DEU NO JORNAL

O ministro Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional) afirmou que não perde o sono com a ameaça de “impeachment” por partidos de oposição.

“Perco o sono quando sinto dores nas costas”, diz ele.

* * *

E eu só perco o sono quando me dá vontade de mijar de madrugada.

Levanto puto, mijo e vou me deitar.

Durmo e torno a levantar na próxima vontade de mijar.

Coisa dum cabra véio mesmo: quanto mais a idade avança, mais eu mijo.

Essa madrugada eu contabilizei seis mijadas.

* * *

E, em falando do General Heleno, esta postagem já estava pronta quando vi esta cacetada que ele acabou de dar na grande mídia oposicionista e golpista, que detesta conviver com a democracia.

Aquela mídia que é porta-voz dos derrotados. Porta-voz daquele bando que não se conforma com a pica de 57.797.847 de centímetros que levou no olho do furico nas últimas eleições presidenciais.

Vejam:

4 pensou em “PERDENDO O SONO

  1. Berto, você ainda conta as mijadas da noite?

    Eu já perdi as contas faz tempo.

    Só fico imaginando quantos litros foram.

    Mas eu não perco o sono não.

  2. Berto, presumo que você tem as duas pernas; imagine eu que mijo a mesma quantidade de vezes com uma perna só; tem que mijar no famoso papagaio, sentado bem na beiradinha da cama e inclinando o corpo pra esquerda (se for pra direita não sai nada). E ainda tem que tomar cuidado pra não derramar. Pense num negócio cabuloso que é cheiro de mijo amanhecido.

Deixe uma resposta para Marc Aubert Cancelar resposta