DEU NO JORNAL

Para explicar detalhes do projeto, Michel Temer destinou R$ 20 milhões à campanha publicitária da reforma da Previdência, sem contestação nem mesmo do PT, que o chamava de “golpista”.

Já campanha de esclarecimento do Pacote Anticrime do ministro Sérgio Moro (Justiça), que fecha o cerco a bandidos em geral e corruptos em particular, foi tirada do ar por conta de representação no Tribunal de Contas da União (TCU).

Fica parecendo reação do mundo do crime.

Os autores da ação no TCU contra publicidade do pacote Anticrime são políticos aliados de Lula, o ex-presidente corrupto condenado por Sérgio Moro.

* * *

A notícia aí de cima diz que “fica parecendo” que tirar a campanha anticrime do ar é reação do mundo do crime.

Na verdade, não “fica parecendo“.

É mesmo reação do mundo crime, da bandidagem pesada, sem qualquer sombra de dúvida.

Só isso.

A quadrilha zisquerdóide está apavorada com a perspectiva deste pacote ser aprovado.

Eles estão desesperados com o lema “A lei tem que estar acima da impunidade”

Arrocha, Moro!!!

Enfia a pajaraca no fiofó dessa canalha!!!

Deixe uma resposta