DEU NO JORNAL

Petista condenado por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex, Lula está preso desde 7 de abril de 2018, sob condições especiais, numa sala que era o alojamento de policiais na sede da Polícia Federal, em Curitiba (PR).

São 472 dias.

A PF estima que o custo para manter o petista preso é de R$ 10 mil por dia, ou seja, já foram R$ 4,7 milhões até o momento.

Até o fim do próximo mês o total gasto no petista condenado atinge a marca de R$ 5 milhões.

O petista tem direito a banheiro com água quente e televisão numa sala de 15 m².

E ainda pode conceder “entrevistas” a veículos e jornalistas.

O custo médio de um preso aos cofres públicos no Brasil é de R$ 2,5 mil por mês.

Lula custa ao contribuinte cerca de R$ 300 mil por mês.

120 vezes mais que qualquer outro preso.

* * * 

Gastar esta fortuna com um prisioneiro que está cumprindo pena por corrupção e lavagem de dinheiro, é uma fato extraordinário, inacreditável, fabuloso, fantástico, irreal e surrealista.

E um detalhe não me sai da cabeça: esta dinheirama toda sai dos impostos que nós pagamos!!!

Estou aqui pensando em lançar uma nova versão da campanha “Lula Livre“. 

Seria a campanha “Lula Livre de Toda Mordomia“.

Agora, só tá faltando Gleisi Amante Hoffmann exigir que a visita íntima tenha sua duração ampliada, com a PF sendo obrigada a fornecer Viagra e vaselina especial pra lubrificar furico.

E também o PT requerer um auxílio-reclusão pra Lapa de Corrupto correspondente ao número do partido, o 13.

Seria na base de 13 mil reais por cada hora que o larápio-demagogo passar na cadeia.

É pra arrombar a tabaca de Xolinha!!!!

Deixe uma resposta