52 pensou em “PRONUNCIAMENTO DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA

  1. Pergunta 1: Esse monte de papagaio de pirata em volta é para “mostrar força”? Precisa?

    Pergunta 2: Se Sérgio Moro era esse ministro fraco, não alinhado com o presidente, que não fazia a PF funcionar direito, o que ele estava fazendo lá?

    • Resposta 1: Papagaio de pirata não é nome adequado para as pessoas ali reunidas, que dentro de cada ministério fazem, mesmo com a torcida da TURMA DO CONTRA, o possível para melhorar o Brasil, com evidente e satisfatório êxito.

      Resposta 2: Não saiu da boca do presidente a afirmação de que Sérgio Moro era ministro fraco, pelo contrário, pois se o fosse não estaria no time. Detesto comparações, mas se compararmos com um time de futebol, diria que certos jogadores, por terem muito talento, merecem sempre segundas e terceiras chances antes de que desistamos de seus serviços. Foi o que aconteceu.

      • Papagaio de pirata não é nome adequado para as pessoas ali reunidas.

        OK.

        Mas se é assim, por que o deputado Helio Negão, que estava entre as pessoas ali reunidas, tem que fazer sempre este papel de papagaio de pirata do mito lacrador?

      • Talvez seja exagero meu, mas aquele monte de gente parada em volta do Bolsonaro me passou uma péssima impressão de alguém que está se sentindo acuado e quer mostrar uma imagem de força.

        Quem precisa mostrar que é forte, é porque não é.

        • Sério isso? O sujeito leva bordoada vinda de todos os lados, principalmente de boa parcela da mídia. Qualquer dos ministros que ali não estivesse daria margem à TURMA DO CONTRA de questionar se ainda permaneceria ao lado do presidente.Olhemos por essa ótica e enxergaremos que o gesto foi para mostrar a coesão da equipe.

          • Olha, Sancho, não me leve a mal, mas essa coisa de chamar todo mundo que discorda de “turma do contra”, “esquerdopatas”, “bolsominions”, “gado do lula”, “gado do bozo”, etc, não me agrada muito. É meio absolutista.

            E depois, mandar os subordinados ficar em volta não mostra coesão nenhuma. Mostra medo. Mostra insegurança. Afinal, não é só um ministro saindo? Não é coisa normal o chefe trocar quem ele quer? Porque a necessidade de “mostrar coesão”? Acho que foi, psicologicamente, um baita ato falho.

            • Concordando com o Marcelo .
              Bolsonaro não disse que Moro era um ministro fraco , mas que era venal e incompetente . Venal porque propôs , segundo Bolsonaro , trocor a cabeça do superintende da PF por posição de ministro STF ( só que muito antes disso Bolsonaro disse mais de uma vez que queria o STF deveria ter ministro evangélico, e este cara é alguém que seria indicado pelo Tófolli ) , e incompetente porque não conseguiu saber o que havia por traz das declarações do porteiro e não descobriu quem financiou o Adélio .
              Ele simplesmente deu argumentos a Lula , que sempre disse que Moro só o condenou pensando numa posição de ministro de STF .

  2. Dizem que as ideias se medem pela economia de palavras que vc usa pra garantir a confiabilidade das mesmas. Comparando o tamanho dos discursos de Moro e de Bolsonaro cada leitor decide quem convenceu mais ..

    • Afinal, como perceber e/ou mensurar confiabilidade? Tem muita gente que achava o ditador cubano extremamente confiável… Fidel Castro foi um recordista dos discursos longos, de até sete horas.

      • É só comparar o discurso com a ação de quem discursa. Quem aqui descumpriu suas promessas? Quem disse que daria carta branca pro Moro? Quem disse que era defensor da Lava-jato, mas só fez atrapalhar investigações e ajudar a fatiar os casos? Quem é que pôs um petista na PGR, entre outras tantas coisas?

  3. Agora vou ter que dizer que o presidente falou sobre um monte de coisas mas não explicou nada. Sinto muito, mas parecia o ex-presidiário pedindo desculpas para o povo brasileiro e depois dizendo que não sabia de nada. Não posso me arrepender de ter votado nele pois a opção era mais quatro anos de governo “socialista” trabalhista. Melhor um governo como esse do que outro ladrão.

    • Eis a escolha de Sofia às avessas. Sempre estaremos diante das urnas com a missão de escolher, caso não tenhamos alguém de nossa preferência, que optar pelos menos pior. É muito complicado ser eleitor nas Américas do Sul e Central.

  4. Todo fato político tem três verdades:
    a verdade do lado A
    a verdade do lado B
    a verdade da versão
    Ainda, Moro é serio, honesto e juridicamente competente.
    No entanto em politica é zero.
    Saiu queimando pontes quando deveria ter se inspirado na saida do Mandetta.

      • Moro não foi eleito para nenhum cargo. Foi nomeado. Poderá testar sua popularidade nas próximas eleições .O resultado sera ruim.

    • Na minha opinião ele está engolindo sapo faz muito tempo.

      A demissão do Valeixo foi a gota d´água.

      Nesse ponto, fico feliz por ele não ser “político”. Quando achou que não dava mais para continuar, saiu e disse o porquê.

      Se fosse verdade que ele estava de olho na vaga do STF, era só ficar quieto mais seis meses.

      • Respondo com Albert Einstein:
        “Se minha Teoria da Relatividade estiver correta, a Alemanha dirá que sou alemão e a França me declarará um cidadão do mundo. Mas, se não estiver, a França dirá que sou alemão e os alemães dirão que sou judeu.”

        • Conheço a citação mas não entendi o que tem a ver com a história, Sancho.

          Moro disse que saiu porque não aceitava que se trocasse o diretor da PF por interesse político. Comentei de tarde em outro post que basicamente o que Bolsonaro precisava explicar era o porquê da troca que, de fato, aconteceu.

          A explicação dele é que Valeixo pediu para sair. Aí fica a dúvida: se Moro estava interessado numa vaga do STF, porque ele iria pedir demissão (e perder a vaga) por causa do Valeixo – que é amigo dele – se foi o próprio Valeixo que pediu para sair?

          Não está fazendo sentido para mim.

          • Tive a mesma dúvida.
            Acho que a performance de Moro no MJ fêz com que Bolsonaro perdesse a confiança nele. Reforça minha tese a fala de Bolsonaro, quando ele disse que, cobrado por Moro de ser enviado ao STF, Bolsonaro respondeu que não poderia garantir isso.
            Se Bolsonaro perdeu a confiança em Moro, colocá-lo no STF não seria uma solução mas sim um problema.

            O problema da saída de Moro foi a forma com que foi feita: poderia sair elegantemente, mas não o fez. Preferiu não avisar o presidente, configurando uma traição.

            Ali não tem ingênuos: ele fez isso de caso pensado. A questão é: qual o objetivo?

            • Ô Mario, até o Antagonista sabia, só o Bolsonaro que não?

              Óbvio que eles já tinham conversado sobre isso. Moro disse que não aceitaria a demissão do Valeixo e o Bolsonaro decidiu pagar para ver.

    • Queimando quais pontes ?
      Queimar pontes é ver a COAF sair do seu ministério , porque chegou ao filho de presidente e ao Tófolli ?
      Queimar pontes é ver o seu projeto da lei anticrime ser desconfigurado sem nenhum interesse do presidente em manter o original ?
      Queimar pontes é ver um juiz de garantias aparecer com apoio do filho presidente ?

  5. OU CONTRA OU FAVOR
    VAMOS TOCAR TUDO PRA FRENTE
    SE O MORO ERA BOM
    AGORA ESTÁ DOENTE
    ELE FOI MUITO REPEITADO
    FORTE E CONCEITUADO
    MÁS QUE MANDA É O PRESIDENTE

    QUANDO PEGOU NA CORRENTE
    PENSOU QUE ELA ERA SUA
    SÓ PORQUE PRENDEU LULA
    QUE SUA CANETA CONTINUA
    TUDO TEM LIMITAÇÃO
    PASSOU O PÉ PELA MÃO
    ESTÁ NO OLHO DA RUA

    SEU PODER NÃO CONTINUA
    NA BOCA NEM NO NARIZ
    DEVE TÁ DIZENDO AGORA
    GRANDE BESTEIRA A QUE FIZ
    É BOM CONTER O VENENO
    QUERIA IR PRA O SUPREMO
    AGORA É EX-MINISTRO E EX-JUIZ

    • Faltou um amém, e não se esqueça:
      VIVA O MITO, VIVA A SEGUNDA VOLTA DE JESUS, NOSSO MESSIAS PATRIOTA ENVIADO POR DEUS, JAIR BOLSONARO.

  6. Debochando das medidas de afastamento social… .
    Craro….
    Nao queimou pontes até porque nao tem que voltar para esta merda de governo.

    Entre Moro e Bolsonaro eu acredito que o mentiroso é Moro…. Craro….

  7. No pronunciamento o governante explicou sobre a assinatura do Ministro Moro num documento que ele alega que não assinou? Ou esse fato é insignificante que nem merece uma boa explicação?

    Faço essa indagação porque no mesmo documento consta a assinatura do governante.

    • A PGR acaba de pedir a abertura de inquérito para apurar as denúncias feitas por Sérgio Moro contra o presidente Bolsonaro.

  8. Estou muito curioso para saber por que o Valeixo está tão quieto. Afinal, se foi ele quem pediu para sair, uma confirmação de viva voz por parte dele dissiparia muitas dúvidas.

  9. E sobre a extinção do COAF, a sanção do artigo eliminando o voto de minerva no CAF, dando aos contribuintes espertos sempre a razão, sobre a sanção de várias merdas na tal lei de abuso de autoridade, sobre a aproximação cada vez maior com o centrão e a velha política, ninguém diz nada?

    Se alguém vem adequando a realidade às suas conveniências ao longo do tempo é Bolsonaro, não Moro. Creio que 95% dos fubânicos votaram nele, eu incluso, para tirar o PT do poder, por falta de opção e porque prometeu dar forças à lavajato e manter o combate firme à corrupção. Talvez o único aqui que ainda acredite no que dizia Fidel Castro seja o ceguinho teimoso, mas esse não conta, pois está com os neurônios avariados de tanto conviver e repetir os mantras abobalhados da esquerda.

    Bastou aparecer um leve sinal de rachadinha e outras cositas mais envolvendo os filhos e o sujeito já começa a fazer água e a mudar a linha de discurso mais incisiva para sua eleição.

    Repito Silas Malafaia, que não tem nada de besta, mas acho que acertou nesta: “Sou aliado do presidente, mas não sou alienado”.

    Pegou muito mal e vai dar o que falar por muito tempo.

    • E se queimou ( Bolsonaro ) por besteiras .
      O que dará a rachadinha neste país de corruptos ?
      O que dará o processo/investigação do STF sobre ameaças ao STF ?
      Porque ele tinha que entrar nisso ?

  10. Eu só não entendi por que o Paulo Guedes está sem paletó e sem sapatos, e é o único que está usando máscara.

  11. Segundo o Sérgio Moro o “Presidente queria alguém na PF com quem pudesse colher informações”. Será que o Bolsonaro estava querendo exatamente o que ele achava que todos os Presidentes anteriores a ele tiveram?

    • O Bolsonaro queria o que ele achava que os presidentes anteriores tiveram, e provavelmente está certo em achar. Só que fez do jeito errado, na hora errada e com a pessoa errada.

  12. O ex-ministro Moro deixou bem claro que, inquéritos da PF são sigilosos, pois o Presidente queria intervir nos inquéritos, ou ao menos saber deles, lê-los. Isso é muito sério, a palestra dada por Moro, não foi só um pedido de demissão e sim uma delação. Foi por essas e outras que Moro solidificou a possibilidade de ser candidato em 2022. Manteve sua trajetória de respeito à verdade. Até porque, como dizia o dramaturgo De La Barca: ao meu rei tudo. Menos a honra…

    P.S.: – Como disse recentemente o politizado ator global Carlos Vereza, um dos mais entusiastas admiradores de Bolsonaro, não dá mais para apoiá-lo. Chega!!! Daí, conclui-se que, o Capitão Caverna torrou a paciência de todo mundo…

  13. Acho que Moro pegou o covid do Mandetta enfiou no saco e escafedeu-se.
    E agora? O Covid 19 vai ficar em segundo plano ? Estão tirando as máscaras ?

      • Nada como um dia após o outro , uma semana após a outra , um mês após o outro , um ano após o outro e em 2022 , se estiveres por aqui , tomares aquele pileque ao vê-lo reeleger-se . Se bem que ele disse que não tem pretensão de se candidatar novamente. Mas , tudo está na fase hipotética , vamos esperar para ver . Temos que ter cuidado com o corona e com a coronha .

  14. E aí? Por que Bolsonaro não quer o Valeixo n PF? Será que é porque ele é incompetente e não descobriu quem mandou matar o palhaço? Ou será que por que a água tá batendo na Bunda?
    https://www.oantagonista.com/brasil/jn-exibe-troca-de-mensagens-entre-moro-e-bolsonaro/?desk

    “PF na cola de 10 a 12 deputados bolsonaristas”
    “Mais um motivo para a troca.”

    Escolham um lado: Ou Sergio Moro, ou o Palhaço na presidência?

  15. Acho que isso é como separação de casal. A mulher berra que está com a razão e o homem jura que fez tudo certinho e não entende a separação. Mas, aproveitando a presença da inteligência e da lógica cartesiana de Marcelo Bertoluci aqui nesse forum fubânico, vou fazer uma observação a respeito de uma personagem citada na fala do Presidente.
    Trata-se da “cientista” social Ilona Szabó, uma senhora que Moro colocou na estrutura de seu Ministério e que Bolsonaro logo exonerou, sob a alegação de ela é “abortista” e defende a ideologia de gênero.
    Pois bem, em entrevista publicada no site http://www.globo.com de hoje, Ilona Szabó informa que atualmente reside no exterior porque, segunda ela, teve que deixar o país por medo de ameaças da turma bolsonarista. Parece-me difícil, pois 99,99% dos cidadãos brasileiros não têm a mínima ideia de quem seja Ilona Szabó.
    O que me leva a escrever isso tudo é que causou-me espanto o fato de ela ter dito a frase abaixo, a respeito do momento político que vivemos:
    “…..do jeito que a coisa vai, o Brasil corre o risco de tornar-se uma democracia liberal.”
    Nunca pensei que ser uma democracia (o que o Brasil ainda não é) e, ainda por cima, liberal, fosse um risco. Ao contrário, sempre imaginei que estaríamos no paraíso quando isso acontecesse.
    Espero a ajuda dos universitários.

Deixe uma resposta