A PALAVRA DO EDITOR

Domingo passado, 21, esta gazeta escrota fez postagem sobre uma incrível história inventada pelo Estadão, um dos expoentes da extrema mídia oposicionista brasileira.

O jornaleco publicou a mentirosa notícia de uma criança que havia se recusado a cumprimentar o presidente da república numa cerimônia realizada na última quarta-feira no Palácio do Planalto.

Publicou e, em seguida, foi obrigado a se desmentir.

Na verdade, Bolsonaro perguntou se a criança era do Palmares e ela, que é flamenguista, respondeu que não, balançando a cabeça.

Quem quiser rever a postagem, é só clicar aqui .

Um descaramento da porra, uma estupidez sem limites desse tal de Estadão.

Tá conseguindo mentir mais do que o Jornal da Besta!!!

Desde que o PT foi extinto e sepultado nas últimas eleições, a grande imprensa deste país simplesmente deixou a isenção de lado e passou, descaradamente, a fazer oposição ao novo governo.

Veja,  Estadão, Globo e Folha lideram o time dos furiosos.

E aí, quando foi ontem, eu vi no Twitter do homi esta postagem que está abaixo reproduzida:

Pois é: a menina Yasmim e seus pais foram recebidos em palácio ontem, quinta-feira, pra compensar o aperreio que tiveram depois que a mentira foi publicada.

Mereceram a mordomia!

Mais uma pajaraca de grosso calibre foi devidamente enfiada bem no meio do olho do furico da grande mídia oposicionista petralha.

Sem pena, sem cuspe e sem vaselina.

Deixe uma resposta