JOSÉ RAMOS - ENXUGANDOGELO

Bonde 38 no trajeto para o Centro

1 – O BONDE

Era exatos 11 km a distância percorrida pelo bonde 38, do ponto final da linha, no bairro Perizes até o Centro da cidade. Esse percurso demorava um pouco mais de 1 (uma) hora para ser percorrido, por conta do excesso de paradas e o embarque e desembarque de passageiros.

Desde a estação Santo Amaro, até o abrigo público na Praça João Lisboa, naquele sobe-e-desce, o 38 carregava cerca de 250 passageiros do início ao fim do percurso. Na estação Santo Amaro, a demora não era tão grande, haja vista que o motorneiro Saturnino, apelidado por todos com o carinhoso “Salu”, virava a lança elétrica num piscar de olhos – também não demorava mudar de posição e dar partida para mais uma viagem. Agora, de volta.

Mas, algumas paradas estratégicas eram necessárias. Uma, na feira livre, quando o 38 trafegava de Perizes para o Centro, para que alguns vendedores de legumes, frutas e outros que tais descessem para vender seus produtos, e outros para “fazer a própria feira” da semana. Isso sem contar algumas pessoas que se dirigiam para o Centro no percurso da volta, após realizarem suas compras na própria feira livre.

Outra parada que muitos de hoje chamariam de “parada técnica”, acontecia quando o sinal ficava vermelho, avisando que vinha outro bonde no sentido contrário na mesma linha. Havia a necessidade de esperar a passagem do 30.

Pois, nessa espera, a vida de “Salu” foi embalada e teve uma drástica mudança. Durante as cinco ou seis viagens diárias entre os dois pontos finais, aquela parada no sinal vermelho, sempre por volta das 10 horas, foi transformada no alimento sentimental da alma do motorneiro. Na parada para esperar o sinal, “Salu” avistava numa janela de uma casa do outro lado da rua, uma bela e sorridente senhorita. Apoiada na janela, a jovem sorria, distribuindo a alegria que vinha de dentro de si.

Por vários dias, meses e anos, aquele verdadeiro presente acabou cativando “Salu”. Com o tempo, Salu sequer observava se o sinal ficara vermelho ou pouco lhe interessava se o bonde 30 passara ou não. Era o sorriso da jovem que o fazia parar.

Aos poucos, os meios de transportes da cidade e do bairro foram se modernizando. Não demorou muito, até que o novo Prefeito resolveu extinguir o serviço dos bondes, substituindo-os por ônibus, também elétricos, para aproveitar a rede aérea já instalada.

A empresa alocada para a prestação do serviço dos bondes foi avisada da medida drástica e intempestiva do novo Prefeito. Eis que, numa manhã de sábado, consciente de que aquele seria o seu último dia de trabalho, por volta das 10 horas, “Salu” cumpriu a parada técnica. O sinal estava vermelho. O bonde 30 não tardaria a trafegar no sentido contrário. “Salu” parou o bonde 38, se atreveu a acenar para a jovem, que abrira aquele maravilhoso sorriso, como se estivesse retribuindo a gentileza.

O 38 foi ao Centro, cumprindo seu destino. Na viagem de volta passaria ainda mais próximo da janela da jovem sorridente. Ela já não estava mais na janela. Aliás, na viagem de volta do bonde 38, ela nunca permanecia ali, encostada e distribuindo sorrisos. Foi aquela a última viagem do bonde 38.

Demitido, “Salu” recebera proposta para continuar trabalhando na empresa. Mas precisaria mudar de cidade: Rio de Janeiro, ou Santos. Preferiu resolver a vida, e foi fazer uma visita para a senhorita da janela.

Na residência foi muito bem atendido pelos pais da jovem. Inicialmente não demonstrou que era apaixonado pela beleza jovem que enfeitava aquela janela. Mas, ousou perguntar. E perguntou.

Como resposta teve o anúncio de que a jovem havia viajado para a Alemanha, para concluir um tratamento de saúde: era autista. Aquele lindo sorriso das 10 horas, na janela, era inconsciente.

Moça linda na janela

2 – A GAIVOTA

2304 o voo internacional

O voo 2304 internacional da Varig, partindo do Aeroporto de Guararapes (Gilberto Freyre) com destino a Espanha, e pouso programado para o Aeroporto Adolfo Suárez (Madrid-Barajas) acontecia três vezes por semana.

Foi, provavelmente, por conta disso que o sistema de fiscalização federal brasileiro centralizou em Recife a checagem e liberação internacional das viagens. Recife era o centro de atendimento, quando se referia aos viajantes do norte e nordeste. Anos depois, Belém passou a atender esse serviço, e hoje quase todas das capitais nordestinas têm seus serviços alfandegários e federais para esse fim.

Mas, era mais ou menos assim que funcionava, quando ainda existiam as linhas aéreas da Varig e da Vasp.

A rota, quem viajava sabia, era a mesma. Durou anos assim. A Varig também tinha o hábito de manter sempre a mesma tripulação. Isso, entendiam os administradores, garantia o bom desenvolvimento do trabalho, principalmente das atendentes de bordo (Aeromoças) que também ficaram conhecidas de alguns passageiros que viajavam com mais frequência para as terras bascas.

A coisa funcionava tão bem, que, entre as atendentes, um sorriso podia significar mais que um cativante sorriso. O sorriso dizia algo.

Aquela equipe funcionava bem. Suas famílias eram amigas e quase todos se conheciam.

O comandante da aeronave, Filemon, era tão responsável, amável e competente, que jamais confiava em deixar aquele moderno e potente avião (naqueles tempos!) com o piloto automático.

Com o passar dos tempos foi descoberto que ele, Filemon, mantinha um relacionamento forte e fervoroso com a aeromoça Anna Paula, um espetáculo de mulher, poliglota e muito competente profissional nas suas tarefas de bem-atender os passageiros, e manter o respeito dos demais amigos tripulantes.

À medida que o tempo passava e as viagens aconteciam, Filemon e Anna Paula se apaixonaram perdidamente. A responsabilidade na execução diária e pública do trabalho, entretanto, não lhes permitia transgredir ou confundir as coisas.

Eis que, certo dia e num raro momento de folga entre uma viagem e outra, Anna Paula precisou sair da rotina e foi visitar um parente que se encontrava hospitalizado. Ela receava que aquele parente se encantasse num dia e momento que ela estivesse do outro lado do Atlântico.

No percurso para o hospital, um acidente automobilístico ceifou a vida da jovem senhorita. Consternação total, principalmente entre os demais componentes da equipe de trabalho.

O voo 2304 tinha viagem programada para o dia de féretro. Ninguém da tripulação pode comparecer, muito menos Filemon, a quem competia conduzir a aeronave da Varig.

O sol brilhava no céu de brigadeiro, quando a aeronave levantou voo. Os vários sorrisos dos tripulantes, percebia-se, não tinha espontaneidade. Mas existiam.

A gaivota em voo transatlântico

Quando a aeronave atingiu a altitude estabelecida pelas normas, durante cerca de 20 minutos sobre o Atlântico, incrédulo, Filemon percebeu que, cerca de 200 metros da cabine de comando, uma gaivota plainava acompanhando o avião. Ele não teve dúvidas que, debaixo daquelas penas, com os pés esticados para impelir o voo, tinha alguém que ele conhecia.

4 pensou em “O BONDE E A GAIVOTA

  1. O bonde !. Saudade do 42 que ia para a praia do Embaré . Do 44 que pegava para ir para aula de educação física no Clube de Regatas Santista no tempo do ginásio . Do bonde 1 . No meu tempo de escola haviam bondes abertos e os bondes fechados que chamávamos de camarão. Deu saudades e fui procurar na net o que mostravam a respeito.

    OS ITINERÁRIOS

    Esta é a relação dos itinerários dos bondes de Santos, conforme publicada no Guia Santista de 1956 (mantidas a grafia e a toponímia originais, bem como a citação original da Rua XV de Novembro em São Vicente):

    Bonde Nº 1 – São Vicente via Matadouro
    Ida – Praça dos Andradas, esquina da Rua Visc. de São Leopoldo, Rua Visc. de São Leopoldo, Largo da Saudade (Saboó), Av. Bandeirantes, Rua Nossa Senhora de Fátima (Matadouro), Av. Antonio Emerich, Praça Coronel Lopes, Rua Frei Gaspar, Rua 15 de Novembro, Rua Jacob Emerich, Praça Barão do Rio Branco.
    Volta – Praça Barão do Rio Branco, Rua Martim Afonso, Praça Coronel Lopes, Avenida Antonio Emerich, Rua Nossa Senhora de Fátima (Matadouro), Av. Bandeirantes, Largo da Saudade, Rua Visc. de S. Leopoldo, Rua Visc. de Embaré, Praça dos Andradas.

    Bonde Nº 2 – São Vicente via Praias
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, Av. Ana Costa, Praça da Independência (Gonzaga), Av. Presidente Wilson (José Menino), Av. Manoel da Nóbrega (S. Vicente), Av. Presidente Wilson (S. Vicente), Rua Pêro Corrêa (S. Vicente), Rua 11 de Junho (S. Vicente), Av. Antonio Rodrigues (S. Vicente), Av. Pedro de Toledo (S. Vicente), Rua Frei Gaspar, Rua 15 de Novembro, Rua Martim Afonso (S. Vicente), Rua Padre Manoel (S. Vicente), Rua Marquês de S. Vicente, Rua Capitão Mór Aguiar, ponto final.
    Volta – Rua Capitão Mór Aguiar (S. Vicente), Rua Marquês de S. Vicente (S. Vicente), Praça João Pessoa (S. Vicente), Rua Padre Manoel (S. Vicente), Rua Martim Afonso (S. Vicente), Praça Barão do Rio Branco (S. Vicente), Rua Frei Gaspar (S. Vicente), Av. Pedro de Toledo (S. Vicente), Av. Antonio Rodrigues (S. Vicente), Rua 11 de Junho (S. Vicente), Av. Manoel da Nóbrega (S. Vicente), Av. Presidente Wilson (José Menino), Av. Ana Costa (Gonzaga), Praça da Independência, Av. Ana Costa, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua Dom Pedro II, Praça Mauá.

    Bonde Nº 3 – José Menino via Av. Ana Costa
    Ida – Rua Frei Gaspar, Rua São Francisco, Rua Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, Av. Ana Costa, Praça da Independência, Av. Presidente Wilson, Rua Newton Prado, Rua Rio Grande do Sul, Rua Santa Catarina.
    Volta – Rua Santa Catarina, Av. Presidente Wilson (Gonzaga), Praça da Independência, Av. Ana Costa, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua Frei Gaspar.

    Bonde Nº 4 – Ponta da Praia via Av. Cons. Nébias
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Braz Cubas, Rua João Pessoa, Rua e Av. Cons. Nébias, Av. Bartholomeu de Gusmão.
    Volta – Av. Bartholomeu de Gusmão (Ponta da Praia), Av. e Rua Conselheiro Nébias, Rua General Câmara, Praça Mauá (Abrigo de Bondes).

    Bonde Nº 5 – Macuco
    Ida – Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Braz Cubas, Rua 7 de Setembro, Av. Conselheiro Nébias, Rua Dona Luiza Macuco, Rua Silva Jardim, Rua Xavier Pinheiro, Rua Batista Pereira, Av. Conselheiro Rodrigues Alves, Rua Rodrigo Silva, Travessa S.M.T.C.
    Volta – Travessa S.M.T.C., Rua Almirante Tamandaré, Av. Conselheiro Rodrigues Alves, Rua 28 de Setembro, Rua Xavier Pinheiro, R. Silva Jardim, Rua Dona Luiza Macuco, Av. Conselheiro Nébias, Rua General Câmara, Rua Augusto Severo.

    Bonde Nº 6 – Vila Matias
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Braz Cubas, Rua Lucas Fortunato, Rua Senador Feijó, Rua Martim Francisco.
    Volta – Rua Martim Francisco, Rua Carvalho de Mendonça, Rua Senador Feijó, R. Lucas Fortunato, Rua Braz Cubas, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, R. Dom Pedro II, Praça Mauá (Abrigo dos Bondes).

    Bonde Nº 8 – Rua Luiz Gama – Via Mercado
    Ida – Frei Gaspar, Rua São Francisco, Praça José Bonifácio, Rua Dr. Cochrane, Praça Iguatemi Martins, Av. Campos Sales, Rua Silva Jardim, Rua Xavier Pinheiro, Rua Batista Pereira, Rua Luiz Gama.
    Volta – Rua Luiz Gama, Rua 28 de Setembro, Rua Xavier Pinheiro, Rua Silva Jardim, Avenida Campos Sales, Praça Iguatemi Martins, Rua Cochrane, Rua Amador Bueno, Rua Frei Gaspar.

    Bonde Nº 9 – Paquetá
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Braz Cubas, Rua João Pessoa, Rua João Otávio.
    Volta – Rua João Otávio, Rua São Francisco, Rua Senador Feijó (Praça José Bonifácio), R. Amador Bueno, Rua Dom Pedro II, Praça Mauá (Abrigo dos Bondes).

    Bonde Nº 10 – Praça da Independência – Via Conselheiro Nébias
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Braz Cubas, Rua João Pessoa, Rua e Av. Conselheiro Nébias, Rua Alexandre Herculano, Av. Ana Costa, Praça da Independência.
    Volta – Praça da Independência, Av. Ana Costa, Rua Alexandre Herculano, Av. e Rua Conselheiro Nébias, Rua General Câmara, Praça Mauá.

    Bonde Nº 13 – Ponta da Praia – Praça Barão Rio Branco (S. Vicente)
    Ida – Av. Bartholomeu de Gusmão (Ponta da Praia), Av. Vicente de Carvalho, Av. Presidente Wilson, Av. Manoel da Nóbrega, Av. Presidente Wilson (S. Vicente), Rua Pêro Corrêa (S. Vicente), Rua 11 de Junho (S. Vicente), Av. Antonio Rodrigues (S. Vicente), Av. Pedro de Toledo (S. Vicente), Rua Frei Gaspar (S. Vicente), Rua 15 de Novembro (S. Vicente).
    Volta – Rua 15 de Novembro (S. Vicente), Rua Jacob Hemerich (S. Vicente), Rua Martim Afonso (S. Vicente), Rua Frei Gaspar (S. Vicente), Av. Pedro de Toledo (S. Vicente), Av. Antonio Rodrigues (S. Vicente), Rua 11 de Junho (S. Vicente), Av. Manoel da Nóbrega (S. Vicente), Av. Presidente Wilson, Av. Vicente de Carvalho, Av. Bartholomeu de Gusmão (Ponta da Praia).

    Bonde Nº 14 – Estrada de Ferro Santos-Jundiaí – José Menino
    Ida – Largo Marquês de Monte Alegre (E.F.S.J.), Rua Tuiuti, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, Av. Ana Costa, Av. Presidente Wilson, Rua Newton Prado, Rua Rio Grande do Sul, Rua Santa Catarina.
    Volta – Rua Santa Catarina, Av. Presidente Wilson, Av. Ana Costa, Rua Rangel Pestana, R. Senador Feijó, Rua Amador Bueno, Rua Dom Pedro II, Pr. Mauá, Rua General Câmara, Praça Rui Barbosa, Rua Visc. de São Leopoldo, Rua São Bento, Praça Marquês de M. Alegre.

    Bonde Nº 15 – Macuco – Bacia
    Ida – Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Praça Antonio Teles, Rua Xavier da Silveira, Rua João Otávio, Rua João Pessoa, Av. Eduardo Guinle, Rua Senador Dantas, Av. Siqueira Campos (Bacia).
    Volta – Av. Siqueira Campos, Rua Almirante Tamandaré, Av. Conselheiro Rodrigues Alves, Rua Senador Dantas, Av. Eduardo Guinle, Rua João Pessoa, Rua João Otávio, Rua General Câmara, Rua Augusto Severo.

    Bonde Nº 16 – Nova Cintra
    Ida – Rua Frei Gaspar, Rua São Francisco, Rua Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, até Jabaquara.
    Volta – Rua Rangel Pestana (Jabaquara), Rua Senador Feijó (Praça José Bonifácio), Rua Amador Bueno, Rua Frei Gaspar.

    Bonde Nº 17 – Campo Grande
    Ida – Rua Frei Gaspar, Rua São Francisco, Rua Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, Rua Antonio Bento, Av. Pinheiro Machado, Av. Bernardino de Campos, Rua Carlos Gomes, Rua José Clemente Pereira, Rua João Caetano.
    Volta – Rua João Caetano, Rua Teixeira de Freitas, Rua Duque de Caxias, Av. Bernardino de Campos, Av. Pinheiro Machado, R. Rangel Pestana, Rua Senador Feijó, Praça J. Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua Frei Gaspar.

    Bonde Nº 18 – Rua Luiz Gama – Via Mercado
    Ida – Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Braz Cubas, Rua João Pessoa, Rua Dr. Cochrane, Praça Iguatemi Martins (Mercado), Av. Campos Sales, Rua Silva Jardim, Rua Xavier Pinheiro, Rua Batista Pereira, Rua Luiz Gama (esquina da Rua 28 de Setembro).
    Volta – Rua Luiz Gama, Rua 28 de Setembro, Rua Xavier Pinheiro, Rua Silva Jardim, Av. Campos Sales, Praça Iguatemi Martins, Rua Dr. Cochrane, Rua Amador Bueno, Praça José Bonifácio, Rua Itororó, Rua General Câmara, Rua Augusto Severo.

    Bonde Nº 19 – Praça Senador Corrêa – Macuco
    Ida – Largo Marquez de Monte Alegre (E.F.S.J.), Rua Tuiuti, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Praça Antonio Teles, Rua Xavier da Silveira, Rua João Otávio, Rua João Pessoa, Av. Eduardo Guinle, Rua Senador Dantas, Av. Dr. Pedro Lessa, Rua Monte Alverne, Praça Senador Corrêa.
    Volta – Praça Senador Corrêa, Rua Felipe Camarão, Av. Pedro Lessa, Rua Senador Dantas, Av. Eduardo Guinle, Rua João Pessoa, Rua João Otávio, Rua General Câmara, Praça Mauá, Pr. Rui Barbosa, Rua Visc. de São Leopoldo, Rua São Bento, Praça Marquez de Monte Alegre (E.F.S.J.).

    Bonde Nº 20 – Praça da Independência (Gonzaga)
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Rangel Pestana, Av. Ana Costa, Praça da Independência (Gonzaga).
    Volta – Praça da Independência (Gonzaga), Av. Ana Costa, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua Dom Pedro II, Praça Mauá (Abrigo dos Bondes).

    Bonde Nº 22 – Praça Barão do Rio Branco (S.Vicente)
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Rangel Pestana, Av. Ana Costa, Praça da Independência, Av. Presidente Wilson (S. Vicente), Rua Pêro Correa (S. Vicente), Rua 11 de Junho (S. Vicente), Av. Pedro de Toledo (S. Vicente), Rua Frei Gaspar (S. Vicente), Praça Barão do Rio Branco (S. Vicente), Rua 15 de Novembro (S. Vicente).
    Volta – Rua 15 de Novembro (S. Vicente), Rua Jacob Emerich (S. Vicente), Rua Martim Afonso (S. Vicente), Praça Barão do Rio Branco (S. Vicente), Rua Frei Gaspar (S. Vicente), Av. Pedro de Toledo (S. Vicente), Av. Antonio Rodrigues (S. Vicente), Rua 11 de Junho (S. Vicente), Av. Manoel da Nóbrega (S. Vicente), José Menino, Av. Presidente Wilson, Praça da Independência, Av. Ana Costa, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua Dom Pedro II, Praça Mauá (Abrigo dos Bondes).

    Obs.: a linha 22 teve outro itinerário depois.

    Bonde Nº 23 – Av. Senador Pinheiro Machado (Via Praia)
    Ida – Rua Frei Gaspar, Rua São Francisco, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Rangel Pestana, Av. Ana Costa, Praça da Independência, Av. Presidente Wilson, Av. Senador Pinheiro Machado (esquina de Alfredo Ximenes).
    Volta – Av. Senador Pinheiro Machado, Av. Presidente Wilson, Praça da Independência, Av. Ana Costa, Rua Lucas Fortunato, Rua Braz Cubas, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno.

    Bonde Nº 27 – Vila Belmiro
    Ida – Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Rangel Pestana, Rua Antonio Bento, Av. Senador Pinheiro Machado, Av. Bernardino de Campos, Rua Tiradentes, Rua Dom Pedro I, Rua Guararapes.
    Volta – Rua Guararapes, Av. Bernardino de Campos, Av. Senador Pinheiro Machado, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua Itororó, Rua General Câmara, Rua Augusto Severo.

    Bonde Nº 29 – Rua Alexandre Martins
    Ida – Largo Marquez de Monte Alegre (E.F.S.J.), Rua Tuiuti, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Praça Antonio Teles, Rua Xavier da Silveira, Rua João Otávio, Rua João Pessoa, Av. Eduardo Guinle, Rua Senador Dantas, Av. Dr. Pedro Lessa, Rua Alexandre Martins (esquina da Av. Bartholomeu de Gusmão – Praia).
    Volta – Rua Alexandre Martins, Av. Dr. Pedro Lessa, Rua Senador Dantas, Av. Eduardo Guinle, Rua João Pessoa, Rua João Otávio, Rua General Câmara, Praça Mauá, Praça Rui Barbosa, Rua Visconde de São Leopoldo, Rua São Bento, Largo Marquez de Monte Alegre (E.F.S.J.)

    Bonde Nº 32 – José Menino – Via Avenida Conselheiro Nébias
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Braz Cubas, Praça José Bonifácio, R. 7 de Setembro, Av. Conselheiro Nébias (Boqueirão), Av. Vicente de Carvalho, Av. Presidente Wilson, Rua Newton Prado, Rua Rio Grande do Sul, Rua Santa Catarina (esquina da Av. Presidente Wilson).
    Volta – Rua Santa Catarina, Av. Presidente Wilson, Av. Vicente de Carvalho (Boqueirão), Av. e Rua Conselheiro Nébias, Rua Amador Bueno, Praça José Bonifácio, Rua Dom Pedro II, Praça Mauá.

    Bonde Nº 37 – Marapé
    Ida – Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, Rua Antonio Bento, Av. Senador Pinheiro Machado, Balão do Marapé (Rua João Caetano).
    Volta – Balão do Marapé, Av. Senador Pinheiro Machado, R. Rangel Pestana, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, R. Amador Bueno, Rua Itororó, Rua General Câmara, Rua Augusto Severo.

    Bonde Nº 39 – E. Ferro Santos-Jundiaí – Praça Senador Corrêa – Ana Costa
    Ida – E.F.S.J., Rua Tuiuti, Praças Senador Vergueiro, Barão do Rio Branco e República, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, Av. Ana Costa, Praça da Independência, Av. Ana Costa, Av. Vicente de Carvalho, Av. Bartolomeu de Gusmão, Rua Alexandre Martins, Av. Pedro Lessa, Rua Felipe Camarão, Praça Senador Corrêa.
    Volta – Praça Senador Corrêa, Rua Monte Alverne, Av. Pedro Lessa, Rua Alexandre Martins, Av. Bartholomeu de Gusmão, Av. Vicente de Carvalho, Av. Ana Costa, Pça. da Independência, Av. Ana Costa, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó, Pça. José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua Itororó, Rua General Câmara, Pça. Mauá, Rua General Câmara, Praça Rui Barbosa, Rua São Leopoldo, Pça. dos Andradas, Rua São Leopoldo, Rua São Bento, E.F.S.J – Largo Marquez de Monte Alegre.

    Bonde Nº 42 – Ponta da Praia – Via Av. Ana Costa
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, Av. Ana Costa, Praça da Independência, Av. Ana Costa, Av. Vicente de Carvalho, Av. Bartholomeu de Gusmão, Ponta da Praia.
    Volta – Ponta da Praia, Av. Bartholomeu de Gusmão, Av. Vicente de Carvalho, Av. Ana Costa, Praça da Independência, Av. Ana Costa, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua Dom Pedro II, Praça Mauá.

    Bonde Nº 44 – Boqueirão
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Braz Cubas, Rua João Pessoa, Rua e Av. Conselheiro Nébias (Boqueirão), Av. Bartholomeu de Gusmão, Rua Oswaldo Cruz, Av. Epitácio Pessoa (esquina da Av. Conselheiro Nébias).
    Volta – Av. Epitácio Pessoa, Av. e Rua Conselheiro Nébias, R. General Câmara, Praça Mauá.

    Obs.: a linha 44 teve outro itinerário também.

    A listagem das linhas dos bondes foi extraída desta publicação de 1956
    A listagem das linhas dos bondes foi extraída desta publicação de 1956

    LINHAS NOTURNAS:

    Bonde Nº 71 – São Vicente – Via Matadouro
    Ida – Praça dos Andradas (esquina da Rua Visconde S.Leopoldo), Largo da Saudade (Saboó), Av. Bandeirantes, Rua Nossa Senhora de Fátima (Matadouro), Av. Antonio Emerich, Praça Coronel Lopes, Rua Martim Afonso, R. Frei Gaspar, Rua 15 de Novembro, Rua Jacob Emerich (esquina da Rua Martim Afonso).
    Volta – Rua Jacob Emerich, Rua Martim Afonso, Praça Barão do Rio Branco, Praça Coronel Lopes, Av. Antonio Emerich, R. Nossa Senhora de Fátima (Matadouro), Av. Bandeirantes, Rua Visc. de S. Leopoldo, Rua Visc. de Embaré, Praça dos Andradas.

    Bonde Nº 72 – São Vicente – Via Praias
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, Av. Ana Costa, Pr. da Independência, Av. Ana Costa, Av. Presidente Wilson, José Menino, Av. P. Manoel da Nóbrega, Av. Presidente Wilson, Rua Pêro Corrêa, Rua 11 de Junho, Av. Antonio Rodrigues, Av. Pedro de Toledo, Rua Frei Gaspar, Rua 15 de Novembro, Rua Jacob Emerich (esquina de Martim Afonso).
    Volta – Rua Jacob Emerich, Praça Barão do Rio Branco, Rua Frei Gaspar, Av. Pedro de Toledo, Av. Antonio Rodrigues, Rua 11 de Junho, Av. Padre Manoel da Nóbrega, José Menino, Av. Presidente Wilson, Av. Ana Costa, Praça da Independência, Av. Ana Costa, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua Dom Pedro II, Praça Mauá.

    Bonde Nº 74 – Ponta da Praia – Via Conselheiro Nébias
    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Braz Cubas, Rua João Pessôa, Rua e Av. Conselheiro Nébias, Av. Bartholomeu de Gusmão, Ponta da Praia.
    Volta – Ponta da Praia, Av. Bartholomeu de Gusmão, Av. e R. Conselheiro Nébias, Rua General Câmara, Praça Mauá.

    Bonde Nº 77 – Marapé
    Ida – Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, Rua Antonio Bento, Av. Senador Pinheiro Machado, esquina da Rua João Caetano.
    Volta – Rua João Caetano, Av. Senador Pinheiro Machado, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua Itororó, Rua General Câmara, Rua Augusto Severo.

    Bonde Nº 79 – Praça Senador Corrêa – Macuco
    Ida – Praça Mauá, Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Praça Antonio Teles, Rua Xavier da Silveira, Rua João Otávio, Av. Eduardo Guinle, Rua Senador Dantas, Av. Pedro Lessa, Rua Monte Alverne, Praça Senador Corrêa.
    Volta – Praça Senador Corrêa, Rua Felipe Camarão, Av. Pedro Lessa, Rua Senador Dantas, Av. Eduardo Guinle, Rua João Pessoa, Rua João Otávio, Rua General Câmara.

    Guia dos Veranistas, de 1950

    Em 1950, o Guia dos Veranistas registrava o percurso feito por outros bondes em Santos, que tiveram as linhas desativadas nos anos seguintes:

    Bonde Nº 7 – Boqueirão
    Ida – Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Ruas Braz Cubas e Sete de Setembro, Avenida Conselheiro Nébias, Boqueirão.
    Volta – Boqueirão, Avenida Ana Costa, Ruas Lucas Fortunato e Braz Cubas, Praça José Bonifácio, Ruas Amador Bueno e D. Pedro I, Praça Mauá, Praça Barão do Rio Branco.

    Bonde Nº 11 – Paquetá
    Ida – Rua Augusto Severo, Praças Barão do Rio Branco e da República, Avenida Senador Feijó, Rua João Pessoa, Paquetá.
    Volta – Paquetá, Rua General Câmara, Rua Augusto Severo.

    Bonde Nº 12 – Boqueirão – Via Avenida Ana Costa
    Ida – Praça Rui Barbosa, Rua Visconde de São Leopoldo, Praça dos Andradas, Avenidas São Francisco e Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, Avenidas Ana Costa e Vicente de Carvalho, Boqueirão.
    Volta – Boqueirão, Avenida Conselheiro Nébias, Rua General Câmara, Praça Rui Barbosa.

    Bonde Nº 24 – Ponta da Praia
    Estrada de Ferro Santos-Jundiaí, Rua Tuiuti, Praças Barão do Rio Branco e da República, Ruas Braz Cubas e Sete de Setembro, Avenidas Conselheiro Nébias, Bartolomeu de Gusmão e Saldanha da Gama, Ponta da Praia.

    Em 1963, existiu também esta linha, que não passava pelo centro de Santos, conforme informações enviadas a Novo Milênio por Emílio Sérgio Pechini e Allen Morrison:

    Bonde Nº 25 – Marapé-Macuco

    Ida – Rua João Caetano, Pinheiro Machado, Rangel Pestana, Senador Feijó, Marechal Pego Junior, Conselheiro Nébias, Luiza Macuco, Silva Jardim, Xavier Pinheiro, Batista Pereira, Cons. Rodrigues Alves, Rua Rodrigo Silva, Travessa SMTC, Ponto Final (junto com o final da linha 5).

    Volta – Travessa S.M.T.C., Almirante Tamandaré, Conselheiro Rodrigues Alves, 28 de Setembro, Xavier Pinheiro, Silva Jardim, Luiza Macuco, Lucas Fortunato, Av. Ana Costa, Pinheiro Machado, Balão do Marapé (Rua João Caetano).

    Informam ainda Emilio Pechini e Allen Morrison: “Porém, em 1966, com o início da instalação da linha 8 de trólebus, que englobaria as linhas 5, 8 e 15 de bondes, estas tiveram que ser extintas, sendo a linha 8 extinta em 16/06/1966, a linha 15 em 18/09/1966 e a linha 5 em 09/10/1966. A linha 25 de bondes tinha alguns trechos de itinerários que coincidiam com o futuro trajeto da linha 8 de trólebus:

    “Trólebus 8: Rua D. Pedro II, Rua João Pessoa, Rua Dr. Cóchrane, Pça. Iguatemi Martins, Av. Campos Salles, ruas República Portuguesa, Silva Jardim, Xavier Pinheiro, Batista Pereira, Av. Cons. Rodrigues Alves, Rua Almirante Tamandaré, Rua Osvaldo Cóchrane, Rua Nabuco de Araújo, Rua Greenhalg, Rua Com. Alfaia Rodrigues, ponto final.

    “Bonde 25: Ida: Rua João Caetano, Pinheiro Machado, Rangel Pestana, Senador Feijó, Marechal Pêgo Junior, Conselheiro Nébias, Luiza Macuco, Silva Jardim, Xavier Pinheiro, Batista Pereira, Cons. Rodrigues Alves, Rua Rodrigo Silva, Travessa SMTC. Volta: Rua Almirante Tamandaré fazendo itinerário inverso daí em diante.

    “Então para não extinguir a linha 25 de bondes, houve a partir de 10/10/1966 uma alteração no itinerário, quando a partir daquela data o bonde 25 não mais seguiria via Macuco e sim, via Cais, agora passando obrigatoriamente pelo centro da cidade e também não mais passando pela Avenida Conselheiro Nébias, avenida que em 1/12/1966 teria os bondes definitivamente erradicados, com a supressão das linhas 4, 10, 29, 33, 44, 52 e 94. Também a partir dessa data a linha 25 de bondes teria seu itinerário estendido novamente, desta vez, até a Praça Senador Corrêa.”

    Itinerário dos bondes no centro de Santos em mapa de aproximadamente 1937. Imagem da coleção Allen Morrison – EUA.
    Itinerário dos bondes no centro de Santos em mapa de aproximadamente 1937
    Imagem da coleção Allen Morrison – EUA

    LINHAS EXPRESSAS:
    Os bondes expressos já não funcionavam em 1956 e são tratados em outro ponto desta série. Esta relação é do Guia dos Veranistas, de 1950:

    Bonde Nº X – Ponta da Praia
    Rua Frei Gaspar, Ruas João Pessoa, Braz Cubas e Dona Luiza Macuco, Avenidas Conselheiro Nébias e Bartolomeu de Gusmão, Rua Imperatriz Leopoldina.

    Bonde Nº Y – Canal 1
    Rua Frei Gaspar, Ruas João Pessoa, Braz Cubas e Lucas Fortunato, avenidas Ana Costa, Presidente Wilson e Senador Pinheiro Machado, Estrada de Ferro Sorocabana.

    OUTROS ITINERÁRIOS:

    Estes itinerários e correções foram informados por Sérgio Roberto Cordeiro em mensagem a Novo Milênio/O Bonde datada de 27/3/2009. Ele explica: “Os dados colhidos desses itinerários, foram através de experiência pessoal, pois tenho 62 anos e andei em todas essas linhas, e informações de pessoas que trabalhavam no antigo S.M.T.C., depois C.S.T.C. Trabalhei muito tempo no Consulado da Finlândia no antigo prédio da Western Telegraph, que se situava em frente à Bolsa de Café”.

    Sobre as linhas, comenta: “A linha 22, depois de poucos anos do itinerário original, passou definitivamente a circular pela Avenida Senador Pinheiro Machado até S. Vicente”.

    Ele cita a existência da linha 53: “Estou pesquisando ainda uma linha que existiu em Santos, a de nº 53, que – chegando à Praça da Independência – ao invés de contorná-la e seguir para a praia, virava na Avenida Floriano Peixoto e na Rua Marcílio Dias no sentido Praia. Em fotos da praça Independência existe a comprovação de que existiu essa linha, pois mostra claramente esse desvio, bem como também do lado oposto de quem vinha da praia, virando na Floriano Peixoto. Essa linha existiu nos anos 1930”.

    Sérgio continua: “Os trilhos da Rua Senador Feijó foram retirados e então os bondes que seguiam para a cidade por essa rua (depois avenida), passaram a ir e voltar pela Rua Braz Cubas. Interessante é que na ida e na volta, na divisa de Santos e São Vicente, cobrava-se outra passagem; ou seja quem usasse as linhas de São Vicente pagava duas passagens. Isso valia também para a antiga linha 1, que ia via Matadouro, e também tinha cobrança na divisa entre Santos e São Vicente. Como deveria ser caro trabalhar em outro município, pagando ida e volta (4 passagens)!”

    Estes são os itinerários informados por Sérgio Cordeiro, com suas observações:

    Bonde Nº 21 – auxiliar da linha 1
    Ida – Praça dos Andradas, Rua Visconde de São Leopoldo, Largo da Saudade (Saboó), Avenida Bandeirantes, Rua Nossa Senhora de Fátima, Divisa Santos/São Vicente, Avenida Antonio Emmerick (esquina com a Rua Américo Martins dos Santos, junto ao quartel do antigo 2º Batalhão de Caçadores).
    Volta – Avenida Antonio Emmerick, Divisa São Vicente/Santos, Rua Nossa Senhora de Fátima, Avenida Bandeirantes, Largo da Saudade (Saboó), Rua Visconde de São Leopoldo, Rua Visconde do Embaré, Praça dos Andradas.

    Bonde Nº 22 – Novo itinerário – São Vicente via Pinheiro Machado

    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó (depois via Rua Braz Cubas), Praça José Bonifácio, Rua Senador Feijó (depois via Rua Braz Cubas), Rua Rangel Pestana, Praça Narciso de Andrade (estação dos bondes da Vila Mathias), Rua Antonio Bento, Avenida Senador Pinheiro Machado, Praça Dutra Vaz (em frente ao campo da A.A.Portuguesa), Avenida Senador Pinheiro Machado, Praia do José Menino, Avenida Presidente Wilson, (divisa Santos/São Vicente), Praia do Itararé, Avenida Manoel da Nóbrega, Avenida Presidente Wilson (S. Vicente), Rua Pero Correa, Rua 11 de Junho, Avenida Antonio Rodrigues, Avenida Pedro de Toledo, Rua Frei Gaspar, Rua 15 de Novembro, Rua Jacob Emmerick, Praça Barão do Rio Branco (S. Vicente).

    Volta – Praça Barão do Rio Branco (S. Vicente), Rua Frei Gaspar, Avenida Pedro de Toledo, Avenida Antonio Rodrigues, Rua 11 de Junho, Praia do Itararé, Avenida Manoel de Nóbrega, (divisa São Vicente/Santos), Praia do José Menino, Avenida Presidente Wilson, Avenida Senador Pinheiro Machado, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó (depois via Rua Braz Cubas), Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua D. Pedro II, Praça Mauá (Abrigo dos Bondes).

    OBS: Anteriormente a linha 22 seguia pela Avenida Ana Costa e não pela Avenida Senador Pinheiro Machado. Como existia a linha 2 que fazia o mesmo percurso, decidiu-se mudar para a Avenida Senador Pinheiro Machado, o que foi muito bom, pois atendeu-se a um desejo da população das proximidades do canal 1, que tinha dificuldade em se deslocar para São Vicente. Esse itinerário foi o definitivo.

    Bonde Nº 33 – José Menino via Conselheiro Nébias

    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Braz Cubas, Rua João Pessoa, Rua Conselheiro Nébias, Avenida Conselheiro Nébias, Praia do Boqueirão, Avenida Vicente de Carvalho, Praia do Gonzaga, Avenida Presidente Wilson, Praia do José Menino, Rua Newton Prado, Rua Rio Grande do Sul, Rua Santa Catarina.

    Volta – Praia do José Menino, Avenida Presidente Wilson, Praia do Gonzaga, Avenida Vicente de Carvalho, Avenida Conselheiro Nébias, Rua Conselheiro Nébias, Rua Amador Bueno, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua D. Pedro II, Praça Mauá (Abrigo dos Bondes).

    OBS: A linha 33 foi criada entre os anos 64 e 65, como auxiliar da linha 32. Com a extinção das linhas para São Vicente (2, 13, 22 e 32), a linha 33 continuou fazendo o percurso da linha 32, só que até o José Menino.

    Bonde Nº 34 – Ponta da Praia via Pinheiro Machado

    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó (depois via Rua Braz Cubas), Praça José Bonifácio, Rua Senador Feijó, Rua Rangel Pestana, Praça Narciso de Andrade (estação dos bondes da Vila Mathias), Rua Antonio Bento, Avenida Senador Pinheiro Machado, Praça Dutra Vaz (em frente ao Campo da A.A.Portuguesa), Avenida Senador Pinheiro Machado, Praia do José Menino, Avenida Presidente Wilson, Rua Newton Prado, Rua Rio Grande do Sul, Rua Santa Catarina, Praia do José Menino, Avenida Presidente Wilson, Praia do Gonzaga, Avenida Vicente de Carvalho, Praia do Boqueirão, Avenida Bartolomeu de Gusmão, Praia do Embaré, Avenida Almirante Saldanha da Gama, Ponta da Praia.

    Volta – Balão de retorno em frente ao Clube Internacional de Regatas, Avenida Almirante Saldanha da Gama, Praia do Embaré, Avenida Bartolomeu de Gusmão, Praia do Boqueirão, Avenida Vicente de Carvalho, Praia do Gonzaga, Avenida Presidente Wilson, Praia do José Menino, Avenida Senador Pinheiro Machado, Praça Dutra Vaz (em frente ao Campo da A.A. Portuguesa), Avenida Senador Pinheiro Machado, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó (depois via Rua Braz Cubas), Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua D. Pedro II, Praça Mauá (Abrigo dos Bondes).

    OBS: A linha 34 também atendeu a um anseio da população próxima ao canal 1, na questão do deslocamento para a Ponta da Praia. Foi criada no ano 1963. (Eu mesmo utilizava essa linha para ir com a minha namorada, hoje esposa, para a casa dos tios dela).

    Bonde Nº 44 – Embaré via Cons. Nébias – Outro itinerário

    Ida – Praça Mauá (Abrigo dos Bondes), Rua Cidade de Toledo, Rua Augusto Severo, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Braz Cubas, Rua Lucas Fortunato, Avenida Conselheiro Nébias, Praia do Boqueirão, Rua Osvaldo Cruz, Avenida Epitácio Pessoa.

    Volta – Avenida Conselheiro Nébias, Rua Conselheiro Nébias, Rua General Câmara, Praça Mauá (Abrigo dos Bondes)

    OBS: A linha 44 sofreu durante os anos algumas modificações:

    – A 1ª foi a transferência da Rua Lucas Fortunato para a Rua Sete de Setembro e continuando o itinerário normal pela Avenida Conselheiro Nébias.

    – A 2ª modificação foi a transferência da Rua Sete de Setembro para a Rua João Pessoa e depois continuando o itinerário normal pela Avenida Conselheiro Nébias, sendo que em vez de virar na Rua Osvaldo Cruz, seguia até o balão em frente a Igreja do Embaré e depois retornava ao itinerário normal, só que entrando direto na Avenida Conselheiro Nébias.

    – A 3ª modificação foi quando a linha 44 passou a fazer o sentido inverso da linha 52: em vez de virar na Conselheiro Nébias, seguia pela Avenida Vicente de Carvalho, virando na Avenida Ana Costa e dali seguindo para o Centro da Cidade, pela Rua Rangel Pestana, Rua Braz Cubas, Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua D. Pedro II, Praça Mauá (Abrigo dos Bondes). Como a linha 52, a linha 44 passou a fazer o mesmo percurso das extintas linhas 7 e 12.

    Bonde Nº 49 – Senador Dantas/Pedro Lessa

    Ida – Largo Marquês de Monte Alegre (em frente a estação da E.F.Santos a Jundiaí), Rua Tuiuti, Largo Senador Vergueiro, Praça Azevedo Júnior, Rua Tuiuti, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Praça Antonio Telles, Rua Xavier da Silveira, Rua João Otávio, Rua Amador Bueno, Avenida Eduardo Guinle, Rua Senador Dantas (até a esquina com a Avenida Pedro Lessa, em frente ao antigo Cine Santo Antonio).

    Volta – Rua Benjamin Constant, Rua Alfaia Rodrigues, Rua Senador Dantas, Rua Amador Bueno, Rua João Otávio, Rua General Câmara, Praça Mauá, Rua General Câmara, Praça Rui Barbosa, Rua Visconde de São Leopoldo, Praça dos Andradas, Rua Visconde de São Leopoldo, Rua São Bento, Largo Marquês de Monte Alegre (em frente a E.F.Santos a Jundiaí)

    OBS: Criada no início dos anos 60, para auxiliar a linha 19 nos horários de pico. Tinha exatamente o mesmo itinerário da linha 19, só que ia até a esquina da Rua Senador Dantas com a Avenida Pedro Lessa, retornando pela Rua Benjamin Constant, virando na Rua Alfaia Rodrigues e entrando novamente na Rua Senador Dantas, retornando para o Centro da Cidade.

    Bonde Nº 52 – Embaré via Ana Costa

    Ida – Rua Augusto Severo (atrás do Paço Municipal), Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó (depois via Rua Braz Cubas), Praça José Bonifácio, Rua Senador Feijó (depois via Rua Braz Cubas), Rua Rangel Pestana, Praça Narciso de Andrade (estação dos bondes na Vila Mathias), Avenida Ana Costa, Praça da Independência (Gonzaga), Avenida Ana Costa, Praia do Gonzaga, Avenida Vicente de Carvalho, Praia do Boqueirão, Avenida Bartolomeu de Gusmão (balão de retorno em frente à Igreja do Embaré).

    Volta – Avenida Bartolomeu de Gusmão, Praia do Boqueirão, Avenida Vicente de Carvalho, Praia do Gonzaga, Avenida Ana Costa, Praça da Independência (Gonzaga), Avenida Ana Costa, Rua Rangel Pestana, Rua Senador Feijó (depois via Rua Braz Cubas), Praça José Bonifácio, Rua Amador Bueno, Rua Itororó, Rua General Câmara, Rua Augusto Severo.

    OBS: A linha 52 depois trocou o itinerário com a linha 44, ou seja passou a voltar pela Avenida Conselheiro Nébias, sendo que a linha 44 passou a fazer o inverso, ou seja, voltar pela Avenida Ana Costa, lembrando as extintas linhas 7 e 12, respectivamente.

    Bonde Nº 94: Alexandre Martins via Cons. Nébias

    Ida – Largo Marquês de Monte Alegre (defronte à estação da E.F.Santos a Jundiaí), Rua Tuiuti, Largo Senador Vergueiro, Praça Azevedo Junior, Rua Tuiuti, Praça Barão do Rio Branco, Praça da República, Rua Senador Feijó, Rua João Pessoa, Rua Conselheiro Nébias, Avenida Conselheiro Nébias, Praia do Boqueirão, Avenida Bartolomeu de Gusmão, Rua Alexandre Martins até a esquina da Avenida Pedro Lessa.

    Volta – Avenida Pedro Lessa, Rua Senador Dantas, Avenida Eduardo Guinle, Rua Amador Bueno, Rua João Otávio, Rua General Câmara, Praça Mauá, Rua General Câmara, Praça Rui Barbosa, Rua Visconde de São Leopoldo, Praça dos Andradas, Rua Visconde de São Leopoldo, Rua São Bento, Largo Marquês de Monte Alegre (defronte à estação da Estrada de Ferro Santos a Jundiaí).

    OBS: A linha 94 criada em 1965, foi a última linha de bonde a ser inaugurada em Santos.

    Veja, ilustre passageiro, que esta viagem está apenas começando!

    Carlos Pimentel Mendes

    s Santista

    • Almerindo, boa tarde. Primeiro, quero agradecer a gentileza da leitura e a nobreza do comentário. Infelizmente, o amigo não atentou que escrevi dois pequenos contos. Os contos, quase sempre não são reais. Mostrando a foto do bonde, eu não poderia, jamais, dizer que o bonde era o de número 250, trafegando na China. Sinceramente, eu não sei onde o bonde 38 circulava. No conto que escrevi, era numa pequena cidade imaginária. Volte sempre, amigo!

Deixe uma resposta para Joaquimfrancisco Cancelar resposta