    • Se eu conheço o Berto, ele não é o tipo que censura quem quer que seja, pelo menos não por razões políticas. Pelo era assim nos idos de 2016. Não que ele deva nada a ninguém, nem eu devo nada a ele (entendo que seu comentário tenha sido direcionado a mim). Da minha parte, se você acha que os outros têm argumentos toscos, por quê não se juntar à discussão e rebutar esses argumentos? Por que esperar a manifestação do editor?

Deixe uma resposta