DEU NO JORNAL

Ao completar 70 dias de campanha de vacinação contra a covid, o Brasil deve bater neste domingo a marca de 20 milhões de doses aplicadas, cerca de 10% mais que o Reino Unido conseguiu em igual período.

O mesmo se aplica a Alemanha, França e Itália, que, somados, têm 210 milhões de habitantes, população semelhante à brasileira, e aplicaram 18,7 milhões de doses nos primeiros 70 dias de imunização contra covid.

O Brasil acelerou o ritmo da vacinação e se aproxima de mil doses aplicadas em um dia.

A média diária já passa de 565 mil vacinas.

* * *

Esta nota foi publicada na página do jornalista Cláudio Humberto.

Isto é o tipo de notícia que não sai na grande mídia oposicionista nem com a porra!!!

Tô postando só pra estragar o domingo da canalha terrorista que aplaude a imprensa funerária e fica babando com os absurdos publicados no Globo e na Folha.

E também pra alegrar o nosso dia, nós cidadãos do bem, racionais e patriotas.

Pra fechar a postagem, aí vai o Xote da Corrupção, uma paródia bem humorada do Xote Ecológico, de Luiz Gonzaga.

3 pensou em “PRA ESTRAGAR O DOMINGO DELES

  1. Há um equívoco na prevenção direitista de que os esquerdalhas estragam o dia quando há boas notícias do governo; muito pelo contrário! Estamos ansiosos pela vacina! Na verdade, em nosso culto diário rezamos para que Jair Messias Bolsonaro, Ernesto Araújo, Ricardo Salles, Damares Alves, Paulo Guedes sejam iluminados, orientados, intuídos, pegos pela mão para fazerem pelo País o bem máximo possível, porque nós somos humanistas e queremos o melhor para o povo,
    Que o Brasil lidere, como pode liderar, dada sua tradicional elevada capacidade de organização para campanhas de vacinação, o mundo inteiro e vacine cinco, dez, vinte milhões por dia! E se isso for capaz de reeleger Jair Messias Bolsonaro, que seja. O que se espera é que um presidente da república seja o primeiro a virar jacaré.

  2. Caro Goiano
    Infelizmente estão circulando pelos caminhos da comunicação eletrônica filmagens as mais diversas, em que aparecem enfermeiras fazendo de conta que aplicam a vacina, dando a picada e retirando a seringa sem injetar o líquido.
    Sua capacidade investigativa bem que poderia agir para descobrir a verdade desse procedimento, que, decerto, não é de parte de dorianos ou companheiros mandetianos que ainda apostam na ineficiência governamental para vacinar seus concidaddãos.
    Se você não tiver essas imagens, me diga para onde posso remeter a que ainda tenho, contribuindo para sua investigação, que será tão rigorosa quanto as de alexinho.
    Abraços,

  3. Arael, tenho alguns vídeos de falsa aplicação da vacina e o assunto foi objeto de reportagens na mídia de verdade.
    Imagina-se que a prática pode ter o objetivo de vender a vacina que não foi dada, ou aplicá-la em um parente ou amigo que ainda não está na vez.
    Também está circulando a notícia de um grupo tomando a vacina clandestinamente, não sendo impossível nem improvável que essas vacinas sejam aquelas desviadas, falsamente dadas, mas especula-se se elas teriam sido obtidas por contrabando.
    Seja o que for e como for, parece que a corrupção não acabou no Brasil. Nem no mundo. Talvez acabe um dia, mas deve demorar um pouco e resistir ao governo ou aos governos de Jair Messias Bolsonaro, ou ao próximo do Lula, se houver (a gente está trabalhando para que haja).
    Uma coisa que seria interessante seria perguntar às enfermeiras que fingiram aplicar as vacinas e aos empresários que organizaram a vacinação privada em quem eles votaram, se foi no Haddad, no Jair Messias Bolsonaro ou em quem.
    Se tens só um caso de falsa vacinação, vai aí um vídeo com uns seis:

Deixe uma resposta para Arael M. da Costa Cancelar resposta