CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

COMENTÁRIOS COMENTADOS – UMA PROVA MATEMÁTICA DE QUE MARCINHA TRIBUFURI E UM TRATOR SÃO IGUAIS

* * *

“ELA (MARCIA TIBURI) É UMA FILÓSOFA, ESCRITORA, CULTA, NÃO É BURRA.” – Ano, Boi

* * *

Como gosto bastante de Matemática, abro o texto com um prelúdio sobre um ramo dela que acho fascinante chamado “Topologia”.

Considerada uma espécie de extensão da Geometria, Topologia é uma área da Matemática que estuda os chamados “espaços topológicos”. Ou seja, espaços que partilham entre si uma propriedade de igualdade chamada “homeomorfismo”. Por sua vez, dois ou mais espaços são homeomorfos (topologicamente iguais) entre si quando, ao sofrerem homeomorfismos (transformações que seguem uma série de regrinhas topológicas, tais como deformar, mas não romper ou colar partes outrora separadas), conservam entre si uma determinada característica.

Sei que, por mais que eu tenha buscado simplificar do que se trata (não consegui enxugar mais do que disso), a definição acima para os não-familiarizados deixa de ser truncada apenas após visualizar o exemplo abaixo:

Embora uma caneca e uma rosquinha sejam geometricamente diferentes (distinguem-se pela forma), topologicamente são indistinguíveis, pois o buraco no meio de ambas é o que diz que existe homeomorfismo (igualdade topológica) entre elas. Ou seja: a presença do buraco durante toda a transformação é o que preserva a identidade topológica desse espaço que pode se tornar tanto uma caneca quanto uma rosquinha sem violar as regras de transformações topológicas.

Desse modo, graças a Topologia pude encontrar a explicação para a ₢ filósofa, escritora e culta ₢ Marcinha Tribufuri nos deixar perplexos com insights tais quais “laicidade do cu”, “lógica no assalto”, e outro que deve ser novidade nesse espaço no qual o Lapa de Corrupto é o “crush” (terminologia da lacrosfera “teen” para “macho-alfa”) com o qual todas as mulheres gostariam de casar.

Isso mesmo. TODAS! SEM EXCEÇÃO! Incluindo até nossas mães e as mulheres da banda decente de Banânia. Consequentemente, isso me fez concluir que o único espaço topológico que vi partilhar de homeomorfismo com Marcinha Tribufuri foi um veículo conhecido por “trator”.

Embora haja distinções geométricas em somente um deles ter utilidade, vigor ou complexidade, ainda assim Marcinha Tribufuri e um trator são homeomorfos (topologicamente iguais) entre si, pois a ₢ filósofa, escritora e culta ₢ não seria capaz de obrar monólitos de diarreia cognitiva tão colossais como os supracitados no parágrafo acima se não possuísse, assim como o robusto veículo, uma estrutura de enorme diâmetro:

Uma roda (LAICA E DE PREGAS ASSALTADAS) larga e bem grande!

Marcinha Tribufuri, se tivesse quatro cérebros (e trabalhasse)

Um trator, se tivesse só uma roda (e fosse ₢ filósofo, escritor e culto ₢)

N.E – (₢) ponto de ironia

Deixe uma resposta