A PALAVRA DO EDITOR

Levar queda de jumento
Consertar cerca de vara
Brocar e fazer coivara
Chiqueirar pingo goguento.
Criar um cão rabugento
Com o nome de tubarão
Botar vareta em mijão
Só pra vê o reboliço
Quem nunca fez nada disso
Não sabe o que é sertão

Passar sebo de carneiro
Em cima de um machucado
Beber cana com picado
Escutando um violeiro.
Botar galinha em poleiro
E pastorar o ladrão
Comer lambuzando a mão
Numa lata de chouriço
Quem nunca fez nada disso
Não sabe o que é sertão

Pescar piaba num poço
Tanger jumento velhaco
Tirar peba de buraco
Comer jabá no almoço
Bater tutano de osso
Pra misturar no pirão
Rasgar o cós do calção
Na vara de um passadiço
Quem nunca fez nada disso
Não sabe o que é sertão.

Beber mel de jandaíra
Tirar água de cacimba
Fazer cantil com marimba
Comer pirão de traíra
Tirar caixão de cupira
Pegando abelha com a mão
Acompanhar procissão
Louvando meu padim ciço
Quem nunca fez nada disso
Não sabe o que é sertão.

Deixe uma resposta